WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pm ilheus Neste site
outubro 2020
D S T Q Q S S
« set    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: ‘crescimento da economia’

ECONOMIA BAIANA CRESCE 4% EM 3 MESES

Setor industrial foi um dos responsáveis pelo crescimento.

Setor industrial foi um dos responsáveis pelo crescimento.

O Produto Interno Bruto (PIB) baiano teve um crescimento de 4% no segundo trimestre deste ano, em relação ao mesmo período de 2012. O índice é superior ao nacional, que segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cresceu 3,3% em relação a ao mesmo período do ano passado.
Na comparação com os três primeiros meses deste ano, o PIB baiano no segundo trimestre cresceu 2,2%, enquanto o brasileiro aumentou 1,5%. Os números referentes à atividade econômica baiana do segundo trimestre de 2013 foram divulgados nesta sexta-feira (30/8), pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), em coletiva no auditório da Secretaria do Planejamento (Seplan), no CAB.
De acordo com o diretor-geral da SEI, Geraldo Reis, a evolução do segundo trimestre teve uma grande influência do setor industrial, particularmente pela expansão da indústria de transformação, que registrou um crescimento de 6,5% em comparação ao mesmo período do ano passado.
GOVERNADOR COMEMORA – O crescimento de 4% do Produto Interno Bruto (PIB) baiano no segundo trimestre de 2013, em comparação a igual período do ano passado, acima dos 3,3% do PIB nacional, foi comemorado pelo governador Jaques Wagner, após a divulgação oficial do resultado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI). “Tivemos um resultado espetacular se comparado com a média nacional, divulgado pelo IBGE, e isso só nos faz ter a certeza de que estamos seguindo uma política acertada de oferecer condições adequadas para as empresas investirem cada vez mais na Bahia”.
Para Wagner, “os investimentos que vêm sendo feitos pela iniciativa privada estão pulverizados por todo o Estado, fortalecendo a economia baiana, promovendo a geração de mais emprego e reduzindo, inclusive, os efeitos da crise econômica mundial”, completou o governador.
De acordo com os dados da SEI, de abril a junho deste ano a indústria baiana (transformação, extrativa, construção civil, produção e distribuição de eletricidade e gás, água, esgoto e limpeza urbana) apresentou crescimento de 6,5% na comparação com o mesmo período de 2012. Já nos primeiros seis meses do ano, o crescimento do setor foi de 5,5%. O destaque do segundo trimestre de 2013 foi a indústria de transformação baiana, que registrou expansão de 10,6%.



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia