WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
prefeitura ilheus hospital sao jose
março 2017
D S T Q Q S S
« fev    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: ‘arte’

TENDA TPI SUSPENDE PROGRAMAÇÃO DURANTE FERIADO DA SEMANA SANTA

Espaço fica situado na avenida Soares Lopes, em Ilhéus.

Espaço fica situado na avenida Soares Lopes, em Ilhéus.

A Tenda Teatro Popular de Ilhéus (TPI) suspendeu a programação especial que integrava o Aleluia Ilhéus Festival, durante o feriado prolongado da Semana Santa, entre os dias 17 e 21. A decisão foi tomada após informação da secretaria municipal de Turismo de que as atrações do espaço cultural não faziam mais parte do evento. “O anúncio foi dado a poucas horas de iniciarmos as atividades. Lamentamos pelo público, que contava com as nossas atrações de teatro, música, dança e circo”, declarou o diretor artístico do TPI, Romualdo Lisboa.
 A inclusão da programação especial da Tenda TPI no Aleluia Ilhéus tinha sido acertada há mais de um mês, inclusive foi divulgada no material impresso do espaço cultural e boletins da secretaria municipal de Comunicação. “Não podemos arcar com uma programação gratuita sem qualquer tipo de subsídio, uma vez que temos custos extras, como aluguéis de banheiros químicos e energia elétrica”, informou o administrador da Tenda, Antônio Melo.
A programação regular do espaço cultural montado na avenida Soares Lopes volta na próxima sexta-feira (25), com o espetáculo Casa de Farinha, da Cia. de Dança Sôanne Marry. No sábado (26), a cantora Eloah Monteiro e grupo Chorinho Brasil apresentam o show Canto Chorado. As atrações começam às 20 horas, com entradas a R$ 20 inteira e R$ 10 meia para estudantes, idosos e titulares do Cartão TPI.

ILHÉUS: TENDA TPI OFERECE DUAS NOVAS OFICINAS

Aula de acrobacia aérea em tecido. Foto: Karoline Vital.

Aula de acrobacia aérea em tecido. Foto: Karoline Vital.

A Tenda Teatro Popular de Ilhéus (TPI) está com inscrições abertas para duas novas oficinas artísticas: Vivência Teatral e Sou da Dança. A primeira acontece às 19h das quartas-feiras e às 16h das quintas-feiras, com mensalidade a R$ 60. A segunda é gratuita, voltadas para alunos da rede pública, com encontros às terças-feiras a partir das 17h. Para fazer a inscrição, basta ir ao espaço cultural, situado na avenida Soares Lopes, das 14 às 18h.
A oficina de Vivência Teatral é voltada para maiores de 10 anos, sem limite de idade. A atividade coordenada por Tânia Barbosa tem duração de três meses, com leituras, jogos teatrais e preparação vocal. São oferecidas 20 vagas por turma. A oficina Sou da Dança disponibiliza 30 vagas para estudantes das redes municipal e estadual, com idade entre 15 e 20 anos. O projeto de iniciação à dança, coordenado por Sôanne Marry, pretende selecionar integrantes para formação de um Balé Folclórico. Para se inscrever, é preciso apresentar o comprovante de matrícula da escola.
A Tenda TPI segue com inscrições abertas para aulas de capoeira com Mestre Virgílio, violão e guitarra com Ricardo Maciel, bateria e percussão com Sabará e dança aérea e acrobacia em tecido com Paula Mazzini. Os titulares do programa de fidelidade do espaço cultural, o Cartão TPI, têm 10% de desconto nas mensalidades, que também podem ser pagas com o Vale Cultura. Para mais detalhes, basta ligar para (73) 4102-0580.
1789 nesta sexta-feira – A ópera afro-rock 1789 estará em cartaz nesta sexta-feira (11) às 20 horas. Escrita e dirigida por Romualdo Lisboa, a montagem aborda o levante dos escravos do Engenho de Santana, através de saltos no tempo e espaço. A trilha sonora é executada ao vivo, com direção musical de Elielton Cabeça. No elenco, além dos artistas do Teatro Popular de Ilhéus, estão membros do Terreiro Matamba Tombenci Neto, descendente dos escravos que protagonizaram o fato histórico.  As entradas custam R$ 20 inteira e R$ 10 meia para estudantes, idosos e titulares do Cartão TPI. A classificação indicativa é 14 anos.

PRECIOSIDADE MUSICAL PRA ESPANTAR OS MAUS AGOUROS…

Eis “Os Tincoãs”.
Uma grandiosa joia rara em matéria de arte baiana-brasileira, de inestimável qualidade, reverenciada pelos maiores nomes da nossa música.
Não precisamos falar mais nada, apenas deixar fluir…

SUSCITAR QUESTIONAMENTOS: EIS A MISSÃO PRIMORDIAL DA ARTE…

UMA IMAGEM E MUITOS SIGNIFICADOS

Imagem: Pawel Kuczynski.

 Pawel Kuczynski.

COMPANHIA DE TEATRO DE ILHÉUS SELECIONA ATORES

mascara de teatro 7
Ei você, está interessado em integrar o elenco de um espetáculo teatral?
Pois bem, uma companhia de teatro de Ilhéus abriu audição para a seleção de atores, objetivando a montagem de uma peça. Os interessados devem enviar os contatos, incluindo telefone e link do perfil no Facebook, para o e-mail: audicaodeteatro@outlook.com .
Os candidatos serão respondidos por e-mail.
Maiores informações através do telefone: (73) 8884-9638.

MARCHINHA QUE IRONIZA “HELICÓPTERO DO PÓ” VENCE CONCURSO EM MINAS

A música ‘Baile do Pó Royal’ foi a vencedora do 3º Concurso de Marchinhas Mestre Jonas do carnaval de Belo Horizonte . A grande final foi realizada na madrugada deste sábado (15) na quadra do Grêmio Recreativo e Escola de Samba Cidade Jardim. Os campeões levaram o prêmio de R$ 5 mil.
A canção fala sobre o episódio envolvendo a apreensão de mais de 400 quilos de cocaína no helicóptero da família do senador Zezé Perrela (PDT-MG) no fim do ano passado. A marchinha foi composta por Alfredo Jackson, Joilson Cachaça e Thiago Dibeto. Gustavo Maguá, Oleives, Thiago Dibeto e Vitor Velloso foram os interpretes.
Segundo a organização, neste ano, foram inscritas 119 marchinhas no Concurso Mestre Jonas, que em sua 3ª edição já se consolida como evento tradicional do carnaval da capital mineira. O tom crítico e irreverente das músicas em relação, principalmente, a política são temáticas recorrentes.
As 12 marchinhas finalistas foram executadas pelos respectivos intérpretes e por uma banda formada por Thiago Delegado e outros 10 músicos. Um corpo de cinco jurados escolheu as três melhores canções e o público presente definiu a ordem de premiação.
Além do dinheiro, os vencedores se apresentam no desfile da “Banda Mole”, no sábado, 22 de fevereiro, na Avenida Afonso Pena, centro de Belo Horizonte.

ARTE, CULTURA E ENTRETENIMENTO NA TENDA TEATRO POPULAR DE ILHÉUS

Foto: Karoline Vital.

Foto: Karoline Vital.

A Tenda Teatro Popular de Ilhéus oferece programação de quarta (12) até domingo (16) com modalidades artísticas variadas.
Nessa quarta, o “Cineclube Équio Reis” apresenta uma série de vídeos nacionais e internacionais, indicada para todos os públicos. A exibição é gratuita e acontece em frente ao espaço cultural, onde a plateia pode se acomodar em cadeiras e divertir-se com as diferentes linguagens.
A “Quinta da Dança” surpreende o público a cada semana, com estilos de dança de várias culturas e épocas. A sessão começa a partir das 20 horas.
Já na sexta, o “Auto do Boi da Cara Preta” celebrará a cultura popular, misturando o canto das lavadeiras, o coco, o xaxado e o aboio dos vaqueiros ao rock e ao blues. A montagem tem texto de Romualdo Lisboa, direção musical de Elielton Cabeça, e direção geral de Tânia Barbosa. Em cartaz desde 2007, o elenco do musical canta, dança e executa a trilha sonora ao vivo. A apresentação começa às 20 horas e é livre para todas as idades.
No “Sábado Sim”, clássicos da música popular brasileira irão embalar a Tenda TPI. Acompanhada por por Lito Vieira no violão de sete cordas e Luquinha na percussão, Eloah Monteiro interpretará grandes clássicos do samba. A artista multifacetada, que além de cantora é atriz, escritora e jornalista, apresentará músicas que marcaram sua infância e também seus 14 anos de carreira.
A arte circense itinerante do “Circo Show Brasil” abrilhanta a programação da Tenda TPI no domingo. Às 17 horas, matinê especial para as crianças. E, às 20 horas, espetáculo para toda família. Trapezistas, equilibristas, acrobatas, contorcionistas, atirador de facas, números de mágica e a irreverência dos palhaços Shampoo e Radiola fazem parte das atrações. O Circo Show Brasil é proprietário da estrutura alugada pelo Teatro Popular de Ilhéus, desde abril do ano passado. Os ingressos custam R$ 10 e R$ 5.
As entradas para os espetáculos de dança, música e teatro custam R$ 20 e R$ 10 para estudantes, idosos e titulares do Cartão TPI. Quem desejar aderir ao programa de fidelização deve preencher uma ficha com dados pessoais e pagar R$ 25. Os associados ainda têm direito a descontos em produtos, cursos e oficinas durante um ano.

ARTE, CULTURA E ENTRETENIMENTO NO “SARAU DA FAZENDA YRERÊ”

Yrerê (1)
Para os amantes das artes e da cultura em geral, o dia 2 de fevereiro (próximo domingo) virá recheado de simbolismo. Nesse data, que também se celebra o dia de Iemanjá, será inaugurado oficialmente o mais novo espaço de entretenimento construtivo na região, na agradável Fazenda Yrerê.
O evento, batizado de “Sarau da Fazenda Yrerê”, começa a partir das 16h, e contará com a apresentação do músico ilheense Keketa e muitos convidados, com destaque para o seu inseparável amigo Itassucy.
O show será no clássico formato das serenetas, com músicos e público juntos, sentados no extenso gramado da fazenda, cantando clássicos da MPB, Samba, Bossa, Românticas, etc.
A Yrerê, que já é parte integrante do itinerário regional do turismo rural, fica situada no km 11 da rodovia Ilhéus-Itabuna, e recentemente foi indicada pela Embratur como um dos melhores produtos do citado segmento turístico.
O “Sarau da Fazenda Yrerê” é uma iniciativa dos seus proprietários em parceria com músicos locais.
A entrada é franca e haverá comércio de alimentos e bebidas não alcoólicas no local. Os participantes poderão aproveitar a oportunidade para visitar e adquirir orquídeas no Orquidário Ilhéus, situado dentro da fazenda, além de passear por uma bela trilha, e conhecer a beleza desta fazenda visitada por turistas de todo o mundo.
Eis uma grande alternativa de diversão que estava faltando na cidade.

BANDA ILHEENSE OQUADRO É DESTAQUE EM RELATÓRIO DE FEIRA INTERNACIONAL

OQuadro.

OQuadro.

A banda ilheense de Hip-Hop, OQuadro, juntamente com o grupo Os Nelsons, de Paulo Afonso, além dos também baianos Lucas Santtana e Pitty, estão entre os os destaques de um relatório divulgado pela Feira Internacional de Música Midem.
O evento, que este ano terá o Brasil como país convidado, será realizado de 1º a 4 de fevereiro em Cannes, na França.
As bandas O Quadro, Os Nelsons (citadas na categoria de artistas novos ao lado de nomes como a banda CSS e o rapper Criolo, de São Paulo), e Lucas Santtana, estão no repertório do volume 5 da coletânea Bahia Music Export, que integra o Programa de Mobilidade Artística e Cultural promovido pela secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA), através da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb).
“Esta visibilidade que os artistas baianos estão tendo na cena internacional é resultado direto das ações de promoção internacional do Bahia Music Export, que incluem produção de material promocional, como as coletâneas, realização de projetos especiais de intercâmbio e apoio à turnês. Além de estarem na coletânea, os dois grupos participaram do projeto de intercâmbio musical Brasil x Reino Unido em 2013, tendo lhes rendido convites para turnês e espaço na mídia especializada. No caso de Lucas Santtana, apoiamos as duas turnês à Europa”, afirma a assessora de relações internacionais da SecultBA, Monique Badaró.
O estudo estima que o Brasil é o 8º maior mercado de música do mundo. Quando o assunto são as vendas de música digital, o Brasil ocupa a 12ª posição, porém representa apenas 2% das vendas totais no mercado musical online, capitaneado pelos EUA e Japão.

VASTA PROGRAMAÇÃO NA TENDA TEATRO POPULAR DE ILHÉUS

Foto: Alfredo Filho.

Foto: Alfredo Filho.

De amanhã (22) até sábado, o público pode conferir diferentes atrações na Tenda Teatro Popular de Ilhéus (TPI). Na Quarta do Cinema, tem Cine Incidental a partir das 19 h, em frente ao espaço cultural. A Quinta da Dança traz o espetáculo “Casa de Farinha”, às 20h. Na Sexta do Teatro, a sátira em cordel “Teodorico Majestade, as últimas horas de um prefeito”, no mesmo horário. Já no sábado (25) às 16h, música e histórias infantis no projeto Conto e Cantigas e, às 20 horas, o Sábado Sim Verão traz shows de Dr. Imbira e Mendigos Blues.
O Cine Incidental combina cinema e música. Assim como nos primórdios do cinema, os músicos Elielton Cabeça e Pablo Lisboa são os responsáveis pelos efeitos e trilha sonora do filme Dia de Pagamento, de Charles Chaplin. A obra do mestre do humor ganha ainda mais vida através dos sons produzidos ao vivo, com instrumentos tradicionais e alternativos. A apresentação dura 30 minutos, é gratuita e livre para todos os públicos.
O espetáculo “Casa de Farinha” mostra as dores e alegrias dos escravos interpretadas na dança, teatro, poesia e música. A montagem da Cia. de Dança Sôanne Marry e do Ballet Folclórico IFBA campus Ilhéus é baseada nos livros Farinha, Madeiras e Cabotagem: a capitania de Ilhéus no antigo sistema colonial, do historiador Marcelo Henrique Dias, e Tambores de Angola, de Robson Pinheiro. A direção é de Sôanne Marry.
:: LEIA MAIS »

PROGRAMAÇÃO DIVERSIFICADA NA TENDA TPI

Foto: Alfredo Filho.

Espaço fica localizado na avenida Soares Lopes. Foto: Alfredo Filho.

No auge das férias e do verão, a Tenda Teatro Popular de Ilhéus (TPI) entra em 2014 oferecendo um variado leque de atrações. Todas as semanas têm cinema, teatro, dança e música para plateias de gostos e idades diferentes. O “Sábado Sim Verão” abre a programação de janeiro neste sábado (04) a partir das 20h, com os shows das bandas Enttropia e IOS.
As entradas custam R$ 20 a inteira e R$ 10 para estudantes, idosos e titulares do Cartão TPI.
Em janeiro, a Tenda TPI traz a “Quarta do Cinema”, com o “Cine Incidental”, que terá exibição de filmes mudos de Charles Chaplin, sonorizados pelos músicos Elielton Cabeça e Pablo Lisboa.
Na “Quinta da Dança”, a Cia. de Dança Sôanne Marry, A-RRISCA, Núcleo da Dança, Balé Afro Dilazenze, Grupo de Dança do Disk Emoções e Rafaela Canabrava trazem variados estilos de expressão corporal.
Para a “Sexta do Teatro”, estão programados os espetáculos “Auto do Boi da Cara Preta” (10), 1789 (17), “Teodorico Majestade – as últimas horas de um prefeito” (24) e “Lendas da Lagoa Encantada” (31).
O “Sábado Sim Verão” é realizado em parceria com o Coletivo Chocolate Groove, trazendo o melhor da música independente da região a cada semana.
Os espetáculos e shows começam sempre às 20 horas.
E o projeto “Conto e Cantigas” se transforma em Clubinho, com atividades exclusivas de incentivo à leitura e musicalização das crianças. Quem quiser fazer parte, basta pagar uma taxa de adesão de R$ 15, que vale por um ano. O próximo encontro será no dia 25, a partir das 16 horas.
Quem desejar investir no lado artístico e busca condicionamento para corpo e mente, pode se inscrever nos cursos e oficinas artísticas. Entre os já oferecidos estão: bateria e percussão, dança aérea e acrobacia em tecido, violão e guitarra e capoeira. E as aulas de Hatta Yoga surgem com novidade com aulas terças e quintas-feiras pela manhã. Para mais informações, os interessados podem ligar para (73) 4102-0580.

BANDA ILHEENSE PRESENTE EM COLETÂNEA QUE REÚNE O MELHOR DA MÚSICA BRASILEIRA NA VISÃO DOS EUROPEUS

sounds-and-colours-brazil-banner-630A revista de música e cultura sul-americana “Sounds and Colours” idealizou um projeto intitulado “Brazil”, uma coletânea que soma um livro mais um CD com o intuito de exaltar as melhores músicas brasileiras da contemporaneidade, evitando estereótipos e clichês.
São 200 páginas de artigos, ilustrações e fotos que mostram o Brasil de uma maneira inédita através de músicas produzidas no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Bahia e Peranambuco.
A banda ilheense de hip-hop OQuadro, é uma das citadas na publicação. Em 2013 o grupo excursionou duas vezes na Inglaterra, levando um pouco da nossa cultura e divulgando além mar.
Para ouvir gratuitamente a coletânea na íntegra, clique aqui.
Para encomendar a coletânea por 22.95 libras clique aqui.
OQuadro.

OQuadro.

Além das 20 músicas de artistas como Felipe Cordeiro, Metá Metá, Bixiga 70, Passo Torto, Siba e muito mais, há também artigos sobre Candido Portinari, Derlon Almeida, Anarkia Boladona e Gilvan Samico.
Há também uma análise aprofundada da literatura e da fotografia brasileira, ensaios sobre carnaval em Recife, tecnobrega em Belém e os protestos recentes.

ESPETÁCULOS NA TENDA DO TEATRO POPULAR DE ILHÉUS

A peça Auto do Boi estará em cartaz hoje, a partir das 20h. Foto: Karoline Vital.

A peça Auto do Boi da Cara Preta estará em cartaz hoje, a partir das 20h. Foto: Karoline Vital.

O palco da Tenda Teatro Popular de Ilhéus receberá dois espetáculos nesta semana. Na quinta-feira (19), estará em cartaz o musical infanto-juvenil Auto do Boi da Cara Preta, às 20 horas. E a Cia. de Dança Sôanne Marry estreia Casa de Farinha. A montagem será apresentada às 20 horas de sexta-feira e sábado (20 e 21) e às 19 horas do domingo (22). As entradas custam R$ 20 a inteira e R$ 10 para estudantes, idosos e titulares do Cartão TPI.
O espetáculo da Cia. Boi da Cara Preta traz a animação e o colorido da festa do bumba meu boi para contar como surgiu a canção de ninar mais entoada do Brasil. O texto de Romualdo Lisboa narra as aventuras do vaqueiro Mateus para tentar agradar sua mulher Catarina, grávida e desejando a língua do boi do temido coronel Firmino. Para alcançar seu objetivo, ele acaba encontrando diversos personagens da cultura nordestina. A direção musical é de Elielton Cabeça e a direção geral de Tânia Barbosa.
Casa de Farinha mostra as dores e alegrias dos escravos traduzidas na dança, teatro e música. A montagem da Cia. de Dança Sôanne Marry e do Ballet Folclórico IFBA campus Ilhéus é inspirado nos livros Farinha, Madeiras e Cabotagem: a capitania de Ilhéus no antigo sistema colonial, do historiador Marcelo Henrique Dias, e Tambores de Angola, de Robson Pinheiro.
Segundo a diretora do espetáculo, Sôanne Marry, quando se fala em escravidão, a primeira lembrança da mancha histórica é o sofrimento dos cativos. Mas, apesar das amarguras, os negros também cantavam e dançavam. “As casas de farinha dos engenhos eram subsídio de trabalho e também de divertimento”, complementou.

EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA NO TEATRO MUNICIPAL DE ILHÉUS

porto de trás
Será aberta oficialmente na próxima quarta-fera (11), as 19:30h, no foyer do teatro municipal de Ilhéus, a exposição “Porto de Trás: Imagens de um quilombo urbano”, do renomado fotógrafo ilheense Flávio Rebouças.
As imagens ficarão expostas para visitação pública até o dia 20 de dezembro.
A abertura da exposição contará com a discotecagem do DJ Jef Rodriguez.





twitter
facebook