WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
ilheus brindes
maio 2019
D S T Q Q S S
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: ‘Política’

VAMOS DEIXAR O “CHORORÔ” DE LADO

É hora de trabalhar, Jabes.

É hora de trabalhar, Jabes.

O prefeito Jabes Ribeiro precisa deixar o chororô de lado e virar as atenções para o que pode ser feito e não mais o que foi mal feito pela administração anterior. Agora é sua vez, Jabes. Sentou na cadeira, se vira.
O gestor não perde uma chance de destacar os problemas encontrados, mas hesita em falar do que vem sendo feito. Ontem (quarta, 24), em solenidade com a presença do governador Wagner, disparou: “Estamos há um mês sem fazer nada e com déficit de R$ 1,6 milhão”.
Com quase quatro meses no poder, a comunidade não atura mais desculpas para o pouco feito nos últimos dias. A coleta de lixo é obrigação. Os postos de saúde e escolas fechadas é irresponsabilidade.
Em Itabuna, Vane, com sua inexperiência administrativa, inaugurou três postos de saúde na semana passada. Jabes foi à solenidade e parece não ter aprendido.
Com uma equipe de destaque, a coisa não anda.
Qualquer cidadão sabe do caos deixado pela irresponsável gestão de Newton Lima, mas também quer saber o que pode ser feito.
O ilheense não atura mais desculpas. Desculpas eram aceitas nas primeiras semanas de governo. Quatro meses depois, esperava-se mais de um prefeito que ocupa o cargo pela quarta vez.
Jabes deixa muito a desejar.

PARA OTTO ALENCAR, “ANTECIPAR A SUCESSÃO É UMA GRANDE BURRICE”

Otto Alencar. Foto: Andrei Sansil/ Ilhéus 24h.

Otto Alencar. Foto: Andrei Sansil/ Ilhéus 24h.

O vice-governador Otto Alencar (PSD) faz o estilo mineirinho, sem alardes quanto à próxima eleição e afirmando que vai apoiar quem Wagner indicar.
Titular da secretaria de infraestrutura do estado, Otto comanda obras por toda a Bahia e, entre os prováveis candidatos a governador, é o que mais circula, inclusive viajando ao lado do próprio comandante.
O prestígio que tem junto ao Galego, no entanto, caminha lado a lado a modéstia de Otto em se intitular candidato a governadoria ou ao senado.
Perguntado pelo ILHÉUS 24H sobre o assunto nesta quarta-feira (24) quando esteve em Ilhéus, o secretário desconversou, afirmando que “vai depender do grupo”. “Não trabalho para ser governador nem senador”, disse.
Otto destacou a existência de outros nomes, como de Rui Costa e Marcelo Nilo, mas afirmou que seria “burrice” colocar o bloco na rua agora.

A INDIFERENÇA DE VANE

Quando ficar pronto, em 2015, o gasoduto Ilhéus-Itabuna significará mais um elo entre as duas cidades irmãs, que possuem muito mais semelhanças que divergências.
No lançamento da licitação para a obra, nesta quarta-feira (24), em Ilhéus, notou-se a gritante ausência do prefeito de Itabuna, Vane dos Renascer (PRB). Nem o vice, Wenceslau Júnior, que costuma tapar os buracos do chefe, apareceu.
Vane já é bastante criticado pela ausência em festas populares da cidade, agora parece deixar a “diplomacia” de lado.
Na última semana, Jabes Ribeiro foi à cidade vizinha acompanhar a inauguração de postos de saúde. 

“MUI AMIGO” DA DEPUTADA

angela_souza01As pessoas quando são atingidas por situações e sentimentos que as fragilizam, costumam amolecer o coração.
Abatidas, acabam  arrependendo-se dos erros passados, brigas, etc.
Talvez seja justamente isso que venha acometendo o ilustríssimo prefeito Jabes Ribeiro.
Atormentado com dezenas de processos, que, inclusive, podem lhe custar os direitos políticos, além do desespero em administrar uma prefeitura falida por ele mesmo, o prefeito está aparentemente com o coração amolecido.
Prova disso é que hoje, durante solenidade que lançou o edital para a construção do gasoduto Ilhéus-Itabuna, ele surpreendeu a todos e, discursando, se referiu à deputada estadual Ângela Sousa, sentada ao seu lado, como “minha amiga”.
Bem, para um cidadão que já se referiu à parlamentar como “representação do mal”, foi de se estranhar tal benevolência com a sua, até então, inimiga política.
Depois dessa demonstração “sincera” de amizade, os mais próximos da deputada já podem até adaptar um velho jargão evangélico ao se dirigirem a ela: 
– Ângela, Jabes te ama. Deus tem um plano em sua vida.
Amém?

PEC QUE LIMITA PODER DE INVESTIGAÇÃO DO MP DEVE SER VOTADA EM JUNHO

AGÊNCIA BRASIL
O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), informou hoje (24) que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 37 deverá ser votada ainda neste semestre. A PEC limita o poder de investigação do Ministério Público, conferindo essa prerrogativa apenas às polícias Civil e Federal.
“Quero pautar [a PEC] no mês de junho. Estou conversando com ambos os segmentos e condenando qualquer tipo de radicalismo, de emocionalismo. Essa matéria convoca todos nós para construir um consenso. Um acordo entre as partes para que se respeite o texto constitucional e se atenda ao clamor da sociedade, que é o eficaz combate à corrupção, valorizando a ética e a fiscalização”, disse Henrique Alves.
A proposta é polêmica e coloca em lados opostos o Ministério Público e as polícias Civil e Federal. Representantes do Ministério Público Federal têm criticado a PEC e se mobilizado para evitar sua aprovação. A PEC teve a admissibilidade aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara e será analisada por uma comissão especial.
:: LEIA MAIS »

“OBRAS DA PONTE COMEÇAM EM UM MÊS”, AFIRMA OTTO ALENCAR

Otto em Ilhéus. Foto: Andrei Sansil/Ilhéus 24h.

Otto em Ilhéus. Foto: Andrei Sansil/Ilhéus 24h.

Em conversa com o ILHÉUS 24H na manhã desta quarta-feira (24), o vice-governador do Estado, Otto Alencar, afirmou que as obras da nova ponte que ligará o centro de Ilhéus à zona sul devem começar já em maio.
Segundo Otto, que é também secretário de infraestrutura do Estado, com o resultado da licitação para escolher a empresa feita ontem (terça, 23) (veja aqui), o trabalho deve ser acelerado.
O vice e Jaques Wagner estão em Ilhéus para o evento de lançamento da licitação do gasoduto Ilhéus-Itabuna.
Otimista, Otto afirmou que o governador Jaques Wagner estará de volta a Ilhéus em um mês para autorizar a obra. Até lá, desapropriações de áreas e outras medidas serão tomadas.

CÂMARA CRIA COMISSÃO PARA DISCUTIR PUNIÇÃO A JOVENS INFRATORES

FOLHA
A Câmara dos Deputados decidiu criar uma comissão especial para estudar mudanças no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), entre elas o projeto apresentado na semana passada pelo governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) que propõe endurecer a punição de jovens infratores.
O grupo terá 60 dias para concluir os trabalhos. Segundo o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), como o de Alckmin, existem pelo menos 12 projetos que tratam da punição de menores.
“Tem 12 projetos de parlamentares na mesma direção [ao do governador]. Pelo regimento, precisam ser apensados [tramitação conjunta]. Então, vamos criar uma comissão especial para discutir o assunto”, afirmou.
O relator da comissão será o líder do PSDB, Carlos Sampaio (SP), e o presidente será o deputado Vieira da Cunha (PDT-RS).
A comissão não deve tratar da maioridade penal, que enfrenta resistência do governo e só pode ser realizada a partir de uma PEC (Proposta de Emenda Constitucional).
:: LEIA MAIS »

DR. HOLLYWOOD SE FILIA AO PSC

doutor
O médico Roberto Miguel Rey, mais conhecido como o metrossexual Dr. Hollywood, decidiu se filiar ao PSC, partido do deputado Marco Feliciano (SP).
Ele assinou a ficha de filiação na última sexta (19). Famoso por suas cirurgias plásticas em estrelas e apresentador de TV, Rey garante que decidiu pelo PSC por ser uma legenda que carrega a bandeira da religião evangélica.
“Procurei esse partido porque, aqui, nós não temos vergonha da palavra de Deus. Entendo que o mundo está entrando no caos porque as pessoas não querem mais ouvir a palavra de Deus”, afirmou. Dr. Rey tentará se eleger para uma das vagas na Câmara dos Deputados em 2014.

LOUCO AO PÚLPITO


ppppTem um vereador da base de sustentação do jabismo que, quando resolve subir ao púlpito e tecer algumas considerações, causa arrepios. Não dos seus opositores, mas dos seus próprios aliados.
Empolgado e aparentemente sem muita noção do que está fazendo, ao criticar a antiga gestão do Paranaguá, apontada pelos jabistas como mãe de todas as mazelas atuais do município, acaba atirando no próprio pé. Ou seja, entre críticas desconexas, acaba sobrando para o seu cacique político, o prefeito Jabes Ribeiro.
Recentemente a coisa se inverteu. Tentou pedir paciência aos ilheenses, pela demora dos resultados positivos da atual gestão, se perdeu no discurso completamente e a mesa foi obrigada a pedir que cortassem o seu microfone.
Nos bastidores político ele já vem sendo chamado de insano edil.

MDS ENCONTRA IRREGULARIDADES NO USO DE R$ 6 MILHÕES EM ILHÉUS

Não vai demorar muito para que os processos enfrentados pelo ex-prefeito Newton Lima deem um salto quantitativo. Segundo a promotora pública Karina Cherubini, já são 173, mas com forte tendência a aumentar.
Se depender das mazelas que vão aparecendo aos poucos, o número de ações crescerá rapidamente.
Nesta segunda-feira (22), o Ministério do Desenvolvimento Social pediu à prefeitura de Ilhéus que apure a aplicação de R$ 6,9 milhões entre 2009 a 2011 pela secretaria de desenvolvimento social do município.
Neste período, a secretaria foi comandada por Augusto Macedo (exonerado sob suspeita de desvio de verbas), Emerson Silva e Ari Santos.
De acordo com a assessoria da prefeitura, a Procuradoria Geral do Município investiga o caso. Conforme ofício enviado pelo ministério ao prefeito Jabes Ribeiro, a prestação teve parecer desfavorável do Conselho Municipal de Assistência Social, órgão da pasta federal.
Cabe à atual gestão comprovar as despesas feitas com os recursos federais ou devolver os valores corrigidos.
Se nenhuma das ações for feita, o nome do atual prefeito será incluído no Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados do Setor Público Federal (Cadin) e na conta “Diversos Responsáveis” do Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (Siafi).
A inclusão deixará a prefeitura impossibilitada de receber recursos diretos dos governos federal e estadual.
O procurador do Município, Marco Aurélio, afirmou que, após a apuração preliminar, a prefeitura entrará com ação na Justiça Federal contra os responsáveis pelas supostas irregularidades e, se comprovados os erros, pedirá ao ministério que penalize os antigos gestores.

dom eduardo

arquiteto











WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia