WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
prefeitura de ilheus shopping jequitiba



outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

:: ‘Educação’

ENCONTRO NA UESC TEM COMO TEMA “A EDUCAÇÃO EM TEMPOS DE GOLPE”

Divulgação

O I ENELU – Encontro de Estudantes das Licenciaturas da UESC será realizado entre os dias 16 e 18 de outubro de 2018, com o tema “Educação em tempos de golpe: O desmonte das políticas educacionais”. Este evento nasceu com a tarefa de agregar estudantes de diversas áreas do conhecimento em torno de uma grande discussão que é: o futuro da nossa realidade educacional.

Em um momento que se passa por uma conjuntura política de ilegitimidade institucional que tem como projeto a precarização da educação, o que se reflete em diversas medidas adotadas pelo Governo Federal, como a PEC do Teto dos Gastos Públicos, o corte de programas como PIBID, e a mais recente tentativa de cortes nas bolsas da Pós-Graduação.

:: LEIA MAIS »

CAUA PROMOVE RODA DE CONVERSA VOLTADA A PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO

Para esta Roda de Conversa foram disponibilizadas 20 vagas, preenchidas antecipadamente.

Para esta Roda de Conversa foram disponibilizadas 20 vagas, preenchidas antecipadamente.

Após conversar com pais e familiares de crianças e jovens com autismo e déficit intelectual, o Centro de Apoio Universo do Aprender (CAUA) vai promover a primeira Roda de Conversa voltada a profissionais da educação. Desta vez, além do autismo, serão abordadas dificuldades de aprendizagem. O encontro será nesta quarta-feira (22), às 18h30min, na sede da instituição, localizada na Praça São João Batista, número 222, bairro Pontal. A iniciativa é gratuita e servirá como espaço de troca de experiências entre educadores com mediação da equipe do CAUA.

A Roda de Conversa para profissionais da educação surgiu a partir do sucesso da realizada para os familiares, realizada no dia 16 de fevereiro. “Muitos educadores nos procuraram e percebemos que havia uma demanda específica, que trabalha com abordagens diferentes daquelas referentes aos pais e parentes de crianças. Então, criamos uma lista de espera e esperamos que todos compareçam para uma conversa rica”, declarou a psicopedagoga Cláudia Patrícia.

Para esta Roda de Conversa foram disponibilizadas 20 vagas, preenchidas antecipadamente. O CAUA continua fazendo reservas para próximos encontros e as pessoas interessadas podem deixar seu nome e contato pelos telefones (73) 3231-2653/ 99100-2063/ 98871-6877 ou pessoalmente, na sede da instituição. A intenção é que os encontros aconteçam com regularidade, formando um grupo de ajuda mútua, envolvendo profissionais e familiares.                   

:: LEIA MAIS »

PREFEITURA DE ILHÉUS PUBLICA PORTARIA DE NOMEAÇÃO DE CANDIDATOS APROVADOS EM CONCURSO PÚBLICO

Prefeitura-de-Ilheus

A Prefeitura de Ilhéus publicou nesta quarta-feira, (15), em Diário Oficial, a portaria de nomeação dos candidatos na área da Educação, aprovados no Concurso Público realizado pela administração municipal, decreto 50/2016.

Conforme a portaria, os candidatos nomeados passarão a fazer parte em caráter efetivo do quadro permanente de funcionários da Prefeitura, sendo que os mesmos têm o prazo improrrogável de 30 dias, para apresentação de documentos no Departamento de Recursos Humanos, situado à Rua Dumont s/n, a contar da publicação do documento.

Confira a lista completa dos candidatos inicialmente convocados AQUI

COLÉGIO VITÓRIA EM CLIMA DE COPA

Os baixinhos se preparam para a copa.

Os baixinhos se preparam para a copa.

Trabalhos desenvolvidos através do conhecimento da história e da arte. Desenhos, pinturas, práticas esportivas e dança tendo como temática a Copa do Mundo, vista e entendida desde o interesse pela diversidade cultural, pelos sentimentos e até pelos valores que envolvem um evento esportivo de grande porte. Este é o objetivo do Projeto “Vitória na Copa Verde e Amarela”, desenvolvido pelos alunos da 3ª série do ensino fundamental do Colégio Vitória, em Ilhéus. Durante este primeiro semestre, eles participam de oficinas e estudos em sala de aula, explorando temas acerca da diversidade cultural, das mudanças do meio ambiente e dos sentimentos envolvidos pela Copa do Mundo no País.
“O trabalho, no modelo interdisciplinar, constrói conhecimentos de forma significativa e lúdica, utilizando variadas linguagens”, explica Kalinka Félix, coordenadora pedagógica do colégio. 
As paredes da escola já ganharam a temática da Copa através da iniciativa dos próprios alunos. Na quadra poliesportiva, regras do futebol são debatidas e praticadas por meninos e meninas. Danças que revelam a alegria da Copa e a magia do futebol estão sendo apresentadas a cada oficina realizada aos sábados. Uma releitura do quadro “Futebol”, de Cândido Portinari, revela a contemporaneidade construída pelos próprios alunos a partir de uma obra produzida em 1935 por um artista apaixonado pela bola.
Interdisciplinaridade – Nas salas de aula, os alunos desenvolvem a leitura e interpretação de texto da obra “Jogo de Bola”, de Cecília Meireles, aprendem o Hino Nacional; fazem leitura de textos informativos sobre a copa; cruzadinhas; caça-palavras; curiosidades e trava-línguas. Em Filosofia, abordam a união dos povos através do esporte e dão ênfase à necessidade de um trabalho coletivo bem planejado, com o cumprimento de regras e a aceitação de que nem sempre se vence e é preciso muito respeito entre as pessoas. No estudo da matemática, as dimensões de uma campo de futebol, por exemplo, podem tornar-se um belo problema a ser resolvido.
Os pais elogiam a iniciativa. “É preciso mais que aprender o que dizem e apresentam os livros. Em tempos como o de hoje é preciso estar conectado com o mundo com a rapidez e a diversidade de conhecimento que ele exige”, explica Gracyanne Oliveira, mãe de Maria, aluna envolvida no projeto.
“Por detras de um trabalho como este construimos conceitos como a valorização e o respeito às culturas, compreensão e respeito ao trabalho coletivo para o sucesso do grupo, discusão e cumprimento de regras e respeito ao próximo, além de pesquisa sobre as mudanças no meio ambiente causadas em detrimento da Copa com produção em larga escala de enfeites, pinturas, alterações e construções arquitetônicas”, reforça Kalinka Félix

INTRANSIGÊNCIA DE JABES PODE DEIXAR ILHÉUS SEM ANO LETIVO

Professores mobilizados.

Professores mobilizados.

Trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus realizam assembléia nesta quarta-feira (09), às 09h, na Câmara de Vereadores, para discutir a possibilidade de não iniciar o ano letivo caso o governo municipal não assine o acordo de campanha salarial 2014.
A data base da categoria é janeiro de 2014. A pauta da campanha, aprovada por unanimidade pelos trabalhadores em educação, foi protocolada na Prefeitura de Ilhéus em dezembro do ano passado, mas até o momento o prefeito Jabes Ribeiro não assinou o acordo.
A presidente da APPI/APLB-Sindicato, Delegacia Sindical Costa do Cacau, Enilda Mendonça, destacou a necessidade e a importância da participação de todos os trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus na assembleia.
Na oportunidade, serão discutidos, além da Campanha Salarial 2014, outros importantes assuntos de interesse da categoria, como a ação que garantiu o pagamento do piso nacional dos professores.

DILMA SANCIONA LEI QUE DIFICULTA FECHAMENTO DE ESCOLAS RURAIS E QUILOMBOLAS

nananana

Nos últimos cinco anos foram fechadas mais de 13 mil escolas rurais.

A presidente Dilma Rousseff sancionou uma norma que dificulta o fechamento de escolas rurais, indígenas e quilombolas.
A decisão foi publicada no Diário Oficial da União, desta sexta-feira (28).
A Lei 12.960, de 27 de março, altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) para fazer constar exigência de manifestação de órgão normativo – como os conselhos municipais de Educação – do sistema de ensino para o fechamento desse tipo de escola.
Além disso, estabelece que a comunidade escolar deva ser ouvida e a secretaria de Educação do estado justifique a necessidade de encerramento das atividades.
A autoria do projeto é do Executivo e, ao justificar a proposta, o então ministro da Educação, Aloizio Mercadante, destacou que, nos últimos cinco anos, foram fechadas mais de 13 mil escolas rurais. Disse, ainda, que as decisões tomadas sem consulta causam transtornos à população rural que deixa de ser atendida ou passa a demandar serviços de transporte escolar.

SAI A PRIMEIRA CHAMADA DO SISUTEC

O Ministério da Educação divulgou agora pouco a relação dos aprovados em primeira chamada para o Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). A lista dos aprovados pode ser consultada no site do programa
O prazo para que os aprovados se matriculem começa nesta quarta (26) e termina na sexta-feira (28) na instituição de ensino onde o estudante foi aprovado. A segunda chamada será realizada no dia 1º de abril.
Leia também: ILHÉUS E ITABUNA TÊM MIL VAGAS ABERTAS EM CURSOS TÉCNICOS
No total, 527.730 estudantes se inscreveram. Como cada candidato pode fazer até duas opções de curso, o total de inscrições ultrapassou a faixa de 1 milhão (foram 1.016.211 inscrições).
Em todo o país, foram 291.338 vagas disponibilizadas em 122 cursos técnicos de 937 instituições de ensino públicas e privadas, além das escolas do Senai e do Senac.

MEC MUDA ALGUMAS REGRAS DO PROUNI E DO FIES

prouni-35987Ministério da Educação (MEC) mudou este ano algumas regras do Programa Universidade para Todos (ProUni) e do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). No Fies, o contrato passa a ser casado ao Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo (Fgeduc), antes opcional. No ProUni, a isenção fiscal passa a ser feita com base nas vagas preenchidas e não mais nas vagas ofertadas, como era até o fim do ano passado.
O Fgeduc existe desde 2009. O fundo cobre a partir de 80% dos contratos não cumpridos. Para isso, a mantenedora paga uma taxa de 5,63% sobre o total do financiamento mensalmente, ou 6,25% da parcela das operações de financiamento. Sem o Fgeduc, caso o estudante ficasse inadimplente, a instituição pagava 15% do valor.
Para os estudantes, a adesão ao Fgeduc faz com que seja dispensada a necessidade de fiador, o que facilita a contratação do Fies. Para as instituições, os custos aumentam, mas segundo entidades do setor, os dois programas ainda são atrativos. Procurado, o Tesouro disse que não comentaria o impacto nas contas públicas.
O diretor de Gestão de Fundos e Benefícios do Fundo Nacional deDesenvolvimento da Educação (FNDE), Antônio Corrêa Neto, disse que cerca da metade das instituições já tinha aderido ao Fgeduc. “Com a mudança, quase a totalidade das instituições já fez adesão ao Fgeduc e permaneceu no programa. O nosso objetivo é democratizar ainda mais o acesso à educação superior na medida em que a adesão favorece os estudantes de baixa renda, que têm dificuldade de conseguir um  fiador”. 
:: LEIA MAIS »

FACULDADE DE ILHÉUS GRADUA QUARTA TURMA DE ENFERMAGEM

Novos bacharéis em Enfermagem com diretores e professores da Faculdade de Ilhéus.

Novos bacharéis em Enfermagem com diretores e professores da Faculdade de Ilhéus.

Trinta e sete novos bacharéis em Enfermagem foram graduados pela Faculdade de Ilhéus durante solenidade de colação de grau realizada no último sábado, dia 22, às 19 horas, no auditório Jorge Amado do Centro de Convenções de Ilhéus. A cerimônia foi presidida pelo diretor geral da Faculdade, professor Almir Milanesi, tendo como paraninfo o coordenador do curso, professor Robson Vidal de Andrade.
Esta foi a quarta turma de formandos do curso de Enfermagem da Faculdade de Ilhéus, instituição que completou onze anos de atuação no município. O reconhecimento do curso de Enfermagem pelo Ministério da Educação (MEC) se deu imediatamente após a colação de grau da primeira turma de bacharéis, em setembro do ano de 2012, obtendo o conceito quatro na escala de avaliação, que vai de um a cinco.
A solenidade contou também com as presenças da diretora acadêmica da Faculdade, Sandra Milanesi, da representante do Cesupi, Fátima Milanez Frisso, da Amiga da Turma, professora Sônia Cristina Oliveira Melo, e do secretário acadêmico, Paulo César Castro Xavier. A formanda Roberta Mairan Santana Lima foi a oradora da turma. O requerimento de colação de grau foi feito por Juliana da Silva Firme e o juramento foi conduzido por Thonny Nascimento dos Santos Firme.
Durante seu pronunciamento, o diretor Almir Milanesi agradeceu ao empenho dos estudantes e professores, e destacou as ações sociais desenvolvidas pelo curso de Enfermagem através de projetos de extensão, de caráter comunitário. Ele afirmou que “o projeto acadêmico do curso de Enfermagem foi construído de forma interativa e interdisciplinar, sempre na busca do saber aliado à prática em saúde. Desenvolvemos uma proposta de ensino baseada na ética, no profissionalismo e na capacidade criativa”, acrescentou.

PAIS DORMEM AO RELENTO PARA MATRICULAR FILHOS EM ITABUNA

Segundo secretária, todos os alunos serão matriculados em colégios próximos de onde moram. Foto: reprodução.

Segundo secretária, todos os alunos serão matriculados em colégios próximos de onde moram. Foto: reprodução.

Reportagem da TV Santa Cruz, levada ao ar na manhã desta quinta (20), mostra a dificuldade enfrentada por pais de alunos que buscam vaga na rede estadual de ensino em Itabuna. 
Por causa da extinção de turmas da quinta série na rede municipal e a não abertura de novas vagas, os alunos precisariam ser matriculados nas escolas do Estado. O problema é, segundo a reportagem, que a rede estadual também não ampliou a oferta para essas turmas.
A situação levou pais de alunos a dormirem na fila em busca de vagas. Segundo o autônomo Harã de Oliveira, a peregrinação em busca da matrícula para seu sobrinho se arrasta desde janeiro.
A coordenadora da Direc, Rita Dantas, explicou que está sendo feito esforço para abrigar todos os alunos da quinta série, mas que a matrícula desses estudantes é de responsabilidade do município. Já a secretária de educação de Itabuna, Dinalva Melo, afirmou à reportagem que não há risco de alunos ficarem foram da sala de aula.

dom eduardo

projetos arquitetonicos








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia