WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
faculdade de ilheus
ilheus brindes
abril 2019
D S T Q Q S S
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

:: ‘Polícia’

ILHEENSES MORREM EM ACIDENTE NA BA-262

Acidente vitimou os dois rapazes. Foto: Oziel Aragão.

Acidente vitimou os dois rapazes. Foto: Oziel Aragão.

Dois ilheenses morreram após colisão entre dois veículos na BA-262, na altura da cidade de Firmino Alves.
Júnior da Hora, empresário, e Moisés Trindade, funcionário público, eram moradores da comunidade do Salobrinho.
Segundo o site Plantão Itabuna, a colisão ocorreu no início da tarde deste domingo (28). Os rapazes estavam num Honda City preto e morreram no local. Uma jovem de 20 também estava no veículo e foi levada ao Hospital de Base de Itabuna.
Júnior (esquerda estava dirigindo o veículo) e Moisés. Foto do facebook.

Júnior (esquerda, estava dirigindo o veículo) e Moisés. Foto do facebook.

Quatro pessoas que estavam no outro carro da mesma marca estão feridas. A alta velocidade pode ter sido a causa do acidente.
Agentes do Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Itabuna já foram acionados para remover os corpos. 

ESCAPOU DOS RIVAIS E FOI PRESO PELA POLÍCIA

Fabrício. Foto: Vermelhinho.

Fabrício. Foto: Vermelhinho.

Numa ronda de rotina no Alto da Esperança na noite de ontem (quinta, 25), policiais do Pelotão Especial de Ilhéus prenderam Fabrício Cerqueira da Assunção, acusado de tráfico de drogas na região e de ter assassinado o rival conhecido como Marcos Orelha.
Durante a ronda, Fabrício apresentava um ferimento à bala na perna, o que chamou a atenção dos policiais, que efetuaram a prisão. Segundo os PMs, o acusado  estava fugindo de uma troca tiros com rivais do tráfico.

ACUSADO DE VINTE ASSALTOS, “NEGO LAN” É PRESO EM ILHÉUS

Nego Lan rodou depois dos vinte assaltos. Foto: Vermelhinho.

Nego Lan rodou depois dos vinte assaltos. Foto: Vermelhinho.

A Polícia Militar prendeu na tarde de ontem (quarta, 24) Aslan Conceição, acusado de praticar mais de vinte assaltos a lojas no centro de Ilhéus.
O rapaz foi preso depois de assaltar a loja Havaianas Point, usando uma faca para intimidar os funcionários.
Nego Lan, como é conhecido, está detido na delegacia.

PM APREENDE 78 QUILOS DE MACONHA EM ILHÉUS

Homens da Polícia Militar de Ilhéus tiraram de circulação 78 quilos de maconha na madrugada desta terça-feira (23). A droga e mais R$ 8.900,00 em espécie estavam numa casa no bairro Banco da Vitória, em Ilhéus.
A apreensão ocorreu após a PM interceptar uma ligação onde dois homens acertavam o transporte da droga.
Um dos envolvidos teria colocado a esposa para dirigir o veículo onde estava o material.
Na ação, foram presas duas mulheres e apreendida uma menor. São elas: Daniele Santos da Silva, de 30 anos e Ana Maria Menezes, de 22 anos.

ADOLESCENTE ASSASSINADO NO MALHADO

Foto: Vermelhinho.

Foto: Vermelhinho.

O tráfico de drogas segue fazendo vítimas em Ilhéus.
Na tarde de domingo (21), um adolescente de 14 anos, identificado pelo apelido de “Pato Rouco”, foi assassinado no bairro do Malhado.
Populares contam que ele estava de bicicleta quando foi surpreendido pelos disparos. O rapaz, que já tinha passagem pela polícia, foi alvejado no rosto.
Segundo familiares, o crime pode ter sido motivado por vingança. A vítima já sofria ameaças há algum tempo.

GRUPO RENDE POLICIAIS E EXPLODE BANCOS EM JAGUAQUARA

DO A TARDE
Agência ficou destruída. Foto: A Tarde.

Agência ficou destruída. Foto: A Tarde.

Um bando de homens armados e encapuzados explodiram com dinamite dois caixas eletrônicos do Banco do Brasil e um do Bradesco, por volta das 3h30 deste sábado, 20, em duas praças do centro da cidade de Jaguaquara, localizada a 320 km de Salvador, informa a polícia local. Ninguém ficou ferido. Não há informação sobre o valor da quantia roubada.

Conforme a Delegacia do município, o primeiro caixa eletrônico a explodir foi o do Bradesco, localizado na Praça dos Imigrantes. Em seguida, foi a vez do Banco do Brasil, na praça J.J. Seabra. As agência ficaram totalmente destruídas. Os bandidos estavam fortemente armados com fuzis e pistolas e, segundo a polícia, fizeram guarda na frente da delegacia para impedir a saída de policiais enquanto agiam.

“Eles colocaram correntes na porta dos batalhões e da delagacia. Foi tudo muito rápido. Não deu tempo para a polícia agir. Fomos impedidos devido ao grande número de bandidos”, explica a delegada titular do município, Maria do Socorro Damásio.
Ainda de acordo com a delegada, dois homens armados, provavelmente pertencentes da quadrilha, vigiaram a casa dela e do comandante da PM em Jaguaquara. “Havia um carro branco com película escura na frente da minha casa, ficaram ali por mais de cinco minutos. Assim que vi o carro, eu desisti de sair de casa”, relata.

PM APREENDE 10 QUILOS DE MACONHA EM ILHÉUS

John, Vanuzia e Antônio. Fotos: PM.

John, Vanuzia e Antônio. Fotos: PM.

Homens da 68ª Companhia de Independente da PM em Ilhéus apreenderam 10 quilos de maconha e meio quilo de cocaína num barraco no Alto da Gamboa. A batida da polícia ocorreu no fim da tarde desta quarta-feira (17).
A droga, que seria repassada para vários pontos de tráfico da cidade, estava com Antônio Roberto dos Santos (35 anos), Vanuzia Pólvora Pereira (35) e John Vitor Santos Souza, de 21 anos. 
Em Ilhéus, a PM disponibiliza o email denuncia68pm@hotmail.com para que denúncias sejam feitas. O anonimato é garantido.

JUSTIÇA MILITAR VAI JULGAR 84 PMS POR MOTIM E CONSPIRAÇÃO

Marco Prisco, líder do movimento grevista da PM no ano passado.

Marco Prisco, líder do movimento grevista da PM no ano passado.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que os crimes decorrentes da greve da Polícia Militar da Bahia são de competência da Justiça Federal.
Na decisão, proferida no dia 4 deste mês, o tribunal confirma também que e a Justiça Militar é a responsável por processar e julgar os crimes militares de motim, revolta e conspiração. O órgão acolheu parecer do Ministério Público Federal (MPF).
A decisão encerra o conflito de competência suscitado pela Auditoria Militar antes de receber a denúncia do Ministério Público Estadual. A ação envolve 84 policiais militares envolvidos na greve. 
O movimento da categoria ocorreu entre os dias 31 de janeiro e 10 de fevereiro de 2012 e travou todo o estado. A Auditoria Militar estadual declinou da competência para julgar a denúncia ao entender que os crimes militares ocorreram em paralelo aos crimes contra a segurança nacional, que afetariam um estado democrático de direito, atraindo, assim, a competência da Justiça Federal para todos os casos.
No entendimento do MPF, acolhido pela 17ª Vara Federal e agora pelo STJ, houve concurso entre delitos militares (motim, revolta e conspiração) e crimes contra a segurança nacional.
Com isso, a Justiça Estadual Militar deve processar e julgar o policial militar pela prática do crime militar e a Federal pela prática do crime comum.

QUATRO SÃO PRESOS APÓS ASSALTO EM ILHÉUS

Luiz Marcelo, Carlos Roberto e George Souza. Foto: Fábio Roberto.

Luiz Marcelo, Carlos Roberto e George Souza. Fotos: Fábio Roberto.

Homens da Polícia Militar prenderam no fim da tarde do domingo (14) quatro acusados de assaltar a padaria Pão de Ló, na Avenida Itabuna, centro de Ilhéus. Segundo o blog Defensor, foram presos  Luiz Marcelo Silva, Carlos Roberto da Silva Júnior (Juca), Wagner Souza Santos e George Souza Cruz (vulgo “Boneco de Olinda”).
De acordo com a PM, além de levar o dinheiro do estabelecimento, o bando roubou dois clientes. Um deles, o senhor Manoel Paulino, teve quase R$ 700,00 levados, além de celulares e uma máquina fotográfica.
Armas e material apreendido com o grupo.

Armas e material apreendido com o grupo.

A PM foi acionada logo após o roubo e perseguiu o grupo. Três dos rapazes foram presos no centro da cidade. O quarto homem trocou tiro com os policiais, conseguiu fugir, mas foi capturado no Alto da Conquista na noite de ontem.
Com o grupo, foram encontrados dois revolveres calibre 38 e todos os pertences levados durante a ação.

PM APREENDE EXPLOSIVOS EM ILHÉUS

Material apreendido. Foto: PM.

Material apreendido. Foto: PM.

Guiados por uma denúncia anônima, policiais militares da Cipe-Cacaueira encontraram duas bananas de dinamite, estopins e espoletas ilegais numa casa do bairro Nossa Senhora da Vitória, na zona sul de Ilhéus.
A apreensão ocorreu na tarde de sexta (12) e contou com a ajuda de homens da Unidade Operacional Especializada da PM.
Ninguém foi encontrado no imóvel onde estavam os artefatos. A polícia suspeita que os explosivos seriam usados em assaltos a bancos em cidades pequenas da região.

dom eduardo

arquiteto











WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia