WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
ilheus brindes
julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

:: ‘Polícia’

MARGINAIS PLANEJAM AÇÕES CONTRA O REÚNE ILHÉUS, AFIRMA SITE

Segundo informações do site Chico Andrade, o movimento Reúne Ilhéus corre sérios riscos de ser alvo da ação de algumas pessoas má intencionadas, que estão sorrateiramente se aproximando do acampamento, em frente à sede da prefeitura de Ilhéus.
Comenta-se que tais “infiltrados”, estejam seguindo ordens de pessoas que se sentem incomodadas com as reivindicações dos manifestantes, e que planejam até mesmo atear fogo nas barracas.
Policiais simpáticos ao movimento já investigam a situação.
Um dos apontados pelos membros do movimento, como uma das pessoas possivelmente má intencionadas, é um cidadão de Ilhéus, apadrinhado de alguns conhecidos políticos locais, famoso por fustigar intrigas e participar de brigas, e que no ano passado foi acusado de pedofilia.
Todo cuidado é pouco nessa hora!

MORENO DO CAPRICHO É PRESO EM ILHÉUS

Moreno na delegacia.

Moreno na delegacia.

O cantor de arrocha Uedson Xavier de Souza, mais conhecido como Moreno do Caprixo, foi preso por policiais militares na noite de ontem, na zona norte de Ilhéus, quando tentava, segundo o repórter Ednei Bomfim, comprar uma arma numa boca de fumo.
Na delegacia, Moreno não disse pra quê seria a arma. Ainda de acordo com o repórter, Moreno teria ligações com o tráfico e seria usuário de drogas.

PM DESARTICULA QUADRILHA SUSPEITA DE ARROMBAR FÁBRICAS NO POLO DE ILHÉUS

Parte do material apreendido.

Parte do material apreendido.

Após nove arrombamentos à mesma fábrica de tecidos só este ano, a polícia militar realizou buscas na região do Iguape, em Ilhéus, na tarde de ontem (terça, 06).
Homens da 70ª Companhia Independente prenderam dez pessoas suspeitas de tráfico de drogas e de comandarem os saques no polo de confecções do distrito industrial.
Com o grupo, foram encontradas drogas, material para embalar os entorpecentes, dinheiro e produtos levados das fábricas.
Foram encaminhados para a delegacia George Araújo Santos, Conceição Linda Avelino, Isaac dos Santos Silva, Thiago Oliveira dos Santos, José Fábio Araújo Santos, Luciano Nascimento dos Santos, Rafael Rocha de Carvalho, Leandro Nascimento dos Santos, Aline Linda da Silva, além de uma menor.
A polícia conta com um canal de contato com a população pelo email [email protected] O sigilo é garantido.

MÃE É PRESA ACUSADA DE DAR CERVEJA PARA BEBÊ

cervejaUma mãe de 29 anos foi detida domingo (4) acusada de dar cerveja ao bebê, de aproximadamente seis meses, em um bar de São José do Rio Preto (438 km de São Paulo). A bebida estava em uma mamadeira, misturada ao leite.
Segundo boletim de ocorrência, Silméia Teodoro derramou o líquido que estava no recipiente ao perceber a aproximação do carro da Polícia Militar, que se deslocou ao bar, localizado no bairro Santo Antônio, por meio de uma denúncia anônima.
A mulher nega a acusação e, segundo o boletim de ocorrência, estaria com aparência de embriaguez e com “odor etílico forte” quando foi abordada, por volta das 10h30.
O bebê foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para se submeter a exame de dosagem alcoólica. Se ficar comprovada a ingestão de cerveja, a mãe pode responder por lesão corporal e pela acusação de “entregar produto cujos componentes podem causar dependência”.
A criança está sob os cuidados do pai e de uma tia, e o caso está sendo acompanhado pelo Conselho Tutelar.
PREJUÍZOS À SAÚDE – A ingestão de álcool na infância prejudica o desenvolvimento da criança e pode torná-la hiperativa e com dificuldades na aprendizagem, segundo Larissa Esper, 27, enfermeira do Programa de Ações Integradas para Prevenção e Atenção ao Uso de Álcool e Drogas na Comunidade (PAI-PAD), da Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo) de Ribeirão Preto (313 km de São Paulo).
Segundo ela, o organismo dos bebês não é capaz de metabolizar a substância, considerada tóxica.
Se o consumo ocorrer durante a gestação da mãe, os bebês podem nascer menores e com malformações cardíacas e ósseas, entre outros problemas, segundo a enfermeira.

PM POSSIVELMENTE ALVEJADO PELA ESPOSA PODE FICAR PARALÍTICO

pm baleado
Baleado na última sexta-feira (04), em Itabuna (leia aqui), pela própria esposa, o policial militar Eurico Júnior, que trabalha em Itapetinga, corre sérios riscos de ficar paralítico.
Segundo informações do site Radar Notícias, o PM está internado, mas, apesar de consciente, não consegue movimentar os membros inferiores. Ele foi atingido nas costas pelo disparo.
A polícia ainda não sabe informar com precisão sobre detalhes do ocorrido, porém, de acordo com o site, o policial teria sido atingido acidentalmente durante uma discussão com sua companheira.

FÁBRICA DE TECIDOS É ARROMBADA MAIS DUAS VEZES NO FIM DE SEMANA

Mesmo com registro em delegacia e pedido para reforçar a segurança no distrito industrial de Ilhéus, a mesma fábrica de tecido, que já havia sido arrombada sete vezes até o último sábado (03), sofreu mais dois roubos entre a madrugada de domingo e desta segunda (05).
Os donos já evitam estimar prejuízos e procurar a polícia, já que nenhuma providência é tomada.

PM É BALEADO EM ITABUNA

PLANTÃO ITABUNA
PM foi socorrido pelo Samu.

PM foi socorrido pelo Samu.

Um policial militar identificado pelo prenome “Eurico” foi baleado nesta noite de domingo (4) no bairro Santa Inês, em Itabuna.
Segundo as informações preliminares, a vítima foi alvejada por uma mulher, provavelmente durante uma discussão familiar.
Conforme fontes do Plantão Itabuna, o policial chegou com a pressão arterial baixa e sem movimentar os membros inferiores, preocupando os médicos de plantão. Conforme apuramos, o tiro acertou às costas, atingindo a coluna vertebral, por esse motivo um neurologista deve avaliar o rapaz para informar a gravidade do ferimento.

COM USO DE FILMADORAS NO UNIFORME, CASOS DE ABUSO POLICIAL CAEM 65% EM CIDADE DOS EUA

Brookfield Shooting
Policiais da cidade de Rialto, na Califórnia, passaram por uma experiência de monitoramento de suas atividades durante 2012 e 2013. A tecnologia que grava em vídeo as ações policiais teve impacto nos casos de abuso policial na região. Segundo dados oficiais, o número de denúncias de atos violentos dos policiais caiu em 65% – quase dois terços da média nos últimos anos.
Além disso, o estudo revelou que o uso da força é praticamente o dobro entre os policiais que não usam câmera no uniforme. De acordo com informações do The New York Times, a pesquisa feita na cidade concluiu que a maioria dos casos de utilização de repressão e força policial é “desnecessária”.
A iniciativa partiu de William A. Farrar, o chefe da polícia em Rialto, após investigação sobre a relação entre policiais e a população. No entanto, o plano de Farrar encontrou resistência frente aos policiais, que “questionaram quais os reiais motivos da utilização do sistema Big Brother”, revela o chefe da polícia.
Em parceria com a Universidade de Cambrigde, a polícia de Rialto começou o experimento em fevereiro de 2012. No período de um ano, com apenas metade do efetivo policial – em sistema de rodízio – utilizando o sistema de monitoramento, foi notada uma queda de 88% do número de reclamações dos cidadãos contra os policiais.
A utilização das câmeras, no entanto, causou polêmica no debate sobre privacidade e da atuação da polícia. Defensores dos policiais argumentam que, uma vez que a população sabe que os policiais estão sendo vigiados, podem usar isso contra os oficiais, os deixando em uma situação de perigo. Por outro lado,defensores dos direitos civis afirmam que a lei inibe o uso arbitrário da força.
“Não gostamos que a polícia instale vídeos em toda a cidade para nos monitorar. Não acreditamos que o governo deve fazer vigilância em massa. No entanto, com a polícia é diferente, pois é a população observando as ações do governo. E isso sim é importante para a democracia”, afirma, Jan Stanley, especialista em direitos civis.

TRAFICANTE PRESO NA SOARES LOPES

traficante
Enquanto no Uruguai, portar, plantar, vender e comercializar maconha, caminha a passos largos para não ser mais crime, no Brasil a coisa continua à moda antiga.
Para felicidade dos grandes traficantes (seguramente distante das favelas) e pleno azar de quem se aventura a vender a erva no varejo.
E com isso, foi preso na avenida Soares Lopes, Matheus Souza Idelfonso, acusado de traficar maconha no local.
Com ele foram encontradas oito trouxinhas, prontas para a comercialização.
As informações são do site Rapazói.

MATOU PORQUE FOI CHAMADO DE VIADO

Bruno de Jesus, autor do crime.

Bruno de Jesus, autor do crime.

Brincadeira tem hora. Pelo menos é isso o que nos afirma um antigo dito popular.
Mas, pelo visto, em Itajuípe, um assassinato por motivo notadamente banal, comprovou que aquela não era a melhor hora de brincadeiras.
Na tarde de ontem (31), segundo o site “O Vermelhinho”, a polícia prendeu em Itajuípe o homem que matou Cleidinaldo Santos Mendes (32), conhecido como Babú, assassinado na porta de casa na semana passada.
O criminoso, Bruno de Jesus Costa (19), afirmou que matou Babú porque ele teria lhe chamado de “viadinho”.
Hora definitivamente errada para tal brincadeira.


wedding dresses
dom eduardo

arquiteto













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia