WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
ilheus brindes
maio 2019
D S T Q Q S S
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: ‘Saúde’

ILHÉUS: BLOG DENUNCIA FAVORECIMENTO NA SECRETARIA DE SAÚDE

Extrato do contrato. Reprodução do Agravo.

Extrato do contrato. Reprodução do Agravo.

Quase nada de novo acontece na prefeitura de Ilhéus. Depois do lixo, dos postos e escolas fechadas, do suposto nepotismo na saúde (veja aqui), surge indício de favorecimento numa dispensa de licitação na mesma secretaria de saúde.
Nesta terça (21), o Blog Agravo acusa o superintendente do fundo de saúde, Antônio Ocké, de favorecer a empresa da própria esposa com um contrato de prestação de serviços de cópias para a pasta.
O contrato da Grafite Papelaria, de R$ 7900,00, vale até o fim do ano.
A denúncia de favorecimento só leva a opinião pública a constatar a pouca influência da secretária Ledívia Espinheira e a ingerência de Antônio Ocké homem de confiança do prefeito, na pasta.

“COCI PROMETE SALÁRIOS HÁ DUAS SEMANAS”, DIZ SINDICALISTA

Em entrevista ao repórter Coutinho Neto, da Santa Cruz AM, nesta manhã (terça, 21), Paulo Santos, diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde de Ilhéus (Sintese), afirmou que a direção da clínica Coci promete há duas semanas efetuar o pagamento dos salários de abril.
Na conversa, Paulo garantiu que a paralisação segue nesta terça e somente 30% dos funcionários trabalham.
No programa Alerta Geral, comandado por Gil Gomes, o médico e vereador Aldemir Almeida, diretor da Coci, afirmou que o pagamento será feito hoje e voltou a culpar a secretária de saúde, Ledívia Espinheira, pelo atraso nos pagamentos.

POSTO CONTINUA SEM MÉDICO E MATERIAL

Se a secretária de saúde de Ilhéus, Ledívia Espinheira, já tiver retornado de Salvador, bem que poderia dar mais atenção aos postos de saúde da cidade.
No Salobrinho, por exemplo, há uma semana que nenhum atendimento é feito. Sem material para qualquer procedimento, a unidade está travada.
Nem o atendimento às crianças beneficiárias do Bolsa Família é realizado. Segundo informações, a médica responsável pela unidade não bate o ponto desde quinta-feira passada.
Não custa lembrar que, em abril, a secretaria de saúde licitou a compra de medicamentos e material de insumo. Quando os postos serão abastecidos e qual o motivo pra tanta demora?

FUNCIONÁRIOS DA COCI CRUZAM OS BRAÇOS

Funcionários da clínica Coci, de Ilhéus, cruzaram os braços nesta segunda-feira (20) reivindicando o pagamento de dois meses de salários atrasados.
Ao repórter Coutinho Neto, da Santa Cruz AM, funcionários contaram que a paralisação é por tempo indeterminado e somente 30% do efetivo será mantido.
Dirigentes do sindicato dos trabalhadores em saúde de Ilhéus contestaram a afirmação do médico Aldemir Almeida de que o atraso seria de apenas 15 dias.
Os sindicalistas reclamaram também do “ostensivo” assédio moral contra os funcionários, chamando atenção para os maus tratos sofridos pela categoria.
Também no programa, Aldemir, que é diretor da clínica, culpou a secretaria de saúde. 

ITABUNA RECUPERA GESTÃO PLENA DA SAÚDE E VANE COMEMORA

Vane.

Vane.

Quase cinco anos com a saúde sofrendo intervenções do governo do estado, a prefeitura de Itabuna conseguiu retomar o comando único da gestão do setor, mais conhecido como a Plena.
A decisão saiu nesta quinta-feira (16). O comando deve ser passado ao município a partir do 1º de junho.
Segundo o prefeito Vane, a volta do comando único, perdido no fim de 2008, vai significar o aumento da capacidade de financiamento da Saúde em Itabuna, ampliando a rede de atendimento à população, a melhoria nas unidades de saúde e no Hospital de Base.
Amanhã, o secretário Jorge Solla vem a Itabuna e, ao lado do prefeito e do secretário Renan Araújo, dará maiores detalhes sobre a decisão. A entrevista coletiva acontecerá no Hospital Calixto Midlej Filho, no bairro Pontalzinho, às 15h.

CONFIRMADA REFORMA DO HOSPITAL REGIONAL

O governo do estado divulgou no diário oficial de ontem (quarta, 08) o aviso de licitação para reforma e ampliação da emergência do Hospital Regional de Ilhéus.
O valor estimado do investimento é de R$7,7 milhões. O projeto da reforma e ampliação considerou as premissas do Qualisus, programa do Ministério da Saúde que visa qualificar o atendimento à população. Ao todo a área ampliada e reformada será de 3310m². A obra não tem prazos.

MAIS LIXO HOSPITALAR EM LOCAL IMPRÓPRIO

Lixo próximo à área de atendimento de pacientes. Fotos: Coutinho Neto.

Lixo próximo à área de atendimento de pacientes. Fotos: Coutinho Neto.

O repórter Coutinho Neto, da Santa Cruz AM e do blog Só em Ilhéus, apurou que grande quantidade de lixo hospitalar está armazenada de forma irregular no Centro de Saúde onde funcionava o SESP, na Avenida Canavieiras, centro da cidade.
Ao repórter, uma funcionária contou que o material é colocado no local há meses, desde que a empresa de coleta deixou de trabalhar na cidade.
Segundo o blog, são resíduos de vacinas contra a hepatite, tuberculose e outras doenças altamente transmissíveis que estão expostas a céu aberto.
Na última semana, denunciamos o acondicionamento irregular de material hospitalar numa clínica do bairro Conquista, lembre aqui.
Há duas semanas, a secretaria de saúde, Ledívia Espinheira, afirmou que contraria, em regime de urgência, empresa para recolher o material hospitalar…

ALÉM DOS CUBANOS, BRASIL PODE ATRAIR MÉDICOS DA EUROPA

AGÊNCIA BRASIL
O governo brasileiro pretende atrair não somente médicos cubanos para trabalhar nas regiões mais carentes do país, mas também profissionais de Portugal e da Espanha. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, disse hoje (7), que desde o início do ano estuda alternativas para suprir a deficiência desses profissionais nas regiões mais remotas do país. “Esse é um dos nós mais críticos para levar a saúde para a população. Não se faz saúde sem médicos. O Brasil precisa de mais médicos com mais qualidade e mais próximos da população”.
Sobre as críticas do Conselho Federal de Medicina à decisão, Padilha disse que concorda que a contratação tem que considerar a qualidade e a responsabilidade desses profissionais. Ele destacou que o governo já descartou a validação automática de diplomas e a contartação de médicos de países que tenham menos profissionais que o Brasil, como é o caso da Bolívia e do Paraguai.
Dados do Ministério da Saúde mostram que no Brasil existe 1,8 médico para cada mil habitantes. Na Argentina, a proporção é de 3,2 médicos para mil habitantes e, em países como Espanha e Portugal, essa relação é de 4 médicos. No início do ano, os prefeitos que assumiram apresentaram ao governo federal uma série de demandas na área de saúde. Entre os pontos destacados estava a dificuldade de atrair médicos para as áreas mais carentes, para as periferias das cidades e para o interior.
:: LEIA MAIS »

BRASIL “IMPORTARÁ” 6 MIL MÉDICOS CUBANOS

medicoOs governos do Brasil e de Cuba, com o apoio da Organização Pan-Americana da Saúde, estão acertando como será a vinda de 6 mil médicos cubanos para trabalharem nas regiões brasileiras mais carentes. Os detalhes estão em negociação. Os ministros das Relações Exteriores, Antonio Patriota, e o cubano Bruno Eduardo Rodríguez Parrilla, anunciaram hoje (6) a parceria.
Patriota e Rodríguez não informaram como será a concessão de visto – se será definitivo ou provisório. Segundo o chanceler brasileiro, há um déficit de profissionais brasileiros na área de saúde atuando nas áreas carentes do país, daí a articulação com Cuba.
“Estamos nos organizando para receber um número maior de médicos aqui, em vista do déficit de profissionais de medicina no Brasil. Trata-se de uma cooperação que tem grande potencial e à qual atribuímos valor estratégico”, disse ele. Clique aqui e confira a matéria completa no site da Agência Brasil.

UM ALÍVIO PARA OS PACIENTES RENAIS DE ILHÉUS

hemodialiseUm problema a menos para os pacientes com problemas nos rins de Ilhéus. Segundo nota enviada à imprensa, a secretaria de saúde autorizou o embolso dos procedimentos realizados pelo CAR (Centro de Assistência Renal) em janeiro. A unidade ameaçava fechar por falta de repasses do ministério da saúde.
Em nota, a secretaria afirma que antecipou o repasse para o CAR, já que havia atrasos nos pagamentos de janeiro, fevereiro e março, porque os procedimentos ainda não foram reconhecidos pelo Ministério da Saúde, devido a erros no preenchimento das faturas.
Os erros fizeram com que a relação dos atendimentos realizados nos três primeiros meses desse ano fosse encaminhada para o DATASUS e retornasse, indeferindo os pagamentos.
Na semana passada, o Blog do Gusmão publicou que o CAR poderia fechar devido ao não repasse dessas verbas. Nos últimos meses, conta o blog, o centro se mantinha à base de empréstimos bancários para atender os pacientes com problemas nos rins.

dom eduardo

arquiteto











WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia