WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
bahiagas Neste site
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘agricultura’

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA ABRE CONCURSO COM 800 VAGAS

mapaComeçam às 14h desta segunda (3 de fevereiro), as inscrições para o concurso público do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que oferece 796 vagas para níveis fundamental, médio, técnico e superior. As inscrições devem ser feitas exclusivamente no site da Consulplan, no período de 3 de fevereiro a 6 de março de 2014. O valor da taxa de inscrição é de R$ 38,50 para nível fundamental, R$ 50 para nível médio e técnico e R$ 71 para nível superior.
São oferecidas vagas para Engenheiro Agrônomo (80), Farmacêutico (13), Químico (22), Veterinário (110), Zootecnista (07), Agente de Atividades Agropecuárias (50), Agente de Inspeção Sanitária e Industrial de Produtos de Origem Animal (100), Auxiliar de Laboratório (70), Técnico de Laboratório (184), Administrador (25), Agente Administrativo (110), Bibliotecário (02), Contador (06), Economista (04), Engenheiro (Civil ou Elétrico, 03 vagas), Geógrafo (03), Psicólogo (02) e Técnico de Contabilidade (05). As 46 vagas do total são para pessoas com deficiência. Os salários variam de R$ 2.818,02 a R$ 12.539,38 e a carga horária é de 40 horas.
Os candidatos realizarão provas objetivas e discursivas, previstas para o dia 4 de maio, em locais e horários divulgados a partir de 28 de fevereiro. Para os cargos de nível superior destinados às unidades do Laboratório Nacional Agropecuário (Lanagro), será realizada ainda avaliação de títulos.
O edital e outras informações sobre o concurso estão disponíveis na Central de Atendimento da Consulplan (www.consulplan.net), no e-mail atendimento@consulplan.com ou pelo telefone 0800 283 4628.

DILMA ANUNCIA CRÉDITO DE R$ 136 BILHÕES PARA AGRICULTURA EMPRESARIAL

O governo federal lançou nesta terça-feira (4) o Plano Agrícola e Pecuário, que vai liberar R$ 136 bilhões para financiar a safra 2013/2014. 
O plano, anunciado pela presidente Dilma Rousseff e pelo ministro da Agricultura, Antônio Andrade, abre crédito para agricultores de todo o país investirem na produção. O dinheiro pode ser usado, por exemplo, para compra de equipamentos agrícolas e melhoramento de infraestrutura nas propriedades rurais.
O crédito do governo terá uma taxa média de juros de 5,5%, a mesma do plano de 2012/2013. Algumas modalidades específicas, porém, tiveram redução: 3,5% para aquisição de máquinas agrícolas, equipamentos de irrigação e estruturas de armazenagem; 4,5% para o médio produtor e 5% para práticas sustentáveis.
O valor de R$ 136 bilhões é 18% maior que o disponibilizado na safra passada, de R$ 115,2 bilhões. Do total, R$ 97,6 bilhões deverão ser usados para financiar os custos da produção e comercialização e o restante, R$ 38,4 bilhões, será destinado a programas de investimento.
Em seu discurso, durante lançamento do plano no Palácio do Planalto, a presidente Dilma Rousseff destacou a participação do agronegócio no PIB brasileiro e disse que a agricultura, em 2013, terá um “crescimento excepcional”. 

dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia