WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
bahiagas Neste site
ilheus brindes
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘evangélicos’

EVANGÉLICOS ORAM EM FRENTE À PREFEITURA DE ILHÉUS

Um grupo de evangélicos fez uma corrente de oração em volta do Palácio Paranaguá, sede do governo ilheense. Segundo membros do movimento Reúne Ilhéus, que acampam em frente ao prédio, a oração foi para libertar das coisas ruins o local. Amém! Mas tem aqueles que apostam somente num banho de descarrego para livrar nossa política. A foto é de Danillo Oliveira.

Um grupo de evangélicos fez uma corrente de oração em volta do Palácio Paranaguá, sede do governo ilheense, na noite de ontem (terça, 08). Segundo membros do movimento Reúne Ilhéus, que acampa em frente ao prédio, a oração foi para libertar das coisas ruins o local. Amém! Mas tem aqueles que apostam somente num banho de descarrego para livrar nossa política. A foto é de Danillo Oliveira.

EVANGÉLICOS AGRIDEM PASTOR CONFUNDIDO COM ATIVISTA GAY

Um pastor da Igreja Quadrangular foi confundido com ativista gay e retirado à força do palco durante manifestação organizada por Silas Malafaia em Brasilia.
Ao ser confundido com uma ativista do movimento gay, um pastor da Igreja do Evangelho Quadrangular foi retirado à força do palco da “Manifestação pela liberdade de expressão, liberdade religiosa e família tradicional” – ou marcha homofóbica – organizada pelo pastor Silas Malafaia na tarde da última quarta-feira (05) em frente ao Congresso Nacional, em Brasília.
O motivo da expulsão, foi o fato de o pastor estar portando uma bandeira de sua denominação, que é formada pelas cores roxa, vermelha, amarela e azul e teria sido confundida pelos seguranças do evento com a bandeira arco-íris, um dos símbolos do movimento LGBT.
Após a retirada do pastor da Quadrangular, representantes da igreja esclareceram aos organizadores do evento que o homem forçado a deixar o local é religioso e destacaram que ele apenas segurava a bandeira símbolo de uma congregação evangélica.

EVANGÉLICOS PEDEM EXPLICAÇÕES SOBRE CAMPANHA PARA PROSTITUTAS

FOLHA
Deputados da bancada evangélica dispararam ataques à presidente Dilma Rousseff e cobraram explicações nesta terça-feira (04) do Ministério da Saúde sobre a campanha lançada pela pasta na internet voltada às prostitutas com foco na prevenção de doenças sexualmente transmissíveis.
Hoje, o ministro Alexandre Padilha (Saúde), no entanto, recuou e disse que a campanha ainda depende de aprovação. A Comissão de Direitos Humanos aprovou requerimento pedindo que Padilha preste esclarecimentos sobre a campanha e informe quanto custou a peça publicitária.
Uma das peças da campanha, lançada no último final de semana diz: “Eu sou feliz sendo prostituta”.
“O que o governo faz é um crime, é apologia à prostituição. O governo está patrocinando um crime ao defender essa conduta”, disse o deputado Marcos Rogério (PDT-RO).
A deputada Liliam Sá (PSD-RJ) disse que a campanha representa um “desfavor à sociedade”. “O que é isso? Ninguém é feliz sendo explorada sexualmente”, afirmou.
:: LEIA MAIS »

dom eduardo

lm mudancas

arquiteto













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia