WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Neste site
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘Copa do Mundo’

BRASIL DEVE TER “MATA-MATA” COMPLICADO

logoO Brasil está no grupo A da Copa do Mundo, ao lado de Croácia, México e Camarões. Uma chave equilibrada, mas que dá boas chances à seleção de terminar na liderança. A Argentina, no grupo F, deve ter mais de facilidade, tendo como rivais Bósnia, Irã e Nigéria. Se os rivais sul-americanos terminarem na ponta de suas chaves, só se enfrentam numa eventual final. Até lá, porém, o caminho do Brasil deve ser bem complicado.
Embora o grupo do Brasil não seja o mais difícil da Copa, o mata-mata tende a ser terrível. Nas oitavas de final, o adversário sai do grupo B, que tem Espanha, Holanda, Chile e Austrália. Nas quartas, existe o risco de enfrentar o segundo colocado do grupo D, que poderia ser Uruguai, Inglaterra e Itália. E a semifinal poderia ser contra França e Alemanha, caso essas seleções sejam líderes de seus grupos. Portugal é outra opção, enquanto a Argentina seria adversária do Brasil na semi apenas se terminasse em segundo lugar de seu grupo. 
Ao contrário dos brasileiros, os argentinos deverão ter um caminho mais tranquilo para chegar à final do Mundial. O time de Lionel Messi tem chances de encarar Suíça ou Equador em seu primeiro mata-mata. Isso, claro, se não houver uma zebra, o que poderia colocar a França na parada. Nas quartas de final, Bélgica, Rússia e Portugal são possíveis adversários, enquanto a Alemanha é uma possibilidade remota.  Asemifinal tem tudo para ser a primeira pedreira, contra Espanha, Holanda, Inglaterra, Uruguai ou Itália.
Além da Argentina, outro rival que o Brasil pode cruzar apenas na final é o Uruguai. Isso se ambos forem líderes de seus grupos. O Uruguai, porém, está na chave mais complicada da Copa, ao lado de Inglaterra e Itália. Se a seleção uruguaia ficar com a segunda vaga da chave e o Brasil for líder, o clássico pode acontecer já nas quartas de final.
França se dá bem- Pivô de polêmicas sobre suposto favorecimento antes do sorteio, a França, de fato, se deu bem. O país caiu no grupo de Suíça, Equador e Honduras. Se tudo ocorrer como o planejado, pegará Bósnia ou Nigéria nas oitavas de final. Nas quartas, porém, a Alemanha pode aparecer na vida dos franceses.

APÓS BRONCA DA FIFA, GASTOS COM A COPA CRESCEM R$ 857 MILHÕES

“Nós deveríamos ter recebido este documento [Lei Geral da Copa] assinado em 2007, estamos em 2012. Você tem que dar um empurrão, tem que receber um chute no traseiro e entregar a Copa do Mundo”, afirmou o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, em março de 2012.
O “chute no traseiro” gerou um enorme mal-estar nas relações entre o governo do país e a entidade que comanda o futebol mundial.
O resultado?
Sob maior ou menor influência da crise envolvendo o Brasil e a Fifa, houve um aumento de gastos públicos nos estádios do Mundial.
Desde a polêmica frase de Valcke, proferida há um ano e meio, a injeção de dinheiro público nos estádios atingiu R$ 857,3 milhões.
O governo federal também liberou outros R$ 74,7 milhões a entidades privadas para obtenção de empréstimos em condições especiais.
Levantamento realizado nas 12 sedes do torneio também aponta que, pela primeira vez, o custo das arenas bateu os R$ 8 bilhões.
O valor é suficiente para erguer 160 mil apartamentos do Minha Casa, Minha Vida.
Em 2007, quando o Brasil foi anunciado como sede da Copa, a estimativa era de US$ 1,1 bilhão (R$ 2,6 bilhões, segundo a cotação atual).
:: LEIA MAIS »

CUSTO OFICIAL DA COPA SOBE 10% E VAI ATÉ R$ 28 BILHÕES

estádioO custo oficial da Copa-2014 subiu 9,7% e já atingiu em torno de R$ 28 bilhões. A informação é do secretário executivo do Ministério do Esporte, Luis Fernandes, que explicou que a revisão do número oficial será feita após a Copa das Confederações. Na última atualização, em abril de 2013, o balanço oficial apontava R$ 25,520 bilhões.
Luis Fernandes confirmou que, com a atualização no momento, esses valores giram em torno de R$ 28 bilhões. Mas o número preciso será sabido ao final da competição quando for feita a revisão da matriz de responsabilidades do governo federal, que inclui todas as obras da Copa.
Não foram especificados ainda pelo ministério todos os itens que levaram à majoração do orçamento. Esse valor ainda está abaixo da previsão do governo federal de usar R$ 33 bilhões na organização do Mundial.
Os custos com o Mundial têm sido um dos pontos de críticas dos protestos que tomaram as ruas das capitais brasileiras e reuniram 250 mil pessoas nesta segunda-feira. O representante do Ministério defendeu os recursos usados na competição porque entende que eles se revertem em desenvolvimento para o país. Até disse que também terão impacto em saúde e educação, áreas que os manifestantes reivindicam que tenha mais dinheiro, em detrimento da competição.
:: LEIA MAIS »

“CUIDADO AO IR PARA A COPA”. JORNAL INGLÊS ALERTA PARA A VIOLÊNCIA CRESCENTE EM SALVADOR

ssa
A versão on line do jornal britânico UK Mail, publicou ontem (02) uma alarmante reportagem, chamando atenção para o que eles classificaram de “onda sem precedentes de violência” na capital baiana.
Na reportagem é afirmado que nos últimos anos os índices de homicídios cresceram 250%, e aborda a violência nas favelas, que, segundo o jornal, é aterrorizada com espancamentos e execuções sumárias por parte dos traficantes.
A publicação enfatiza que o tráfico recruta menores para realizar o chamado “trabalho sujo” e que muitos deles são grandes marginais em potencial.
Composta basicamente de fotografias impactantes, a matéria chama a atenção para o fato da maior cidade do nordeste ser uma das sedes da Copa do Mundo de 2014, e alerta as pessoas que se deslocarão até lá, para tomar cuidado com algumas modalidades de crime “corriqueiros”, a exemplo de assaltos e sequestros relâmpagos.
Sem dúvida um tiro no pé na questão turística soteropolitana e na imagem internacional da cidade.

cristina frey

dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia