WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Neste site
janeiro 2020
D S T Q Q S S
« dez    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: ‘rádio’

MIGRAÇÃO DE RÁDIO AM COMEÇA ATÉ O FIM DO ANO

A portaria que define regras para a migração das emissoras que atuam na faixa AM para a FM foi assinada ontem (12) pelo ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, e a troca de banda começará em agosto.
Segundo a Agência Brasil, a expectativa é a de que algumas estações de rádio comecem a operar até o fim do ano. “Nós achamos que isso vai ser um avanço extraordinário. A rádio AM tem uma qualidade de sinal inferior e, migrando para FM, ela vai ter uma audiência melhor, um interesse maior da audiência, e com certeza vai fortalecer a rádio do ponto de vista comercial e financeiro”, disse Bernardo.
A autorização para a mudança de faixa foi sancionada em novembro do ano passado pela presidente Dilma Rousseff, para que as emissoras possam continuar em funcionamento, já que o sinal AM tem piorado a qualidade com o crescimento das cidades, e também poderão ser acessadas por tablets e celulares. Sessões públicas serão organizadas para que os radiodifusores possam pedir a migração.
Em Itabuna, as rádios Difusora e Jornal AMs já manifestaram intenção de migrar para a FM, como forma de ampliar o público, melhorar o sinal e o financeiro das empresas.

DILMA ASSINA DECRETO AUTORIZANDO MIGRAÇÃO DE RÁDIOS AM PARA FM

DILMAAMARADIO
No Dia do Radialista, a presidente Dilma Rousseff assinou nesta quinta-feira (7), em cerimônia no Palácio do Planalto, o decreto que permite a migração das rádios AM para a faixa FM. O decreto atende a um pleito do setor, preocupado com o aumento dos níveis de interferência. 

No discurso, Dilma disse que as rádios AM são um patrimônio do país e que o Estado deve dar as condições para que elas continuem prestando serviços e se adaptando. A medida alcança 98 transmissoras AM na Bahia, que se somam às já existentes 168 estações FMs e 329 comunitárias.

A presidente também relembrou programas da Rádio Nacional que ouvia na infância, de vozes e artistas que fizeram sucesso no veículo de comunicação. Segundo ela, seu programa semanal no rádio, o Café com a Presidenta, propicia chegar mais perto da população, como uma conversa.

Antes da cerimônia, na conta no Twitter, Dilma escreveu que a migração das rádios AM para FM significará mais qualidade de transmissão com menos ruídos e interferências, permitindo às emissoras de rádio ampliar a audiência. “Sou fã de rádio. Cresci ouvindo radionovelas e por muito tempo testemunhei como o rádio foi o eixo da integração da cultura e da identidade nacional.”

A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert) estima que 90% das 1.784 emissoras AM passem a operar na faixa FM. “Nessa frequência, as rádios ganharão qualidade de áudio e de conteúdo, competitividade e alcance por meio de telefones celulares”, informou a associação. 

Segundo o presidente da Abert, Daniel Slavieiro, “a assinatura do decreto é o fato mais relevante para o rádio AM nos últimos 50 anos”. Segundo ele, o custo da migração para as rádios, na compra de equipamentos, será de aproximadamente R$ 100 milhões

Slavieiro explicou por que migrar para a faixa FM em vez de partir direto para a rádio digital. “Por muito tempo acreditamos que a solução seria a digitalização, mas os testes demonstraram que as dificuldades no AM digital são similares às no analógico”, disse, acrescentando ainda a importância da presença nos dispositivos móveis, cada vez mais populares entre a população. “Somente transmitindo na faixa de FM que seremos sintonizados pelos mais de 160 milhões de aparelhos celulares que têm rádio, sem custo algum para o usuário. Essa é a importância da medida.”

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse que os interessados na migração poderão protocolar requerimento no ministério a partir de 1º de janeiro de 2014. Quem quiser se manter na AM poderá manifestar interesse em ampliar a cobertura nessa faixa. “Para a migração, a Anatel [Agência Nacional de Telecomunicações] fará estudos de viabilidade técnica com vistas a verificar se a inclusão de um novo canal é possível”, explicou o ministro.

Segundo Bernardo, durante um certo tempo será permitido que as rádios transmitam em AM e FM, para que haja a migração da audiência “sem sobressaltos”. “Na hipótese de não haver canal de rádio FM disponível na localidade, serão usadas as frequências ocupadas atualmente pelos canais 5 e 6 de televisão, após finalizado o processo de digitalização da televisão”, disse.

BOICOTARAM A RÁDIO DIFUSORA

Emissora saiu do ar quando o Galego seria entrevistado.

Emissora saiu do ar quando o Galego seria entrevistado.

A Rádio Difusora Sul da Bahia, em Itabuna,  esteve fora do ar ao longo da tarde desta terça-feira (05). O problema ocorreu por volta das 12h05, no exato momento em que o apresentador Gerdan Rosário e o diretor da Morena FM Marcel Leal iniciavam  uma entrevista com o governador da Bahia, Jaques Wagner. A entrevista seria gerada ao vivo através de pool envolvendo as  rádios Difusora, Jornal e Nacional AM e a Morena FM.
Durante toda a tarde de  ontem, técnicos realizaram o trabalho de tentar detectar o problema e colocar a rádio novamente em funcionamento. Funcionários da empresa de telefonia Oi e técnicos da Rádio Difusora descobriram no final da tarde, por volta das 17h30, que a emissora teria sido  vitima de um boicote. Fios da linha privada da rádio foram cortados de forma proposital.
Em contato com a direção da emissora, técnicos da empresa de telefonia afirmaram que se tratava de um ato de vandalismo. O caso foi informado à polícia, que já possui  dados e linha de investigação. O objetivo é que a ação de boicote não fique impune. Clique aqui e confira a notícia completa, no Blog do Thame.

COSME SOLTA O VERBO NA RÁDIO

cosme
O vereador ilheense Cosme Araújo (PDT), vice-líder da oposição na câmara, é um dos entrevistados no programa “O Tabuleiro”, nesta sexta-feira, 06, na Conquista FM.  
A entrevista, que começa as 8h, promete ser uma das mais bombásticas dos últimos tempos, e, dentre os temas a serem abordados, o vereador falará sobre a greve dos servidores, os últimos acontecimentos envolvendo o Reúne Ilhéus e a abertura da Comissão especial de Inquérito, que apurará possíveis denúncias de favorecimento as empresas de transporte coletivo da cidade.

SEMINÁRIO DISCUTE LIBERDADE E DEMOCRATIZAÇÃO DAS MÍDIAS EM ILHÉUS

radialistaO Sindicato dos Radialistas de Ilhéus (Stert/BA) e o Sindicato dos trabalhadores em Rádio, TV e Publicidade do Estado da Bahia (Sinterp/BA) promovem o 1º Encontro Regional Sul de Radialistas e Comunicadores de vários segmentos sociais.
O evento é destinado a profissionais de rádios comunitárias, estudantes de comunicação e assessores de comunicação. Terá início nesta quinta-feira, dia 29, a partir das 18 horas, no plenário da Câmara de Vereadores, e segue até o próximo sábado (31), com o apoio da Fitert/BA, Faculdade de Ilhéus, Câmara Municipal de Ilhéus, Prefeitura Municipal e a Secretaria de Comunicação do Governo da Bahia.
Com o tema central ‘Liberdade de expressão e democratização na radiodifusão’, o seminário tem como objetivo envolver radialistas e comunicadores em discussões sobre o desenvolvimento da atividade e sua importância para a promoção da democracia. Apesar da internet, o Rádio e TV continuam sendo as mídias mais acessadas pelos brasileiros, porém a legislação do setor já completou 50 anos sem passar por atualização que reflita as mudanças no País.
Outro tema a ser debatido é a violência aos profissionais do setor. No ano de 2012, foram registrados sete assassinatos no país, o dobro do ano anterior.
Clique no leia mais e confira a programação.

:: LEIA MAIS »

JABES PREFERE OS MÉTODOS “ARCAICOS” DE COMUNICAÇÃO

sinal de fumaçaSe durante a campanha eleitoral do ano passado, o prefeito Jabes Ribeiro era um assíduo frequentador das redes sociais, depois de eleito isso já não aconteceu.
Bastou sair o resultado das urnas, onde se sagrou vencedor, para que o então prefeito eleito, cessasse de usar tal ferramenta comunicacional, que, de certa forma, o aproximava da população, ou melhor, dos seus eleitores.
E pelo visto, Jabes não tem a menor pretensão de voltar a atualizar o seu perfil na rede social. Talvez por acreditar que não é uma ferramenta importante. O que, diga-se de passagem, é um grande equívoco.
Na contramão das novas técnicas comunicacionais, o prefeito prefere adotar os antigos métodos, que hoje em dia não tem o mesmo efeito de antigamente, ou mais precisamente, quando ele deixou o Paranaguá em sua terceira gestão, no ano de 2004.
Indo quase que semanalmente em um programa de rádio e mandando distribuir cópias de uma entrevista concedida a um jornal impresso local, Jabes mostra preocupação com o ato de comunicar. Mas com certeza lhe falta uma “atualização”.
O tempo passou Jabes, as coisas mudaram e seguem mudando em uma velocidade impressionante. Logo, não negligencie o poder de comunicação das redes sociais. Use-a, explicitando as dificuldades que vossa senhoria afirma passar a prefeitura. Se aproxime da população, interaja, debata, mostre a cara. É óbvio, caso seja isso o que vossa senhoria deseja.
Seria um bom começo, ante um final nada aprazível para sua imagem, que tende a se desenhar em um futuro nem tão remoto.
Quer apostar? 

ANTÔNIO PITANGA NO PROGRAMA COLUNA DE TURISMO

Antônio Pitanga.

Antônio Pitanga.

O ator Antônio Pitanga concede entrevista, a partir das 13h, ao programa Coluna de Turismo, apresentado por Ariel Figueroa na Conquista FM 105,9.
Pitanga está em Ilhéus, onde participa da abertura do III Festival de Cinema Baiano (Feciba). Para acompanhar a entrevista, clique aqui.


debenhams
dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia