WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
shopping jequitiba prefeitura ilheus embasa Neste site
maio 2020
D S T Q Q S S
« abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: ‘Uesb’

PROFESSORES DA UESC APROVAM PARALISAÇÃO E ATO PÚBLICO CONTRA MAIOR ARROCHO SALARIAL DOS ÚLTIMOS 20 ANOS

A paralisação foi aprovada em Assembleia realizada nesta terça-feira (17)

Após três anos sem correção das perdas salariais provocadas pela inflação, os professores das Universidades Estaduais da Bahia (UEBA) acumulam o maior arrocho salarial dos últimos 20 anos. O dado faz parte de uma pesquisa encomendada pelo Fórum das Associações de Docentes (ADs) da UESC, UEFS, UESB e UNEB ao Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (DIEESE). 

Além da questão salarial, os professores reclamam o constante desrespeito aos direitos trabalhistas, e o orçamento insuficiente para a manutenção das universidades. A falta de diálogo por parte do governo também faz parte das denuncias dos professores. Já são mais de 5 meses sem uma reunião com o governo #RuiCorta.

Em resposta a intransigência do governo, o Fórum das ADs realizará um ato público, no dia 25 de Abril, em Salvador. O ato será fortalecido pela paralisação das atividades acadêmicas na UESC, aprovada pela Assembleia nesta terça-feira (17). A proposta também será apreciada pelos professores da UEFS, nesta terça-feira, e na quarta-feira (18) pela assembleia da UESB. Na UNEB, a Assembleia docente realizada no dia 10 de março também aprovou a paralisação das atividades com portões fechados em todos os Campi.

:: LEIA MAIS »

UFBA, UESC E UFOB SÃO MELHORES UNIVERSIDADES BAIANAS; VEJA RANKING

O Ministério da Educação (MEC), através do Instituto Nacional de Pesquisas e Estudos Educacionais Anísio Teixeira (Inep), divulgou, nesta segunda-feira (27), os Indicadores de Qualidade da Educação Superior do ano de 2016. Na Bahia, onze universidades foram avaliadas em relação ao Índice Geral de Cursos (IGC), e a Universidade Federal da Bahia (Ufba) alcançou nota mais alta, com 3,6627.

Em segundo lugar vem a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) com 3,2309, seguida da Universidade Federal do Oeste Baiano (Ufob), com 3,0714. Seis instituições, ao todo, todas de ensino público, atingiram a faixa 4 do indicador – desempenho considerado bom.

As cinco restantes ficaram na faixa 3 do indicador. A Universidade Salvador (Unifacs) foi a instituição privada mais bem colocada com nota de 2,6529. A outra instituição particular da lista, a UCSal, ficou em último entre todas as universidades avaliadas no estado, com 2,2324.

O IGC é calculado com base na média de três conceitos no último triênio: Conceito Preliminar de Curso (CPC), Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) dos cursos das instituições avaliadas e o dos conceitos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) dos cursos de mestrado e doutorado.

Confira o ranking abaixo:
1° Universidade Federal da Bahia (Ufba) – 3,6627
2º Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) – 3,2309
3º Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufob) – 3,0714
4º Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) – 3,0531
5º Instituto Federal Baiano (IFBaiano) – 3,0120
6 º Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) – 3,0104
7º Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) – 2,7874
8º Instituto Federal da Bahia (IFBA) – 2,7714
9º – Universidade Salvador (Unifacs) – 2,6529
10 º Universidade do Estado da Bahia (Uneb) – 2,3774
11º Universidade Católica do Salvador (Ucsal) – 2,2324

:: LEIA MAIS »

UESB ABRE INSCRIÇÕES PARA O VESTIBULAR 2018; SÃO 1.186 VAGAS

Campus da Uesb em Vitória da Conquista. Foto: Reprodução/TV Sudoeste.

Foram abertas na última terça-feira (7) as inscrições para o vestibular 2018 da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), que possui campi em Vitória da Conquista, Jequié e Itapetinga. O processo seletivo objetiva o preenchimento de 1.186 vagas, em 61 cursos, sendo 727 vagas para o I Período letivo de 2018 e 459 vagas para o II Período letivo de 2018.

As inscrições devem ser realizadas até 23 de novembro, exclusivamente através do site oficial do processo seletivo (www.uesb.br/vestibular). A taxa de inscrição custa R$ 100 e pode ser paga em qualquer banco ou casas lotéricas.

No ato da inscrição, o candidato deverá selecionar o município onde fará as provas do vestibular 2018, podendo optar por Vitória da Conquista, Jequié ou Itapetinga. O local de provas será divulgado posteriormente, através do Cartão de Convocação, impresso através do site do processo seletivo. O cartão conterá: nome, nº do documento de identidade, nº de inscrição, opção de curso, de língua estrangeira e da categoria escolhida (quando for o caso de cotista), local e cidade de realização das provas e outras informações complementares.

As provas serão realizadas em 25 e 26 de fevereiro de 2018. No primeiro dia, serão aplicadas as avaliações de Língua Portuguesa/Literatura Brasileira, Língua Estrangeira, Matemática, além da redação. No segundo dia, serão realizadas as provas de Ciências Humanas – História, Geografia e Conhecimentos Contemporâneos -, e Ciências da Natureza – Física, Química e Biologia.

Para maiores detalhes com relação ao vestibular 2018 da Uesb, o edital pode ser consultado através da internet.

Fonte: G1

MAIS DE 4,6 MIL UNIVERSITÁRIOS SE INSCREVERAM NA SEGUNDA ETAPA DO MAIS FUTURO

Na segunda etapa, o Programa Mais Futuro recebeu inscrições de 4.601 estudantes das universidades estaduais (Uesc, Uefs, Uesb e Uneb), até o encerramento do prazo, às 23h59 desta sexta-feira (3), para auxílio-permanência e estágio. O programa é direcionado a estudantes em condições de vulnerabilidade socioeconômica e tem o objetivo de garantir a permanência e a conclusão das suas graduações. Agora, as quatro universidades irão conferir a documentação dos alunos cadastrados, referente aos requisitos necessários para enquadramento no perfil do programa.

“Esta iniciativa beneficia aqueles estudantes que mais precisam de políticas públicas para garantir sua permanência na universidade, o acesso ao estágio e a conclusão do ensino superior. Nosso objetivo é preparar os estudantes para o futuro. Este programa é uma iniciativa importante para assegurar que aquele estudante mais carente permaneça na universidade até o fim do curso”, explicou o secretário estadual da Educação, Walter Pinheiro, acrescentando que este projeto vai ao encontro de outras iniciativas do Governo da Bahia para apoiar a juventude, como o programa Primeiro Emprego e o Partiu Estágio.

São ofertados estágio e auxílio permanência para estudantes de baixa renda participantes do CadÚnico. O auxílio varia de R$ 300 a R$ 600 mensais. Do total de inscritos, 3.148 foram para auxílio destinado a universitários que estudam a até 100 quilômetros da sua cidade de origem. Outros 1.212 foram inscritos na modalidade destinada àqueles que moram em cidades a mais de 100 quilômetros de distância do campus onde estão matriculados. Além disso, 47 estudantes se inscreveram na modalidade complementar, ofertada para aqueles que já recebem outra bolsa federal ou estadual.

Outros 194 estudantes foram para as vagas de estágio. No total, a Universidade do Estado da Bahia (Uneb) foi a que registrou maior demanda, com 2.368 inscritos, seguida pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), com 940; pela Universidade Estadual do Sudoeste (Uesb), com 728 inscritos; e a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), com 565 inscritos.



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia