WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

https://www.AUTO-doc.PT

ilheus brindes
julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  




ILHEENSES SÃO PRESAS APÓS FURTOS EM ITABUNA

RADAR NOTÍCIAS
Mulheres presas em Itabuna.

Mulheres presas em Itabuna.

A polícia militar prendeu, no centro de Itabuna, na tarde de segunda-feira (09), três mulheres acusadas de cometerem diversos furtos contra transeuntes e estabelecimentos comerciais. Cerca de 20 pessoas compareceram à delegacia de Itabuna para registrar ocorrência contra Vanessa Teixeira Carvalho, de 32 anos; Beatriz Fonseca Jesus, 19 anos; e Valdinete Batista Santos, 31 anos.
As três mulheres são acusadas de agir em conjunto se aproveitando da distração de comerciantes e clientes. Algumas pessoas chegaram a ser furtadas enquanto caminhavam nas ruas. “Eu senti alguém esbarrar atrás de mim, mas não percebi o furto. Um homem viu a cena e me avisou que a mulher havia retirado minha carteira da mochila”, conta uma das vítimas, que acionou a polícia e seguiu a mulher.
Com as três acusadas, foram encontradas diversas sacolas com materiais furtados de lojas e clientes, incluindo produtos e documentos das vítimas que estavam em carteiras. Vanessa é do bairro de Fátima em Itabuna, já as outras duas são de Ilhéus. Valdinete estava com um alvará de soltura da cidade de Eunapolis. Beatriz também tem passagem recente pela delegacia, quando foi acusada de furtar a loja Marisa no Shopping. 

PM DA CIPE É BALEADO EM ILHÉUS

O policial militar Gilson Oliveira, lotado na CIPE/Cacaueira, em Ilhéus, foi baleado na tarde de segunda-feira (9,) quando se exercitava no bairro Savoia, zona norte da cidade.
O tiro atingiu o abdômen do PM, que foi levado ao hospital regional e passou por cirurgia. Ao site Plantão Itabuna, amigos do militar disseram que o quadro clínico é instável.
Em relação ao tiro, o policial não soube informar a motivação, conforme ele relatou para os superiores, a ação foi rápida e não teve nem como identificar ao atirador.

TERCEIRIZADOS PROTESTAM EM FRENTE À DIREC DE ILHÉUS

Funcionários contratados pela empresa Delta para trabalhar em colégios estaduais paralisaram as atividades nesta segunda-feira (09) e fizeram barricadas em frente à Diretoria Regional de Educação (Direc-6), em Ilhéus.
Os trabalhadores reclamam do atraso de dois meses nos salários e disseram que só deixarão o prédio quando o pagamento for feito.
Ao repórter Fábio Bomfim, do ILHÉUS 24H, a diretora da Direc, professora Ana Maria, afirmou que o órgão não tem como pressionar a empresa, mas garantiu que, em contato com a Delta, foi confirmado o pagamento dos salários até a meia noite de hoje. 

TRABALHADOR TEM PERNA DESTROÇADA POR MÁQUINA DE MOER CANA

Deu entrada no Hospital de Base de Itabuna, agora à tarde, o trabalhador rural Ednaldo Silva Santos, de 48 anos, morador de Barro Preto. Segundo informações do Vermelhinho, o trabalhador rural é funcionário da Fazenda Santa Clara e se acidentou numa máquina de moer cana.
Ednaldo teria escorregado próximo à máquina e jogou a perna no moedor. Do membro, sobrou somente o osso.
Imagem do acidente você confere ao clicar no leia mais. A imagem é muito forte.

:: LEIA MAIS »

SERVIDORES “ENTERRAM” JABES

Ao fim da assembleia que manteve a greve das cinco categorias do funcionalismo municipal, os servidores realizaram o velório e enterro simbólicos do prefeito Jabes Ribeiro. Com direito a caixão, flores e encomenda da alma do defunto, a cerimônia fúnebre do jabismo atraiu curiosos à frente da sede do governo. Foto: Vermelhinho.

Ao fim da assembleia que manteve a greve das cinco categorias do funcionalismo municipal, os servidores realizaram o velório e enterro simbólicos do prefeito Jabes Ribeiro. Com direito a caixão, flores e encomenda da alma do defunto, a cerimônia fúnebre do jabismo atraiu curiosos à frente da sede do governo. Foto: Vermelhinho.

ADVOGADO REÚNE LEGISLAÇÃO TRIBUTÁRIA E PUBLICA LIVRO DE 6 TONELADAS

advDe tão ousada e inusitada, a ideia chegou a ser tachada como uma “verdadeira insanidade” pelos colegas, mas o advogado mineiro Vinícios Leôncio ignorou os descrentes e iniciou há quase duas décadas um projeto para reunir em livro as legislações tributárias do País. Movido pela inconformidade com o que considera um excesso de normas, o tributarista queria, a princípio, apenas mostrar de forma simbólica o peso dessa legislação no custo das empresas brasileiras. Porém, ao agrupar numa publicação toda a legislação nacional, Leôncio acabou por credenciar sua obra ao ingresso no Guinness World of Recordscomo a mais volumosa e com o maior número de páginas do mundo. A obra pesa 6,2 toneladas e tem um total de 43.216 páginas (cada uma delas com 2,2 m de altura por 1,4 m de largura) que, se enfileiradas, alcançariam uma distância de 95 km!
“A legislação brasileira é muito extensa, mas ela nunca teve visibilidade concreta. Essa foi a ideia, mostrar para a sociedade o tamanho dessa legislação, de um país que edita (em média) 35 normas tributárias por dia útil”, destaca Leôncio. ”A questão era justificar o peso que tem a burocracia tributária na economia das empresas e procurar saber por que o Brasil é o único país do mundo no qual as empresas consomem 2,6 mil horas anuais para liquidar seus impostos, só de burocracia”. O espírito crítico do advogado em relação ao assunto fica evidente no título que ele escolheu para a obra: Pátria Amada. “Tem de amar muito essa pátria para tolerar isso”, ironiza. “Até nós, advogados tributaristas, temos dificuldade de acompanhar esse volume enorme de legislação”.
:: LEIA MAIS »

OAB EMPAREDA JABES RIBEIRO

jabesA Ordem dos Advogados do Brasil, subseção de Ilhéus, entrou no balaio de gato estabelecido entre a prefeitura e os servidores em greve há 50 dias. Em nota publicada pelas categorias, a OAB afirma que o prefeito Jabes Ribeiro é obrigado pela constituição a conceder a reposição salarial dos servidores.
Jabes, no entanto, usa da imposição e intransigência para negar o direito do trabalhador de recuperar o que foi levado pela inflação. As categorias já se dispuseram, inclusive, a receber a ínfima reposição de 6% parcelada, mas jabes se mantém irredutível
Ao descumprir a constituição, o prefeito fica vulnerável à ação da justiça, que ainda está com os olhos vedados.

GREVE DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE ILHÉUS CONTINUA

A greve geral dos trabalhadores de todas as categorias de servidores públicos municipais, que já dura mais de 50 dias, continua por tempo indeterminado. Os trabalhadores ressaltaram que continuam parados até que o prefeito Jabes Ribeiro assine o acordo de campanha salarial.
Eles ressaltam que vem tentado todas as possibilidades de acordo, abrindo mão inclusive de seus direitos, buscando garantir o retorno às atividades normais, contribuindo assim com o desenvolvimento da cidade, mas o governo municipal permanece insensível e insiste na proposta de não conceder qualquer reposição salarial para os servidores, infringindo inclusive a Constituição Federal, que garante o reajuste salarial anual a todos os trabalhadores.
Os líderes sindicais afirmam que além da Constituição Federal garantir a reposição salarial, o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) do Estado da Bahia também emitiu o parecer 292-13 informando que a revisão geral anual dos servidores públicos pode sim ser realizada mesmo quando ultrapassados os limites prudenciais da folha de pagamento, uma vez que se trata de exceção prevista no artigo 22, parágrafo único, da Lei de Responsabilidade Fiscal. Isso quer dizer que os sindicatos dos servidores públicos municipais de Ilhéus estão corretos e dentro da legalidade quando buscam a reposição salarial prevista na Constituição Federal e que o argumento do prefeito Jabes Ribeiro para não conceder a revisão é ilegal.
:: LEIA MAIS »

ILHÉUS: SECRETÁRIA DE SAÚDE PEDE PRA SAIR

A secretária de Saúde de Ilhéus, Ledívia Espinheira, entregou pedido de demissão no início da tarde dessa segunda-feira (09), alegando razões pessoais e familiares, que a levaram a aceitar o convite da secretaria estadual de Saúde (Sesab) para ocupar a diretoria da Rede Própria – Gestão Direta.
Em sua carta solicitando a exoneração, Ledívia Espinheira agradeceu o convite para ser secretária de Saúde em Ilhéus e acrescentou ter sido uma honra “poder voltar à minha cidade, onde vive minha família, mãe, irmãos, sobrinho, quando pude contribuir neste momento de grande adversidade vivido pelo nosso município”. 

O PARAÍSO DOS USUÁRIOS DE DROGA EM ILHÉUS

centro (2)Em contato com a nossa redação, um dos nossos leitores relatou uma situação que há muito vem afligindo as ruas do centro da cidade.
Além do já corriqueiro abandono, com lixo espalhado por tudo que é lado, a presença de moradores de rua e usuários de droga é algo que vem causando insegurança aos moradores e as pessoas que transitam no local no período noturno.
O leitor relatou que alguns trechos do calçadão se transformaram em espécies de ponto de encontro de usuários de droga, que, sem a menor cerimônia, utilizam drogas ali mesmo.
A grande questão é que tal situação não é novidade alguma para os ilheenses, que, se não presenciaram empiricamente tal situação, já ouviram relatos denunciando a situação.
Pelo visto os únicos que desconhecem o problema são os nossos gestores municipais.
São coisas da nossa Ilhéus.

dom eduardo

arquiteto













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia