WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
bahiagas Neste site
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘fezes de cachorro’

CAMPANHA ENVIA FEZES DE CÃO PELO CORREIO AOS DONOS QUE NÃO AS RECOLHEM

placa proibidoUm passeio descontraído com o “melhor amigo do homem”. Fuça dali, carimbada em um poste acolá, eis que chega o momento do descarrego.
Sem noções de civilidade, o que é normal em se tratando de caninos, ele se posiciona e faz a sua necessidade fisiológica onde bem entender.
Em Ilhéus, e muitas outras cidades do Brasil, isso não suscita nenhuma ação por parte dos seus donos. Nada de recolher as fezes do seu amiguinho de coleiras. Azar de quem vier depois e por ventura pisar na substância expelida.
Mas em uma pequena cidade espanhola de 10 mil habitantes, Brunete, uma campanha curiosa começou a ser feita voltada para os donos de cachorros que não recolhiam as fezes do animal.
Voluntários observaram se a pessoa deixava de recolher o cocô do cachorro. Depois disso, os participantes recolhiam a sujeira, e colocavam em uma caixa que dizia “objeto perdido”.
O voluntário seguia o dono do cachorro e perguntava o nome e a raça do bicho, para que pudesse encontrá-lo no banco de dados de animais da cidade. O último passo era enviar as fezes pelo correio, que chegaram a 147 responsáveis, junto com um bilhete de explicação, dizendo que, no caso de reincidência, poderia haver uma multa de 30 a 300 euros.
Depois da campanha, o número de fezes de cachorro encontradas nas ruas diminuiu em 70%.
 E por aqui, será que a medida surtiria efeito?

cristina frey

dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia