WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Neste site
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘copa das confederações’

COPA DAS CONFEDERAÇÕES RENDEU R$ 9,7 BILHÕES AO PIB BRASILEIRO, AFIRMA PESQUISA

confedeA Copa das Confederações acrescentou R$ 9,7 bilhões ao Produtor Interno Bruto (PIB) brasileiro, segundo informação divulgada, nesta segunda-feira (7), pelo Ministério do Turismo.
De acordo com a pesquisa, realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), o torneio gerou um movimento de R$ 20,7 bilhões, dos quais R$ 11 bilhões referentes a gastos de turistas, do Comitê Organizador Local e de investimentos privados e públicos e o restante como renda acrescentada ao PIB.
A expectativa é de que a Copa do Mundo movimente três vezes o valor. Ainda segundo o estudo, dos R$ 9,7 bilhões do PIB, 58% ficaram nas cidades-sede e 42% foram distribuídos pelo restante do país.
Como base para o cálculo, utilizou-se a soma dos investimentos públicos e privados em infraestrutura (R$ 9,1 bilhões), dos gastos dos turistas nacionais (R$ 346 milhões) e estrangeiros (R$ 102 milhões) e dos investimentos do Comitê Organizador Local (COL) no evento (R$ 311 milhões).
A consulta mostrou que o Rio de Janeiro foi a cidade com a maior movimentação financeira entre as seis sedes (R$ 6 bilhões). A capital fluminense acrescentou R$ 2,8 bilhões ao seu PIB e registrou, também, a maior geração de empregos (59 mil) entre as sedes da Copa. Juntos, turistas brasileiros e estrangeiros gastaram, no Rio, R$ 117 milhões.
Para a pesquisa, foram ouvidas 17 mil pessoas e analisados os gastos e investimentos para a realização do evento.

PROTESTOS DURANTE CERIMÔNIA DE ENCERRAMENTO DA COPA DAS CONFEDERAÇÕES

Em meio à cerimônia de encerramento da Copa das Confederações, figurantes encontraram uma forma de exibirem faixas, criticando a privatização do Maracanã e chamando a atenção contra a homofobia.

Em meio à cerimônia de encerramento da Copa das Confederações, figurantes encontraram uma forma de exibir faixas, criticando a privatização do Maracanã e chamando a atenção contra a homofobia.

COPA DAS CONFEDERAÇÕES: ITALIANOS SÃO PROIBIDOS DE DEIXAR HOTEL EM SALVADOR

italia
O técnico da seleção italiana, Cesare Prandelli, admitiu na tarde desta sexta-feira que está “preocupado” com as manifestações populares no país. Ele contou que os italianos foram proibidos de deixar o hotel em Salvador.
Antes de comandar o último treino antes do confronto com a seleção, o treinador disse que está “atento” com os protestos nas cidades brasileiras. Amanhã, os italianos enfrentarão a seleção, na Fonte Nova.
“As manifestações quando aparecem com violência preocupa. Vimos que já passou de um milhão de pessoas nas ruas. Estamos focados na partida, mas atentos ao que acontece no país”, afirmou o treinador.
Em Salvador, dois micro-ônibus usados pela Fifa foram apedrejados em frente ao hotel em que seus funcionários estão hospedados.”Não estamos pensando em voltar para a casa, mas obviamente a situação mudou. Até quando estivemos no Rio, havia máxima tranquilidade. Podemos até visitar a cidade. Fomos vetados agora de deixar o hotel”, acrescentou Prandelli, sem dizer o responsável pela proibição.
Manifestantes também atiraram pedras contra o hotel Sheraton, no Campo Grande.
O meia Ricardo Montolivo condenou a violência nos protestos pelo país, mas disse que os manifestantes devem ser respeitados.
“Temos que condenar a violência, mas acho que deve haver solidariedade entre os manifestantes. Eles devem estar sofrendo e merecem ser respeitados”, disse o jogador.
“Esperamos uma ótima partida dentro do campo e que nada aconteça do lado de fora”, completou o treinador.

EM DIA DE JOGO, NÃO TEM AULA

greve-aulas
Em pleno fervor de inúmeras mobilizações acontecendo em várias partes do país, inclusive em Ilhéus, marcada para amanhã, questionando entre tantas coisas, o uso de dinheiro público na construção de estádios, ante o descaso com a Educação, surge uma pérola.
Na grande maioria das escolas públicas baianas, os alunos foram liberados hoje, para poderem assistir o jogo do Brasil na Copa das Confederações.
Depois não querem mais protestos. 

SALVADOR: TRABALHADORES DE HOTEL QUE RECEBERÁ SELEÇÃO DECLARAM GREVE

CORREIO
Aproveitando a oportunidade da Copa das Confederações para chamar atenção do patronato, o Sindihotéis, sindicato que representa os trabalhadores da hotelaria, declarou greve em três unidades hoteleiras —  sendo que duas vão hospedar jogadores do torneio. A greve afeta o Gran Hotel Stella Maris, que receberá a Seleção Brasileira na quinta-feira; o Catussaba Resort Hotel, em Itapuã, que hospedará jogadores do Uruguai hoje, e o Catussaba Business, em Stella Maris.

Segundo o sindicato, 700 trabalhadores aderiram à greve, e esse número representaria 90% do total dos contratados nos três hotéis — o número não foi confirmado pelos patrões. Eles reivindicam 10% de aumento retroativo ao início deste ano (quando receberam 6,2% de aumento), melhorias das condições de trabalho, entre outros pleitos.

No Gran Hotel Stella Maris, o gerente Marco Bahia assegurou que a greve não está afetando os serviços do hotel. “Cerca de 90% dos funcionários estão trabalhando”, disse Bahia. Ele não soube informar se haveria negociação com o sindicato. A gerência dos hotéis Catussaba informou que pretende conceder o aumento solicitado pela  categoria.

SITE DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA BAHIA É ALVO DE HACKERS

Página foi invadida neste domingo.

Página foi invadida neste domingo.

O site da site da Assembleia Legislativa da Bahia foi alvo hackers na manhã deste domingo (16). Na página do ALBA, foi colocada a foto da presidente Dilma Rousseff durante a abertura da Copa das Confederações, em Brasília. A presidente foi vaiada no evento.
Além disso, questionamentos sobre a Copa do Mundo e o comportamento dos policiais durante as manifestações contra o reajuste das passagens foram feitos. A página foi retirada do ar após o ataque.
Com a autoria assumida por “AnonCyber & CyberGhosts”, diversas fotos e um texto foi publicado na página:
“Porque nosso governo anda agredindo tanto o povo? afinal o que fizemos de tão ruim? Afinal, vivemos ou não em uma democracia? o LIMITE acabou!! INFLAÇÃO, CORRUPÇÃO, REPRESSÃO, CENSURA, TARIFAS, IMPOSTOS? e COPA? PRA QUEM ? a educação não vale? a segurança não vale? e a SAÚDE? não vale investimentos? que se dane a copa do mundo eu não vou fingir para “inglês” ver, e você DILMA? porque chateada com vaias? seu governo não vale 1% do nosso sangue e impostos!!

MINISTRO AMEAÇA FECHAR HOTÉIS QUE COBRAREM PREÇOS ABUSIVOS DURANTE COPA DAS CONFEDERAÇÕES

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, anunciou hoje (13) “tolerância zero” para abusos de preços nas diárias dos hotéis, conforme denúncias divulgadas pela imprensa, por causa da Copa das Confederações, que começa neste sábado (15), em Brasília, com o jogo Brasil x Japão, e da Copa do Mundo de 2014, programada para acontecer em 12 capitais brasileiras.
Em entrevista ao programa Bom Dia, Ministro, produzido pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República em parceria com a EBC Serviços, o ministro disse que o governo poderá acionar a Polícia Federal, além dos órgãos de fiscalização dos estados e municípios, pois “aqueles que pensam que podem abusar dos consumidores precisam saber que a mão pesada do Poder Público vai agir e pode até ter hotel fechado por causa disso”.
Rebelo alertou ainda que “na última vez em que [os hotéis] tentaram fazer isso, tiveram que devolver dinheiro às pessoas que pagaram preços abusivos na Rio+20, no Rio de Janeiro”. Ele acrescentou que o governo não vai aceitar que a rede hoteleira aproveite os eventos esportivos para superfaturar os preços, pois “isso vai prejudicar o país e a cidade onde for praticado esse abuso, que perderá eventos e destinos turísticos”.

ACARAJÉ DA FIFA CUSTARÁ 8 REAIS

Acarajé-DinaO acesso aos jogos da Copa das Confederações e da Copa do Mundo é algo utópico para a grande maioria dos brasileiros.
Em especial para a grande leva de pessoas que sobrevivem com um salário mínimo e não comprometerão seus parcos orçamentos mensais em troca de 90 minutos de emoções futebolísticas.
Mas, quem pagar pra ver os jogos nos estádios, pelo menos na Arena Fonte Nova, terá mais uma surpresa: O preço do acarajé.
Na Copa das Confederações, dentro das catracas ou nas imediações do estádio, o quitute baiano será vendido ao preço de R$ 8 e R$ 6 sem camarão.
A informação é da presidente da Associação das Baianas de Acarajé e Mingau do Estado da Bahia (Abam), Rita Santos. “Lá dentro, tudo é mais caro, né?”, justificou.

SALVADOR: VERGONHA NACIONAL?

RAIO LASER
A capital baiana segue a passos largos para passar de vitrine turística para vergonha nacional.
Se não bastassem os problemas com estrutura e mobilidade, com a precariedade do transporte público, foi confirmado ontem, após duas assembleias, que no próximo dia 18 haverá greve dos rodoviários, “coincidentemente” logo após a abertura da Copa das Confederações.
Há quem diga que a escolha da data foi estratégia para forçar um acordo o mais rápido possível.

FIFA LIBERA BAIANAS DO ACARAJÉ NA FONTE NOVA

Acarajé-Dina
A Fifa decidiu permitir a presença de baianas que vendem acarajé na Fonte Nova, estádio de Salvador que será usado na Copa das Confederações e no Mundial de 2014.
O trabalho das baianas, que o Ministério da Cultura declarou patrimônio do Brasil há sete anos, era ameaçado porque a Fifa veta que seus patrocinadores, como o McDonald’s, enfrentem concorrência no raio de 2 km das arenas, até de ambulantes.
A polêmica já durava quase um ano. Na inauguração da Fonte Nova, em abril, a presidente Dilma Rousseff recebeu uma carta das baianas, que fizeram um protesto.
Agora, a reviravolta no caso depende de ajuste das últimas pendências para ser oficialmente divulgada em evento com autoridades e a Abam (Associação das Baianas de Acarajé e Mingau).
A principal delas é a quantidade de profissionais que poderão ultrapassar as barreiras da Fifa. Já é certo que haverá um número reduzido.
As baianas terão de ficar em espaço fora das catracas da praça esportiva, sem acesso aos corredores da arena.
“Elas ficarão em quiosques no chamado ‘comercial display’, uma área acima do edifício-garagem que também terá estandes e venda de souvenires. Só chegará ali quem tiver ingresso. É o primeiro ponto de contato do torcedor”, diz Ney Campello, secretário da Copa na Bahia.
Ele não sabe se o público poderá comprar e levar o acarajé para seus assentos. “Mas acredito que sim”, disse.

cristina frey

dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia