WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Neste site
dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

:: ‘Lídice da Mata’

LÍDICE E BEBETO SE REÚNEM COM LIDERANÇAS DO SUL DA BAHIA

A pré-candidata a deputada federal, Lídice da Mata e o primeiro suplente de Jaques Wagner na pré-candidatura ao Senado, Bebeto Galvão, se reuniram com lideranças políticas do Sul da Bahia, na manhã deste sábado (28), em Itabuna, onde participaram de um café da manhã. 

O encontro contou com a presença de militantes históricos do partido como João Carlos Oliveira e o ex-deputado estadual Renato Costa e também autoridades como o deputado estadual Alex Lima, os prefeitos de Ubaitaba, Suka Carneiro, Barra do Rocha, Professor Léo, Itapitanga, Ró de Beto, o vereador de Ilhéus, Nino Valverde, além do ex-reitor da Uesc, Aurélio Macedo , Moaci Smith Lima e vereadores de Itapitanga, Ubaitaba e Itajuípe. A pré-candidato à deputada estadual, Cleide Silva, conhecida como Cleide Enfermeira, também esteve presente.

Em sua fala, Lídice pontuou aos prefeitos a importância de fazer com que o PSB cresça em toda a Bahia com os ideais do partido. “Nós precisamos muito de vocês agora, pois a nossa ideia é de um país que cresça, mas que dê oportunidades iguais a todos os seus cidadãos”, disse.

:: LEIA MAIS »

PSB ENTREGA CARGOS NA BAHIA E ANUNCIA NOME DE LÍDICE À GOVERNADORA

Lídice.

Lídice.

Até julho do ano que vem, quando começa a campanha eleitoral, o governador Jaques Wagner vai perder aliados que crescem os olhos sobre o cargo seu carto. O primeiro desembarque, no entanto, não vai demorar muito a acontecer.
Segundo o Estadão, o governador de Pernambuco e presidenciável, Eduardo Campos, e a ex-ministra de Meio Ambiente, Marina Silva, anunciarão juntos, em Salvador, a entrega dos cargos do PSB no governo Jaques Wagner (PT) e o lançamento da pré-candidatura da senadora Lídice da Mata (PSB) a governadora em 2014.
O evento ainda não tem data para acontecer, mas o rompimento do PSB baiano com o PT é certo.
Segundo dirigentes do consórcio PSB/Rede, a ideia é que o lançamento seja feito na abertura do primeiro encontro conjunto dos dois partidos na região Nordeste.
De acordo com o coordenador da Rede na Bahia, Julio Rocha, a candidatura de Lídice não significa que a campanha será de oposição a gestão de Wagner. “O PSB na Bahia tem um perfil marcadamente de esquerda. Não faremos uma festa do rompimento, mas um ato político”, diz.

WAGNER DEIXA CLARO QUE NÃO APOIARÁ CANDIDATURA DE LÍDICE

wagner_e_lidiceO governador Jaques Wagner reiterou que terá postulante único para disputar a sua sucessão, ao descartar a possibilidade de um palanque duplo na Bahia, com uma possível candidatura da senadora Lídice da Mata (PSB).
Em entrevista à Tribuna da Bahia, o chefe do Executivo estadual deixou claro que a senadora não será a sua escolhida.
“Só para ser claro, Lídice é da base, mas no momento que ela sair candidata com uma candidatura nacional outra, não são duas candidaturas da base. Até porque eu não vou fazer nenhum tipo de palanque duplo. Vou fazer a campanha da Dilma”, declarou o petista.
Sobre a definição do candidato do PT, Wagner não assumiu preferência pelo secretário da Casa Civil, Rui Costa, mesmo com as declarações de aliados sobre o favoritismo ou demonstrações públicas.

“É que Rui Costa talvez, dos nomes que estão colocados aí, é a pessoa com quem eu tenho maior tempo de relação. É nesse sentido que as pessoas identificam. Mas tenho uma relação excepcional com [Luiz] Caetano, com [José Sérgio] Gabrielli, com [Walter] Pinheiro, então não tem nenhum problema. O pessoal fala de Rui porque está há mais tempo no time, desde o Sindiquímica, desde o Polo Petroquímico, me ajudou como articulador político no primeiro governo e está me ajudando agora, tocando as questões da execução. Efetivamente, é um nome, como todos”, argumentou.

“PSB E PMDB JUNTOS NA BAHIA NÃO É O CAMINHO NATURAL”, AFIRMA LÍDICE DA MATA

lídiceUm mapa sobre as articulações do governador de Pernambuco Eduardo Campos para viabilizar a candidatura a presidente da República publicado pela Folha de S. Paulo, nesta quinta-feira (3), dá conta de que o PSB na Bahia poderia apoiar Geddel Vieira Lima (PMDB) na disputa pelo governo baiano.
Isso ocorreria caso a senadora Lídice da Mata, que postula até mesmo ser o nome de consenso na base de Jaques Wagner, desistisse de concorrer para não entrar em rota de colisão com o governador.
Procurada, a parlamentar e presidente da sigla no estado rechaçou a hipótese de se aliar aos peemedebistas, que, por aqui, fazem oposição sistemática à administração do PT.
“Isso é uma especulação. Eu não fui ouvida nem ninguém do partido foi ouvido. Eu acho muito difícil isso poder acontecer. O partido tem uma linha na Bahia e eu acho que não é possível. Eu não sei de onde a Folha tirou a informação”, esquivou-se Lídice, que diminuiu o tom ao ser perguntada se a hipótese seria completamente descartada: “Não vou dizer que é impossível porque fica parecendo que é veto. Não tem veto a ninguém, mas não é o caminho natural”.
Sobre a sua candidatura, especificamente, ela mantém o discurso de que tentará ser a escolhida de Wagner, embora lideranças do PT deem como sacramentada a definição do secretário estadual da Casa Civil Rui Costa, mesmo contra a vontade de aliados. “Não serei candidata contra o governador Jaques Wagner. Continuo lutando para ser a candidata do governo”, avisou.

LÍDICE DA MATA NEGA QUE SERÁ CANDIDATA DA OPOSIÇÃO

TRIBUNA 
lidiceEmbora tenha declarado a disposição em ser candidata ao Palácio de Ondina em 2014, independentemente da postura do Partido dos Trabalhadores (PT) e do governador Jaques Wagner (PT), a senadora Lídice da Mata, líder do PSB baiano, destacou nessa terça-feira (24/9) que não enfrentará o cenário sendo opositora ao governo estadual. A senadora ressaltou que não será candidata de oposição, mas que lutará para ser a candidata da base.
Diante da repercussão em torno das declarações de possível autonomia política e sobre o afastamento do PSB da esfera do governo federal, com os planos de pré-candidatura do governador de Pernambuco e presidente nacional da sigla, Eduardo Campos, ao Palácio do Planalto, Lídice ponderou que o quadro de postulações do PSB será definido, somente em 2014. “Portanto, no momento, sou pré-candidata dentro de um processo político de construção de uma candidatura”.
Segundo ela, a preocupação central do partido até 5 de outubro, é o fechamento da chapa de pré-candidatos a deputados estaduais e federais. Nesta quinta-feira, o PSB irá filiar o ex-deputado petista Josepht Bandeira e o ex-prefeito tucano de Brumado Eduardo Vasconcelos.
:: LEIA MAIS »

PARLAMENTARES BAIANOS ESTÃO ENTRE OS MELHORES DO PAÍS

RAIO LASER
Deputado Federal Amauri Teixeira (PT).

Deputado Federal Amauri Teixeira (PT).

A pesquisa para a escolha do deputado federal mais atuante do Brasil segue acirrada no site especializado Congresso em Foco.
No páreo, o paulista Otoniel Lima (PRB), o baiano Amauri Teixeira (PT) e o mineiro Weliton Prado (PT).
Ao lado da senadora Lídice da Mata (PSB), o petista é o único parlamentar na lista dos 10 melhores para o público do site.
Ao todo, mais de 50 mil pessoas participaram da sondagem de opinião no país.

AULA INAUGURAL DA UFESBA EM SETEMBRO DE 2014

Twittada da senadora. Reprodução do Ilhéus 24h.

Twittada da senadora. Reprodução do Ilhéus 24h.

No Twitter, a senadora baiana Lídice da Mata (PSB) postou a previsão do início das atividades da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFESBA) para o ano que vem.
A parlamentar participa, nesta quarta-feira (03), de audiência com o recém-indicado reitor da UFESBA, Naomar de Almeida, em Brasília, onde discute o plano pedagógico para a universidade.
Na rede social, a senadora afirmou que a aula inaugural será em setembro de 2014.
No mês passado, a prefeitura de Itabuna definiu o local onde funcionará a reitoria da instituição, no antigo prédio do supermercado Messias. O imóvel fica na margem esquerda do trecho Itabuna-Ibicaraí da BR-415 e sediará a reitoria enquanto as instalações definitivas são construídas.
Ainda de acordo com Lídice, as atividades administrativas da UFESBA devem começar no fim deste mês.

BAHIA: A LINHA TÊNUE QUE SEGREGA ALIADOS E OPOSITORES

queda-de-braco1A possibilidade de uma, até outro dia inconcebível, aproximação entre DEM e PT na Bahia, vem causando rebuliço nos bastidores políticos.
O que era apenas fruto de uma grande especulação, ganhou ares de realidade após recente declaração do governador Jaques Wagner , afirmando que trabalhará para que o herdeiro mor do carlismo no estado, o prefeito de Salvador ACM Neto, apoie seu candidato à sucessão governamental de 2014.
Visivelmente incomodada com tal situação, a senadora baiana Lídice da Mata (PSB), que se refere à ACM Neto como “o símbolo do carlismo”, demonstrou estranheza. Em entrevista a uma rádio da capital ela afirmou que precisa entender quais seriam as razões para que o governador tomasse essa medida. “Não quero arriscar um palpite”, declarou a senadora.
Tudo indica que ACM Neto será mesmo motivo de disputa entre os grupos que pleiteiam o Paço de Ondina. O candidatíssimo Geddel (PMDB) também já declarou que não abre mão do apoio do prefeito soteropolitano.
Vale ressaltar que o cacique baiano do PMDB declarou que também está disposto a conversar com o PT.
Pois é, o embate enxadrista político está aberto, e, pelo andar da carruagem, tudo pode acontecer. Até mesmo nada.

LÍDICE SE LANÇA COMO “PLANO A” PARA SUCESSÃO DE WAGNER

Lídice.

Lídice.

Em entrevista ao jornal A Tarde, a senadora Lídice da Mata (PSB) considerou a própria pré-candidatura ao governo baiano como o “plano A” do governador Jaques Wagner para a corrida eleitoral de 2014.
Segundo Lídice, a provável candidatura não está atrelada aos planos do governador de Pernambuco Eduardo Campos, que pretende disputar a presidência no ano que vem.
“Minha candidatura é independente de uma ligação com a candidatura de Eduardo. É claro que se ele for candidato, necessariamente, nós teremos uma candidatura na Bahia. Mas eu pretendo ser candidata independentemente disso”, disse sobre o assunto. 
Fazendo afagos no Galego, a senadora afirmou que Wagner é o líder do processo de mudanças no estado, que dividiu a Bahia entre o passado carlista e o presente de progresso.
Ainda de acordo com ela, sua candidatura é a melhor forma de mostrar que o estado continua no campo progressista. 

COMISSÃO DO SENADO APROVA CRIAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO SUL DA BAHIA

Pinheiro e Geraldo Simões durante a votação do projeto

Pinheiro e Geraldo Simões durante a votação do projeto

De acordo com informações do site Pimenta, o projeto de lei de criação da Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufsulba), foi aprovado na tarde dessa quarta-feira (17), pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal.
O senador baiano Walter Pinheiro foi o relator do projeto na comissão.
Ainda hoje, de acordo com o site, o projeto será votado pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), presidida pela senadora Lídice da Mata (PSB)
Um dos grandes incentivadores do projeto de criação da Ufsulba, o deputado federal Geraldo Simões (PT-BA) agradeceu o empenho de Lídice e Pinheiro e espera que a tramitação do projeto no Senado seja concluída ainda neste mês, seguindo para sanção da presidente Dilma Rousseff.

cristina frey

dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia