WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
shopping jequitiba prefeitura ilheus secom bahia solidaria Neste site
junho 2020
D S T Q Q S S
« maio    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

:: ‘Sul da Bahia’

BARRO PRETO: GUARDA MUNICIPAL QUE ATUAVA EM BARREIRA SANITÁRIA É BALEADO POR DUPLA ARMADA

Guarda municipal é baleado após dupla armada disparar contra a barreira sanitária.

Um guarda municipal de 58 anos, que trabalhava em uma barreira sanitária contra a Covid-19, em Barro Preto, na região sul da Bahia, foi baleado após homens armados dispararem contra a estrutura, na noite de quarta-feira (3). A informação foi confirmada pela prefeitura da cidade.

O caso ocorreu por volta das 20h30. Dois homens armados chegaram a pé e dispararam contra a barreira sanitária. Não há informações sobre motivação e nem identidades dos suspeitos. Ninguém foi preso.

:: LEIA MAIS »

‘BERÇO’ DO CORONAVÍRUS NO SUL DA BAHIA, TXAI RESORT PLANEJA REABERTURA EM JULHO

Resort TXAI deve retomar atividades em julho.

O Txai Resort, considerado o ponto de origem do coronavírus no Sul da Bahia, já projeta reabrir suas portas em julho. O empreendimento de luxo fica localizado em Itacaré. O local está fechado desde março.

O resort serviu de palco em março para o casamento de Marcelo Bezerra de Menezes e Marcella Minelli, que é irmã da blogueira fitness Gabriela Pugliesi. Famosos que estavam no local e a própria Gabriela foram infectados pela Covid-19. O vírus se espalhou para diversos convidados do enlace matrimonial, bem como para moradores da região.

:: LEIA MAIS »

PREFEITURA DE BARRO PRETO DECRETA TOQUE DE RECOLHER PARA PREVINIR COVID-19

Prefeitura de Barro Preto decretou toque de recolher

A prefeitura de Barro Preto, a 70km de Ilhéus, decretou toque de recolher, das 19h às 5h, como medida de enfrentamento à Covid-19. A informação foi divulgada no Diário Oficial do Município (DOM).

O decreto começa a valer nesta quarta-feira (3) e vai até o dia 15 de junho. O objetivo é fazer com que as pessoas fiquem em casa e evitem aglomerações nas ruas. :: LEIA MAIS »

COM 30 LEITOS, HOSPITAL AMEC SERÁ INAUGURADO NA PRÓXIMA QUINTA-FEIRA (4) PARA ATENDIMENTO DE COVID-19 EM CAMACÃ

Hospital AMEC será aberto nesta quinta-feira (4)

Para reforçar o combate à pandemia de covid-19 na região sul da Bahia, o Hospital Amec, localizado no município de Camacã, será reaberto na próxima quinta-feira (4). Com estrutura para 30 leitos, a unidade será exclusiva para atendimento a pacientes com quadro suspeito ou infectada pelo novo coronavírus (Covid-19), atendendo o território do Consórcio Intermunicipal da Mata Atlântica (Cima), que abrange os municípios de Arataca, Camacã, Canavieiras, Jussari, Itaju do Colônia, Mascote, Pau Brasil, Santa Luzia, São José da Vitória e Una.

O Amec estava fechado há oito anos e foi 100% recuperado num período de 45 dias para receber os pacientes que precisam de atendimento de média e alta complexidade. “É uma unidade que vai dar uma assistência muito importante para os municípios do território do Cima, funcionando como pronto atendimento para pacientes com suspeita de covid-19 em toda a região. Possui uma estrutura com laboratório, raio-x, eletrocardiograma, câmara de desinfecção, dois ventiladores pulmonares e dois monitores multiparamétricos”, afirma o secretário da Saúde do Estado (Sesab), Fábio Vilas Boas. :: LEIA MAIS »

CINCO DOS DEZ MUNICÍPIOS MAIS VULNERÁVEIS À COVID-19 NO BRASIL SÃO BAIANOS, DIZ ESTUDO

Ubaitaba é uma das cidades vulneráveis citada em estudo.

A Bahia tem cinco dos 10 municípios mais vulneráveis à Covid-19 no Brasil, segundo estudo do Instituto Votorantim. Wanderley, Ibirataia, Sítio do Quinto, Jussiape e Ubaitaba integram o “top 10” da lista que avalia 5.570 cidades brasileiras.

O estudo utilizou como critérios para a avaliação questões socioeconômicas, tamanho da população idosa, taxa de urbanização, estrutura e organização do sistema de saúde, capacidade fiscal da administração municipal, entre outros. :: LEIA MAIS »

MARINHA EMITE ALERTA DE MAU TEMPO COM VENTOS FORTES E ONDAS DE ATÉ 5 METROS NA BAHIA

Divulgação

A Marinha do Brasil, por meio do Centro de Hidrografia da Marinha (CHM), emitiu um alerta de mau tempo, com ventos fortes que devem provocar agitação marítima na Bahia.

De acordo com a Marinha, ocorre no litoral a passagem de um sistema frontal e a circulação de ventos pós-frontal, que poderão provocar agitação em alto-mar com ondas entre 3 e 5 metros ao sul de Caravelas, no sul da Bahia, da última quarta (27) até sexta-feira (29).

:: LEIA MAIS »

URUÇUCA TEM A MAIOR TAXA DE MORTALIDADE POR COVID19 NA BAHIA

FOTO: Facebook

As medidas de contenção do contágio pela Covid-19 em Uruçuca, no sul da Bahia, não têm sido suficientes para conter o aumento dos casos da doença. O município tem a maior taxa de mortalidade pelo coronavírus no estado, com quase 11%, praticamente o triplo do índice médio da Bahia, que tem 3,5%.

Na manhã desta terça-feira (26), na praça Gilberto Moura, no centro da cidade, havia pessoas reunidas, conversando, ignorando as medidas de isolamento social em meio à pandemia.

O município é o que tem a maior incidência de casos da Covid-19 no estado: 4.500 casos a cada um milhão de habitantes.

“Creio que essas mortes se deram por pessoas já com comorbidades, pessoas hipertensas, diabéticas, que tinham algum outro problema de saúde e, também, pessoas que esconderam o problema, falaram tarde. Elas tiveram sintomas há dois, três, quatro dias, e só procuraram [unidades de saúde] quando sentiram sinal mesmo”, disse a secretaria municipal de saúde, Patrícia Argolo.

Para tentar combater o avanço da doença, a prefeitura mantém uma barreira sanitária na entrada da cidade. Além disso, um centro de atendimento para casos leves da Covid-19 foi montado no centro. Os pacientes mais graves são encaminhados para o Hospital Costa do Cacau, em Ilhéus.

Para reduzir a circulação de pessoas, o comércio de Uruçuca foi fechado, e só estão funcionando estabelecimentos de serviços essenciais. Um decreto também determinou toque de recolher no município, que proíbe a circulação de pessoas e veículos das 20h às 5h.

Nesta terça, o comitê de crise de Uruçuca se reuniu para definir novas estratégias de combate ao coronavírus. A secretária de saúde disse que a principal ferramenta para reduzir a taxa de mortes pela Covid-19 no município é o isolamento social.(G1)

CASAL MORRE APÓS BARCO NAUFRAGAR NA BAÍA DE CAMAMU

Todos os tripulantes estavam sem coletes

Um casal morreu após o barco onde estava naufragar na Baía de Camamu, que fica na região no sul da Bahia. Uma sobrinha do casal, de 17 anos, conseguiu se salvar, segundo informações da delegacia da Capitania dos Portos, em Ilhéus, nesta segunda-feira (18).

As vítimas foram identificadas como Luciene Conceição Arandiba, 47 anos, e Renildo Costa da Silva, de 52. Informações de familiares apontam que eles eram esposa e marido.

:: LEIA MAIS »

IDOSA DE 71 ANOS QUE MORREU POR COVID-19 EM MARAÚ DEU ENTRADA EM HOSPITAL COM SUSPEITA DE DENGUE

Valdis Pereira da Silva tinha 71 anos e histórico de comorbidades.

Na última quinta-feira (30), a prefeitura de Maraú, no sul da Bahia, confirmou a primeira morte por coronavírus no município. Valdis Pereira da Silva tinha 71 anos e histórico de comorbidades. Segundo a prefeitura da cidade, ela deu entrada no Hospital Regional da Costa do Cacau, em Ilhéus, com suspeita de dengue, e, ao receber alta e voltar para Maraú, apresentou sintomas característicos de coronavírus.

Valdis teve piora no quadro clínico e retornou para o Hospital Regional na última terça-feira (28). Na quarta-feira (29), ela teve o diagnóstico positivo para Covid-19 e, no dia seguinte, veio a óbito. De acordo com a Secretaria de Saúde de Maraú, a idosa tinha hipertensão e epilepsia. :: LEIA MAIS »

FORÇAS ARMADAS AJUDARÃO NO COMBATE AO COVID-19 NO SUL DA BAHIA A PARTIR DA PRÓXIMA SEMANA

Forças armadas atuarão no combate ao coronavírus no Sul da Bahia.

O combate ao coronavírus no sul da Bahia deve ganhar um reforço a partir da próxima semana. De acordo com o secretário de saúde do estado, Fábio Villas Boas, o Exército, a Marinha e Aeronáutica serão deslocadas para Ilhéus e Itabuna, dois dos principais focos da Covid-19 na Bahia. Segundo o secretário, o ato não é uma repressão, mas sim, uma “campanha educativa”.  

 O secretário, conforme publicado pelo G1 Bahia, já se reuniu com o comando militar para organizar a intervenção nas duas cidades. As forças armadas deverão distribuir panfletos, rodar com os carros ajudando as pessoas a “se conscientizar de que elas precisam permanecer em casa”.  :: LEIA MAIS »



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia