WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Neste site
fevereiro 2020
D S T Q Q S S
« jan    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829

:: ‘radares’

“INDÚSTRIA DAS MULTAS” RECOLHEU MENOS ESTE ANO

radar de velocidadeSegundo dados da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur), houve uma redução de 121% na arrecadação com multas de trânsito em Ilhéus, comparando os quatro primeiros meses dos anos de 2012 e de 2013.
“Entre janeiro e abril do ano passado, a arrecadação efetiva com multas por infrações no trânsito foi de R$ 140.440. Neste ano, considerando o mesmo período, este montante desceu para R$ 63.369,00”, afirma o titular do órgão, Isaac Albagli.
Segundo Albagli, estes resultados são oriundos do trabalho intensivo da Superintendência Municipal de Trânsito (Sutran) voltado para a fiscalização e ordenamento de trânsito.
O secretário só não disse qual o destino do dinheiro arrecadado…

SECRETÁRIO CONTESTA A MULTIPLICAÇÃO DOS RADARES

Apesar do esclarecimento, Isaac continua permitindo o funcionamento dos radares.

Apesar do esclarecimento, Isaac continua permitindo o funcionamento dos radares.

Em contato com este blog, o Secretário de Desenvolvimento Urbano, Isaac Albagli, contestou a informação postada aqui na noite de quarta (11) sobre a triplicação do número de radares de trânsito na cidade.

Segundo o secretário, “a ideia é colocar na cidade cerca de 30 “pontos” de radares, mas apenas 10 em funcionamento, ou seja, o mesmo número de hoje”.

Albagli disse também que nos novos pontos haveria um rodízio, mas tudo dentro da lei e devidamente sinalizado. 

O secretário confirmou que o município recebeu cerca de R$ 7 milhões da indústria de multas nos últimos anos.

SECRETÁRIO QUER TRIPLICAR NÚMERO DE RADARES EM ILHÉUS

Antes crítico, secretário agora é entusiasta da indústria de multas.

Antes crítico, secretário agora é entusiasta da indústria de multas. Foto: Correia Neles.

Em seu terceiro dia como secretário de desenvolvimento urbano de Ilhéus, Isaac Albagli concedeu entrevista ao radialista Vila Nova (Conquista FM) criticando a indústria de multas de trânsito instalada pelo governo anterior.

Na entrevista, realizada no dia 04 de janeiro, o secretário chegou a afirmar que um estudo técnico apontaria a necessidade de desativação de vários radares.

Três meses depois, na sessão especial da câmara desta quarta (10), que discutiu as mudanças no trânsito da cidade, ele voltou a falar do assunto.

Questionado pelo plenário, Isaac afirmou que pretende não só manter os radares já existentes, como ampliar para trinta o número de aparelhos. Hoje são dez ativos, que rendem ao município algo em torno de R$ 7 milhões anualmente.

A posição dúbia do secretário chamou a atenção dos presentes na sessão.



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia