WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
ponte pontal ilheus Neste site
dezembro 2020
D S T Q Q S S
« nov    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

:: ‘aldenes meira’

CONCURSO PRA CÂMARA DE ITABUNA AVANÇA

Concurso foi compromisso assumido pelo presidente da casa, Aldenes Meira.

Concurso foi compromisso assumido pelo presidente da casa, Aldenes Meira.

Depois de uma longa sessão iniciada na tarde de ontem (quarta, 09), a câmara de vereadores de Itabuna aprovou, por unanimidade, o anteprojeto de lei que determina a realização de concurso público para o poder legislativo local.
Segundo o Pimenta, o projeto de lei cria 44 cargos em todos os níveis de escolaridade. As vagas serão preenchidas por meio de concurso público. 
A previsão da mesa diretora da casa é de que o edital seja lançado até o próximo mês, logo após a contratação da empresa realizadora.

ALDENES INTENSIFICA CONTATOS COM LIDERANÇAS RELIGIOSAS

Vereador itabunense participou de missa na Paróquia Santa Inês.

Vereador itabunense participou de missa na Paróquia Santa Inês.

O vereador de Itabuna e pré-candidato a deputado estadual Aldenes Meira (PCdoB) tem intensificado os contatos com lideranças religiosas da região. O objetivo é fortalecer a troca de informações, principalmente acerca de projetos sociais desenvolvidos pelas igrejas em suas comunidades. “Nós pretendemos aproveitar essa experiência acumulada para propor ações nessa área ao Executivo”, afirma Aldenes.
Na opinião do vereador, “é de fundamental importância ampliar a ação social tanto em Itabuna como em toda a Bahia”. No caso específico de Itabuna, onde os índices de violência se mantêm em patamar elevado e afetam sobretudo os jovens, Aldenes acredita que a construção de uma política de qualidade na área social seja o caminho para reverter o quadro.
“Para isso, temos que unir esforços entre poder público, sociedade civil organizada e a comunidade como um todo, valendo ressaltar que igrejas das mais diversas denominações têm um trabalho que precisa ser reconhecido e estimulado”, salienta o vereador.
MISSA NO SANTA INÊS – Neste domingo (23), Aldenes, acompanhado pelo vereador César Brandão, participou de missa celebrada pelo padre Acácio Alves na Paróquia de Santa Inês. Há outros encontros com líderes católicos e evangélicos programados para as próximas semanas, uma agenda que o pré-candidato considera fundamental para “reunir ideias e construir novas propostas”. 

CÂMARA DE ITABUNA COBRA EXECUÇÃO DE OBRAS DE MOBILIDADE

Debate foi convocado pelo vereador Aldenes Meira.

Debate foi convocado pelo vereador Aldenes Meira.

A Câmara de Vereadores de Itabuna realizou, na noite de quarta-feira (12), sessão especial que discutiu a questão da mobilidade urbana na cidade. O debate, convocado pelo vereador Aldenes Meira (PCdoB), reuniu ciclistas, secretários municipais, pessoas com necessidades especiais de locomoção, representantes da OAB, Detran e membros do legislativo municipal.
Ao abrir a discussão, Aldenes Meira falou sobre o crescimento do número de veículos automotores em circulação nas ruas de Itabuna, que reproduz fenômeno nacional e está ligado à elevação da renda da população. “A frota tem aumentado e, ao mesmo tempo, é preciso garantir um maior respeito aos pedestres e ciclistas”, enfatizou o vereador. Ele lembrou que Itabuna tem mais de 210 mil habitantes e apenas um pequeno trecho de ciclovia. “É preciso que a gestão municipal crie uma agenda positiva no que diz respeito à mobilidade”, defendeu Aldenes.
De acordo com o coordenador do Detran em Itabuna, Gilson Nascimento, o município tem 68 mil  veículos cadastrados e a estimativa é de que pelo menos 120 mil circulem na cidade, para a qual convergem muitos moradores de outros municípios da região. Ele ressaltou que o aumento da frota não foi acompanhado por obras viárias. O coordenador disse, no entanto, que além da engenharia, as soluções para o trânsito passam pela fiscalização e ações educativas.
Os representantes da administração na sessão especial foram o secretário de Transportes e Trânsito, Clodovil Soares, e o de Desenvolvimento Urbano, Marcos Monteiro. Soares citou a realização do 1º Fórum de Mobilidade Urbana de Itabuna, ocorrido em 2013, como uma das primeiras iniciativas da atual gestão da Settran. “Saímos com muitas ideias a implementar”, disse o secretário, mencionando o projeto para criação de ciclovias e ciclofaixas.
:: LEIA MAIS »

ALDENES PRESTIGIA INAUGURAÇÃO EM MANOEL VITORINO

Vereador itabunense esteve presente em solenidade de inauguração de uma agroindústria de frutas no município do sudoeste da Bahia.

Vereador itabunense esteve presente em solenidade de inauguração de uma agroindústria de frutas no município do sudoeste baiano.

O vereador Aldenes Meira (PCdoB), de Itabuna, participou, no sábado, 8, da inauguração de uma agroindústria de frutas no município de Manoel Vitorino, Sudoeste da Bahia. O projeto é do Governo do Estado, que investiu R$ 3 milhões em obras, equipamentos e assistência técnica.
Grande defensor de projetos de inclusão socioprodutiva e fortalecimento da agricultura familiar, Aldenes, que já presidiu a Federação dos Trabalhadores da Agricultura da Bahia (Fetag-BA), elogiou a iniciativa do governo. “Vejo nessa agroindústria mais um passo no sentido de assegurar a autonomia necessária  aos pequenos produtores, assim como tantas outras iniciativas do gênero que temos visto nos últimos anos em toda a Bahia”, afirma Aldenes.
Na mesma solenidade em Manoel Vitorino, o governador Jaques Wagner entregou duas unidades móveis rurais de atendimento multidisciplinar às mulheres. São ônibus adaptados e equipados com duas salas, nas quais são oferecidos serviços da Rede de Atendimento à Mulher em Situação de Violência.
Foi ainda assinado convênio, da secretaria de Desenvolvimento e Integração Regional com a Cooperativa de Produção e Comercialização dos Produtos da Agricultura Familiar (Cooproaf),para construção de um armazém da agricultura familiar pelo programa Vida Melhor. O investimento é R$ 172,4 mil.

MOBILIDADE: UM TEMA FUNDAMENTAL

Por Aldenes Meira, presidente da câmara de vereadores de Itabuna
aldenesAntes de propor a meia passagem aos domingos e feriados, nós já demonstramos de outras maneiras a preocupação com a mobilidade. Mesmo antes de chegar à Câmara, organizamos, em parceria com o amigo Roger Sarmento, um passeio ciclístico com o objetivo de chamar a atenção da comunidade para formas alternativas e sustentáveis de transporte
Quem acompanha nosso mandato já sabe: a mobilidade urbana é um dos temas que têm prioridade em nossa pauta. Formular políticas públicas para as cidades exige um compromisso efetivo da sociedade com essa questão, e a discussão deve envolver a todos: homens e mulheres, jovens e idosos, motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres.
Fazemos essa introdução para esclarecer que nosso projeto de lei que institui a meia passagem no transporte coletivo aos domingos e feriados, em Itabuna, não é uma proposta isolada e sem maior razão de ser. Não há ilusões de que a meia passagem naqueles dias especiais mudará radicalmente o que precisa ser mudado, mas é inequívoca a ideia de caminhar com foco na inclusão.
O mais importante é que o projeto tem o mérito de despertar essa discussão e ampliá-la. Itabuna é uma cidade que se torna cada vez mais intransitável, com cerca de 60 mil veículos em circulação por suas ruas apertadas, muitas esburacadas e mal sinalizadas. É notório que vivemos em uma cidade que cresceu sem planejamento e com pouco compromisso com o futuro, mas não se pode falar em “jogar a toalha”.
Antes de propor a meia passagem aos domingos e feriados, nós já demonstramos de outras maneiras a preocupação com a mobilidade. Mesmo antes de chegar à Câmara, organizamos, em parceria com o amigo Roger Sarmento, um passeio ciclístico com o objetivo de chamar a atenção da comunidade para formas alternativas e sustentáveis de transporte. Além disso, a iniciativa foi um mote para cobrar do poder público a construção de ciclovias e a instalação de ciclofaixas em Itabuna.
Milhares de itabunenses de todas as idades e classes sociais utilizam a bicicleta como meio de transporte ou para simplesmente se exercitar. Como esporte, o ciclismo tem crescido em nossa cidade, fenômeno que se vê, aliás, em muitos outros centros urbanos. De certa forma, a bicicleta vem ganhando um status mais elevado, talvez pela simples razão de que o automóvel, preso nos engarrafamentos, se torna cada vez mais inviável como meio de transporte urbano.
Em algumas capitais europeias, como Amsterdã, há muito mais bicicletas do que carros nas ruas e, além disso, o transporte público funciona com eficiência. Por lá, já se sabe há algum tempo que não é inteligente nem possível privilegiar os veículos automotores, constatação que alguns já começam a fazer por aqui.
O fato é que Itabuna precisa tratar a mobilidade com a urgência e a seriedade necessárias. Transporte coletivo acessível e eficiente, ciclovias e ciclofaixas, melhor sinalização, mais segurança e espaço para os pedestres, carona solidária. Tudo isso deve ser pensado e providenciado, e “para ontem”.
Para nós, é uma satisfação ver que o projeto da meia passagem, além de facilitar o acesso dos mais pobres ao transporte coletivo, serve também para fomentar esse debate.

PELO DIREITO À MOBILIDADE

Por Aldenes Meira, presidente da câmara de vereadores de Itabuna pelo PCdoB
aldenesApesar dos problemas que afetam a qualidade do serviço, alguns dos quais fogem à competência das empresas, é impressionante a reação diante de qualquer tentativa de favorecer a parte mais vulnerável nessa relação, que é o usuário. 
As manifestações que ocorreram em todo o Brasil em meados de 2013 tiveram como principal mote a luta por um transporte público eficiente e com preço justo. Encabeçada pela juventude, aquela mobilização reflete o anseio geral de uma camada significativa da população que utiliza o ônibus e outros meios coletivos para se deslocar, mas sofre historicamente com a precariedade do serviço.
Basta conversar com os moradores de bairros periféricos de Itabuna sobre o transporte público para se ouvir relatos lamentáveis. Para muitos, o que se oferece são ônibus em péssimo estado de conservação, pelos quais se tem que esperar às vezes mais de uma hora, algo que atormenta e humilha cidadãos e cidadãs diariamente. Isto sem falar nas condições ruins de muitas vias de acesso, além da falta ou precariedade dos abrigos destinados aos passageiros.
Apesar dos problemas que afetam a qualidade do serviço, alguns dos quais fogem à competência das empresas, é impressionante a reação diante de qualquer tentativa de favorecer a parte mais vulnerável nessa relação, que é o usuário. Em junho, foi somente à base de muita pressão popular que essa equação injusta começou a ser modificada, mas um espírito de retrocesso ainda paira no ar.

:: LEIA MAIS »



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia