WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
bahiagas Neste site
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘greve dos bancários’

FUNCIONÁRIOS DO BNB DE ILHÉUS MANTÉM GREVE

Em assembleia realizada nessa segunda-feira (14), na sede do Sindicato dos Bancários de Ilhéus, os funcionários do BNB de Ilhéus resolveram rejeitar a proposta de acordo coletivo do banco e manter a greve.
Uma nova assembleia será realizada na terça-feira (15), às 9h.
O funcionário e representante do BNB no sindicato, Nivaldo Trindade, expôs o quadro da greve e informou que ainda hoje haverá rodada de negociação com o comando grevista e a administração do BNB no Passaré, sede do BNB, em Fortaleza. Em seguida passou a elucidar pontos específicos das negociações com os demais presentes.
Os funcionários decidiram emitir a seguinte nota de esclarecimento à sociedade e às demais bases sindicais:
Clique no leia mais e confira a nota na íntegra.
:: LEIA MAIS »

GREVE DOS BANCÁRIOS TERMINA PARCIALMENTE

CORREIO
Em assembleia realizada nesta sexta-feira (11), os trabalhadores dos bancos privados e do Banco do Brasil optaram por aceitar a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e encerrar a greve. Os bancários da Caixa e do Banco do Nordeste, no entanto, permanecem de greve.
Uma nova assembleia foi marcada para as 18h30 de segunda-feira (14), no Ginásio dos Bancários, quando trabalhadores do Banco do Nordeste (BNB) e Caixa discutirão a paralisação. “O motivo é a campanha salarial, vamos continuar o diálogo”, explica o presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, Euclides Fagundes.
Com a proposta aceita, o reajuste é de 8% (1,82% de aumento real) e o piso dos bancários terá aumento de 8,5%. Também foi acertado aumento de 10% sobre a parcela fixa da Participação nos Lucros e Resultados e uma elevação de 2% para 2,2% no percentual de lucro que deverá ser distribuído pelos bancos.
Os dias parados pela greve serão compensados com até uma hora de trabalho a mais por dia, entre segunda e sexta, até 15 de dezembro.
Inicialmente, a categoria pedia 11,93% de reajuste, o que incluía 5% de aumento real, e um valor maior na PLR.
A greve deste ano foi a mais longa desde 2004 – ao todo, foram 23 dias parados. Os trabalhadores avaliam que a paralisação deste ano foi “uma das mais fortes dos últimos anos”. Segundo o sindicato, ao todo 828 agências estavam paradas na Bahia no final da greve.

BANCÁRIOS DE ILHÉUS ADEREM À GREVE POR TEMPO INDETERMINADO

bancarios em greveSeguindo o que foi decidido pelo sindicato dos bancários da Bahia, na noite de ontem (quinta, 12), os bancários de Ilhéus decidiram aderir à greve da categoria a partir do dia 19 deste mês.
O sindicato ainda se reúne no dia 18, em assembleia na qual será deflagrada a paralisação.
Nesta quinta-feira (12), a categoria avaliou a situação anterior às outras paralisações, o encaminhamento da greve e o grau de insatisfação dos trabalhadores, informou Rodrigo Cardoso, presidente do sindicato.
Em campanha salarial desde agosto e com data base em 1º de setembro, a categoria reivindica reajuste salarial de 11,93%.
A pauta de reivindicações também inclui maior participação nos lucros e resultados, fim das metas, do assédio moral, investimentos em saúde e segurança, além de melhores condições de trabalho. Segundo o Sindicato dos Bancários de Ilhéus, a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) oferece 6,1% de reajuste e não foram apresentadas pelos bancos propostas para os outros itens da pauta.
Com a greve, todas as agências bancárias devem ficar fechadas.

dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia