WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
prefeitura de ilheus ponte pontal ilheus Neste site
dezembro 2020
D S T Q Q S S
« nov    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

:: ‘Carteira Nacional de Habilitação (CNH)’

EM 6 DIAS, 125 MOTORISTAS SOLICITARAM CNH DIGITAL NA BAHIA

Serviço passou a ser ofertado no estado no dia 3 de junho. Custa é de R$ 67,10.

Até esta segunda-feira (9), 125 motoristas procuraram o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) para confeccionar a versão eletrônica da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) no estado, segundo informações do órgão.

O serviço começou a ser ofertado na Bahia no dia 3 de junho. A CNH digital está disponível para condutores que possuem a CNH impressa no formato atual, com QR Code (código de barras bidimensional), e para o habilitado que tem certificado digital.

A taxa para confecção do documento é de R$ 67,10, com isenção para quem tiver o certificado digital. Conforme o Detran, um documento não exclui o outro. Com isso, a carteira impressa continua valendo e a CNH eletrônica não é obrigatória.

:: LEIA MAIS »

REGRA QUE EXIGIA CURSO E PROVA PARA RENOVAÇÃO DE CNH SERÁ REVOGADA, DIZ MINISTÉRIO

Regra entraria em vigor em junho e previa, por exemplo, novo curso teórico e prova para renovar a CNH. Governo diz que objetivo da revogação é não alterar a vida de quem precisa renovar carteira.

O Ministério das Cidades informou na noite deste sábado (17) que a norma que mudava as regras para a renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) será revogada.

Segundo a pasta, o objetivo da revogação é não alterar a vida de quem precisa renovar a carteira, além de “reduzir custos e facilitar a vida do brasileiro”.

Pela resolução, que entraria em vigor no próximo dia 5 de junho, os motoristas que fossem renovar a CNH precisariam fazer um curso teórico e uma prova, além do exame médico (atualmente obrigatório).

:: LEIA MAIS »

CNH VAI VIRAR CARTÃO COM CHIP ATÉ 2019

Carteira de habilitação será modernizada para concentrar dados do motorista e dificultar fraudes, segundo o Ministério das Cidades

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vai mudar novamente e abandonar o formato em papel para virar um cartão de plástico com microchip, que reunirá informações do motorista.

Uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que será publicada ainda nesta semana, promete que a mudança será feita até 1º de janeiro de 2019 – prazo final de adaptação dos Detrans estaduais ao novo modelo.

Ainda não há informações sobre possíveis diferenças no valor para tirar ou renovar a carteira de motorista – cada Detran deve definir o valor no momento da adoção da tecnologia.

Quem tiver o documento válido em papel não será obrigado a fazer a troca, que ocorrerá na hora da renovação.

De acordo com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, a nova CNH deve reduzir as fraudes e aumentar a durabilidade do documento, além de possibilitar integração com outros países.

O formato de cartão “inteligente” se assemelhará a um cartão de débito/crédito convencional, com chip e gravação a laser dos dados do motorista.

A novidade também abre as portas para que o documento se torne mais “universal”, podendo (no futuro) servir para pagamento de pedágio ou transporte de ônibus e metrô, controle de acesso a prédios públicos e identificação biométrica (com cadastro das digitais no chip).

Essas funcionalidades poderão existir por meio de convênios entre entidades públicas ou privadas com autorização do Denatran.

:: LEIA MAIS »



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia