WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
bahiagas Neste site
ilheus brindes
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘chocolate’

CHOCOLATE DE ORIGEM CONSOLIDA AGENDA ECONÔMICA NA BAHIA EM FESTIVAL

A crise que abateu a cacauicultura na região em 1989 levou os produtores a buscar alternativas, como foi o caso do Fernando Botelho, de 77 anos. “Tivemos de demitir todos os 120 funcionários e fazer financiamentos na tentativa frustrada de recuperar totalmente a lavoura. Perdi alguns imóveis e uma fazenda”, conta o cacauicultor. Sua filha, a engenheira Patrícia Viana Lima lembra: “Começamos a fazer polpa e geleia de cacau na cozinha da minha mãe”.

A vassoura-de-bruxa marcou a história de centenas de produtores. Depois 30 anos, sentem o crescimento do setor, e a família Botelho, da Chocolate Modaka celebram o crescimento da sua marca de chocolate e outros derivados do cacau orgânico. Modaka e mais 69 produtores de chocolate de origem, de um total de 170 expositores, ocuparão o pavilhão de feiras do 11° Festival Internacional do Chocolate e Cacau, entre os dias 18 e 21 de julho, no Centro de Convenções de Ilhéus. :: LEIA MAIS »

O TURISMO ASSOCIADO A CHOCOLATE, UMA NOVA OPORTUNIDADE

Gerson Marques é produtor de Cacau e Chocolate e Diretor Presidente da Associação dos Produtores de Chocolates de Origem do Sul da Bahia.

Gerson Marques é produtor de Cacau e Chocolate e Diretor Presidente da Associação dos Produtores de Chocolates de Origem do Sul da Bahia.

Existe uma enorme sinergia entre chocolate e turismo, são inúmeros os exemplos de cidades que se tornaram referência em destino turístico vinculado ao chocolate, ou que tem no chocolate uma referência importante entre suas atrações.

No estado da Pensilvânia nos EUA, a cidade de Hershey, sede da primeira fábrica de chocolates da famosa marca que leva o seu nome, desprovida de excepcionais belezas naturais ou importância histórica, fez do chocolate sua principal atração, consolidando-se como um destino de referência neste tema, com centenas de atrações nas avenidas Cacau e Chocolate ruas que concentram restaurantes, museus, lojas e boutiques de chocolates.

No México em Tabasco, a cidade de Villa Hermosa, criou a Rota do Cacau Maia, oferecendo história associada a chocolates com sabores tradicionais, assemelhados as misturas que deu origem histórica ao chocolate, há mais de mil anos.

A capital belga, Bruxelas, tem no chocolate uma referência cultural importante é lá que está o principal museu do mundo dedicado a este tema, assim como Paris, que realiza eventos comerciais e promocionais associado a imagem da cidade, já tão badalada, ao chocolate.

cacau-e-choco-300x200

Outras estratégias também são interessantes como hotéis temáticos dedicados ao chocolate, seja na arquitetura,  decoração, serviços e culinária, como o The Chocolate Butique Hotel na Inglaterra e o Fábrica do Chocolate em Viena do Castelo em Portugal, construído no prédio de uma antiga fábrica de chocolates.

Aqui no Brasil, o exemplo mais conhecido de associação de chocolate com turismo, é Gramado na Serra Gaúcha, que fomentou uma parque fabril e comercial de chocolates tradicionais, usando o processo de derreter coberturas já industrializadas, re-formar e embalar sob novas marcas, vinculando-se ao conceito europeu, associado chocolate ao frio e ao leite.

:: LEIA MAIS »

1 EM CADA 3 CHOCOLATES VENDIDOS NÃO É CHOCOLATE REAL, DIZ ASSOCIAÇÃO

Armando Pereira Filho | Do UOL, em Ilhéus (BA)
Um em cada três chocolates comuns vendidos no Brasil, produzidos pelas grandes indústrias, não pode ter esse nome de chocolate porque não é feito com o percentual mínimo de cacau exigido pela legislação.
Segundo as regras, para ser considerado chocolate, é preciso que o produto tenha pelo menos 25% de cacau, mas muitos não chegariam nem a 5%.
A denúncia é de Marco Lessa, 43, produtor de cacau, presidente da Associação de Turismo de Ilhéus (BA) e organizador de feira de chocolate, que reúne agricultores e pequenas indústrias.
“O que o brasileiro encontra nas prateleiras de supermercados, vendido como chocolate, é apenas doce, não chocolate”, afirma. “Estimo que um terço dos chocolates estejam nessa situação. Esses não devem ter nem 5% de cacau.”
Lessa também diz que muitos chocolates amargos, com suposto alto teor de cacau (de 50% a 70%), produzidos pelas grandes indústrias e vendidos no mercado nacional por preço maior não têm esse percentual declarado.
“Dizem que têm 70%, mas não têm. Não existe fiscalização para confirmar esse percentual”, declara. Ele não apresentou nenhuma pesquisa ou teste que comprovem essa avaliação, mas diz que o problema se manifesta no próprio sabor dos produtos.

:: LEIA MAIS »

EMPRESA LANÇA CHOCOLATE MOLDADO A PARTIR DE ÂNUS DE MODELO

chocolateanus1Os prazeres do sexo e o de degustar um bom chocolate, parece que interagem e povoam a mente dos seus apreciadores. Prova disso é que algumas das peças mais famosas da nossa Chocolate Caseiro são os chamados “Pau do Cabral”, “O Cacau do Nacib” e a “Flor da Gabriela , que imitam as formas dos órgãos genitais masculinos e femininos.
Seguindo essa tendência chocólatra-sexista, uma doceria britânica está causando polêmica ao oferecer um tipo de chocolate que é moldado a partir do ânus de uma modelo, e vendido em caixas com até 10 unidades, além de uma peça especial feita em prata.
Chama “Edible Anus” (ou “ânus comestível”, em tradução livre), fornece o produto que pode ser entregue em qualquer lugar do mundo,  “feito e moldado a partir da delicada parte de nossa modelo de bumbum”.
De acordo com a empresa, o chocolate “pode dissolver tabus culturais de gênero, classe e orientação sexual, e espalhar a alegria de ensinar ao mundo a amar o ânus”.
Feito de “ingredientes naturais” e chocolate belga (55% de chocolate amargo, 34% de chocolate ao leite e 28% de chocolate branco), o maior pacote está listado no site por R$ 170, incluindo o frete. Para quem quer guardar uma peça de lembrança, há uma opção de comprar o modelo feito em prata por R$ 855, além do frete expresso.
Para quem deseja apenas uma referência ao produto, a companhia oferece também camisetas e canecas, que ostentam a palavra “ânus” escrita.

dom eduardo

lm mudancas

arquiteto













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia