WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Neste site
ilheus brindes
outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

:: ‘Brasil’

‘PREFERI SAIR A ROUBAR’, DIZ PREFEITO QUE RENUNCIOU

ESTADÃO
Márcio Faber (PV).

Márcio Faber (PV).

O salário cinco vezes menor que o de médico levou o prefeito Márcio Faber (PV), de Paranapanema, no sudoeste paulista, a renunciar ao cargo, nesta quarta-feira (31). Ele abriu mão de um salário bruto de R$ 5.850,00 por mês e voltou a se dedicar à ginecologia e obstetrícia, suas especializações médicas. “Eu tinha duas opções, ou voltava a trabalhar como médico e ganhava meu dinheiro honestamente, ou tirava isso da prefeitura. Preferi sair a roubar o cofre público”, disse.
Eleito em outubro de 2012 com 55% dos votos válidos, Faber ficou à frente da prefeitura apenas sete meses. Antes de ser prefeito, ele atendia os pacientes no Hospital Municipal de Paranapanema e em unidades de saúde da região, obtendo ganhos de R$ 30 mil mensais. Ao sair candidato, Faber sabia qual seria o salário como prefeito. “Achei que pudesse conciliar com a medicina, mas não deu. Como há uma indefinição jurídica, preferi renunciar a correr o risco de uma possível cassação.”
Casado, 35 anos, pai de duas filhas, Faber contou que sua situação financeira se complicou com a redução de salário e ele não estava conseguindo dar à família o mesmo padrão de vida. “O prefeito que quer ficar milionário na prefeitura, ele fica, mas não nasci para isso. Meu pai não me ensinou a ser assim, por isso preferi deixar o cargo”, disse. O agora ex-prefeito já conseguiu trabalho. Nesta quinta-feira (1), ele passou a atender em unidades de saúde na região de Itapetininga.
Na cidade, de 17.999 habitantes, sua decisão divide opiniões. “Ele não estava conseguindo cumprir as promessas de campanha e havia indícios de que continuava atuando como médico. Ele acabou saindo porque a Câmara começava a investigar”, disse o presidente do Legislativo, Leonardo de Araújo (PSDB). “Ele pegou a cidade destruída e estava ajeitando, é um político honesto”, defendeu o servidor municipal Flávio Dias.
Faber garantiu que seu governo ia bem e o único fator que pesou em sua decisão foi mesmo a questão salarial. “Deixo a prefeitura arrumada e em boas mãos, com pessoas honestas nos lugares certos.” Ele foi eleito em outubro de 2012 com 5.873 votos. Era a primeira vez que o médico concorria a um cargo público. Com a renúncia, o vice-prefeito Antonio Hiromiti Nakagawa (PV) assumiu a prefeitura. 

TRECHO DE MAIS DE 700 KM DA BR-101 SERÁ PRIVATIZADO

br
O governo federal anunciou ontem que irá privatizar o trecho da BR-101 que vai do Extremo Sul do estado, no entroncamento com a BA-698, ao entroncamento com a BR-324. O trecho de 772,3 quilômetros, que passará a ser pedagiado, deverá ser duplicado e requalificado pela empresa vencedora da licitação num investimento de R$ 3,58 bilhões. 
A decisão foi publicada no Diário da União de ontem e justifica a entrega à iniciativa privada à “necessidade de garantir investimentos” mediante a cobrança de “tarifas módicas para os usuários”. A concessão será pelo prazo de 30 anos, prorrogáveis pelo mesmo período. A escolha da empresa que administrará a via será através de leilão na Bolsa de Valores de São Paulo, em data a ser definida pelo Ministério dos Transportes.

O principal critério será o de menor tarifa. O projeto prevê nove praças de pedágio — um a cada 85 quilômetros —, e estipula prazo de um ano para requalificar a via e de cinco anos para a duplicação.

DILMA MUDARÁ LEI FISCAL PARA ESTADOS GASTAREM MAIS COM TRANSPORTE PÚBLICO

A presidente Dilma Rousseff (PT) decidiu retirar os projetos de mobilidade urbana do cálculo de endividamento de estados e municípios.
A medida será adotada pelo governo federal com o objetivo de espantar três fantasmas de uma só vez: desafogar as contas de governadores e prefeitos, ajudar na recuperação do crescimento econômico e aplacar o clamor das ruas, evidente com as manifestações de junho, por melhoria nos serviços de transportes públicos.
Para se ter uma ideia do impacto da proposta, se a medida entrasse em vigor hoje os prefeitos e governadores teriam uma capacidade de endividamento de mais R$ 35,3 bilhões para gastar só em projetos como metrôs, trens urbanos, corredores exclusivos de ônibus (BRTs), veículos leves sobre trilhos (VLTs) e ciclovias, sem comprometer as contas com a Lei de Responsabilidade Fiscal.
O número, segundo informação do Ministério das Cidades, é referente à contrapartida que estados e municípios devem aplicar no setor.

FUNCIONÁRIOS DE AEROPORTOS MANTÊM GREVE

Funcionários do aeroporto de Ilhéus também cruzaram os braços. Foto: Danilo Matos/Ilhéus 24h.

Funcionários do aeroporto de Ilhéus também cruzaram os braços. Foto: Danilo Matos/Ilhéus 24h.

Os funcionários da Infraero mantêm nesta quinta-feira (1º) a greve iniciada na quarta. De acordo com o Sindicato Nacional dos Aeroportuários (Sina), a paralisação atinge os 63 aeroportos administrados pela estatal. O Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, está na lista.
Segundo o G1, a Infraero informou que a paralisação não causa atrasos nos voos.
Nesta quarta (31), o presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro Carlos Alberto Reis de Paula, considerou que a greve pode continuar, mas impôs limites. Ele determinou que devem trabalhar 100% dos funcionários do tráfego aéreo, 70% dos empregados nas áreas de segurança e operações, além do percentual mínimo de 40% entre os demais empregados.
A paralisação, segundo o sindicato, é para protestar contra a proposta de acordo coletivo que a Infraero fez para a categoria. Segundo um dos diretores do Sina, Samuel Santos, a paralisação é por tempo indeterminado. “Se não houver proposta da Infraero, a greve continua.” O salário médio de um aeroportuário hoje, afirma, gira em torno de R$ 1.600.
Os grevistas pedem, entre outras coisas, aumento salarial de 16% e  ganho real nos benefícios como auxílio-creche, alimentação e combustível.

POLÍCIA INVESTIGA VENDA DE BEBÊS POR ATÉ R$ 50 MIL EM PÁGINA NO FACEBOOK

bebe (2)
O delegado Adenir Oliveira, do Departamento de Proteção da Criança e do Adolescente (DPCA), investiga um caso de suposta negociação de bebê realizada através do Facebook. Uma das páginas que estão no ar é “Quero doar – Quero adotar seu bebê Recife-PE”. 
O delegado afirmou que iria pedir ao responsável pelo Facebook no Brasil para retirar do ar a página sobre adoção e pediria cópia de todo material veiculado na internet. A denúncia foi feita ao Ministério Público pela mulher que iria receber o bebê para adoção. 

De acordo com o delegado, ela decidiu entrar em contato com a polícia quando percebeu que a negociação envolveria dinheiro. A mãe da criança pediu R$ 50 mil, alegando que o valor seria usado para pagar despesas hospitalares com UTI, pois o bebê nasceu prematuro de 6 meses e precisou de tratamento intensivo. Foi descoberto, porém, que a mulher tinha plano de saúde. 

Apesar do bebê ter morrido na última sexta-feira (26), Oliveira afirmou que o crime permanece. A mãe foi ouvida, mas não foi presa. A infração, segundo o artigo 238 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), pode levar a reclusão de um a quatro anos e multa.

JOAQUIM BARBOSA É QUESTIONADO POR COMPRA DE IMÓVEL EM MIAMI

jb (2)Um representante da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no Conselho Nacional do Ministério Público cobrou investigação sobre a compra de apartamento em Miami pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa.
O magistrado criou a Assas JB Corp., no estado da Flórida (EUA), para a aquisição do imóvel em 2012, o que lhe permitiu benefícios fiscais.
Seu imóvel, de 73 m², tem quarto, sala, cozinha e banheiro, com valor estimado no mercado entre R$ 546 mil e R$ 1 milhão.
Durante sessão do Conselho, nesta terça-feira (30), o conselheiro Almino Afonso disse que o fato de Barbosa ser proprietário da empresa está em desacordo com a Lei Orgânica da Magistratura (Loman).
Pela norma, um magistrado não pode ser diretor ou sócio-gerente de uma empresa, apenas cotista.
Afonso também defendeu que o Ministério Público apure o fato de o ministro ter fornecido o endereço do imóvel funcional onde mora em Brasília como a sede da empresa.
Decreto que rege a ocupação de móveis funcionais não permite o uso do bem para fim que não seja de moradia.

DEUS LHE PAGUE: PAPA DEIXA DOIS CHEQUES DE R$ 60 MIL PARA HOSPITAL E COMUNIDADE

papa2Não foram só sentimentos bons deixados pelo Santo Padre em sua passagem pelo Rio. Na visita à comunidade da Varginha, na quinta-feira, no Complexo de Manguinhos, o Papa Francisco doou um cheque de 20 mil euros (R$ 60 mil) para a paróquia São Jerônimo Emilliani. A notícia foi dada nesta segunda-feira pelo arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta. 
Além da favela da Zona Norte da cidade, Sua Santidade entregou um segundo cheque no mesmo valor para o Hospital São Francisco da Penitência, na Tijuca, visitado por ele, na quarta-feira passada. 
Segundo a instituição franciscana, o dinheiro será usado para montar uma sala de estabilização para atendimento de pacientes viciados em drogas. A unidade funcionará dentro do Polo de Atenção Integral à Saúde Mental, PAI – Papa Francisco, que será inaugurado até o final de agosto..
A unidade ocupará um prédio de quatro andares no complexo hospitalar e terá capacidade para atender 80 pacientes. Todos os leitos devem ficar prontos em dezembro. Na Varginha, a doação deverá ser usada em melhorias na favela, a serem decididas pelo pároco Márcio Queiroz, junto com os moradores da região.

TERMINAM HOJE INSCRIÇÕES PARA O 3º PRÊMIO DE FOTOGRAFIA DO CNPQ

Hoje (30) é o último dia de inscrição para o 3º Prêmio de Fotografia – Ciência e Arte,  do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). A premiação seleciona imagens referentes à produção e à criação técnica e científica brasileira. Os ganhadores receberão de R$ 2 mil a R$ 8 mil em dinheiro, além de uma viagem com tudo pago para a Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) de 2014, em Rio Branco, no Acre. A Universidade Federal do Acre (UFAC) deverá sediar o encontro entre os dias 20 e 27 de julho.
O prêmio é concedido nas categorias imagens de câmeras fotográficas e imagens de instrumentos especiais. Na segunda modalidade, as imagens podem ser captadas por microscópios, telescópios, raio X, ultrassom entre outros aparatos. Serão escolhidas as três melhores imagens que, além de originais, devem ser relevantes para o conhecimento científico.
Podem participar estudantes de graduação e pós-graduação, professores e pesquisadores brasileiros, além de estrangeiros com visto permanente. As inscrições podem ser feitas até as 18h desta terça-feira pela internet. Cada participante pode se inscrever em apenas uma categoria. O resultado será divulgado no dia 29 de novembro, no mesmo site. Após o concurso, o CNPq poderá, mediante autorização, usar as imagens para fins de divulgação científica.

REAJUSTE DA GASOLINA BRASILEIRA ESTÁ ENTRE OS MAIORES DO MUNDO

gasosaOs brasileiros reclamam do alto preço da gasolina e não é à toa. um cruzamento de dados feito com base nas estatísticas da Agência Nacional do Petróleo (ANP) e da Agência Internacional de Energia (AIE) mostra que, entre julho de 2012 e junho deste ano, enquanto o preço da gasolina aos consumidores ficou 0,4% mais barato na França, 1,8% mais em conta na Alemanha e 1,3% mais baixo na Itália, no Brasil, em média, houve avanço de 4%. A alta só perde para o Japão, que observou reajuste de 5,5%, seguido dos Estados Unidos (5,3%) e Canadá (4,1%). Mesmo diante dos preços altos, especialistas defendem a necessidade de novos aumentos para diminuir a defasagem ante o mercado internacional. Valorização do dólar e preços externos nas alturas alavancam a diferença entre os valores praticados no país e no mercado internacional, que pode levar a Petrobras a perder até R$ 15,6 bilhões somente este ano.
— Os aumentos são necessários, o Brasil estava há quase seis anos sem reajustar. A redução nas tarifas de energia (em janeiro) abriu espaço para aumentar o preço da gasolina (e do diesel), mas o mercado sabe que cedo ou tarde os preços terão que subir ainda mais. — defende Adriano Pires, diretor do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE).
Entre abril e junho deste ano, o valor médio do combustível no país, segundo a Bloomberg, estava em R$ 3,30, cerca de 4,88% do que um trabalhador no país recebe por dia (com base no salário mínimo). Os valores médios diferem dos apresentados pela ANP: de R$ 2,876 em abril e de R$ 2,848 em junho. Esta mesma pesquisa também coloca o Brasil em outra posição nada nobre: somente no segundo trimestre do ano, a gasolina teve reajuste de 15%, o maior percentual entre os 60 países analisados pela empresa.
Apesar de ter sido o avanço mais proeminente no mundo, em valores nominais (sem descontar a inflação), a gasolina brasileira é a 36ª mais cara do planeta, ainda de acordo com a Bloomberg. A lista é liderada por Turquia (R$ 5,30), Noruega (R$ 5,29), Países Baixos (R$ 4,75), Itália (R$ 4,73) e França (R$ 4,52). A mais barata do mundo é a vendida na Venezuela, ao custo de R$ 0,02. Neste quesito, entretanto, a pesquisa é liderada, de longe, pela Índia: os consumidores do país asiático precisam disponibilizar 30,7% do salário de um dia para adquirir um litro de gasolina.
— A percepção simples apenas olhando os dados externos é que temos uma gasolina cara, e é quando comparada ao poder de compra da população. Aumentar a produção, em um primeiro momento, nem é possível porque não temos capacidade instalada neste sentido, faltam refinarias — afirma Cláudio Pinho, advogado especializado em petróleo e gás e professor associado da Fundação Dom Cabral. — O governo se baseou na venda de carros para impulsionar a economia, agora quem sofre é a população porque a demanda por gasolina aumentou e não vejo solução fácil. 

ADVOGADO SE PASSAVA POR FILHO DE JOAQUIM BARBOSA PARA CONSEGUIR CLIENTES, DIZ REVISTA

A popularidade do ministro e presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, ascendeu após o seu papel no julgamento do Mensalão a ponto de chegarem a cogitar o seu nome para as eleições para a Presidência do Brasil no ano que vem – embora ele negue veementemente desejar tal cargo.
Justamente por isso, um advogado de Brasília vem tentado “pegar carona” na visibilidade positiva do ministro e tem conseguido angariar clientes para o seu escritório alegando ser o filho de Joaquim Barbosa. A denúncia foi feita ontem (27), na coluna de Lauro Jardim na revista Veja.
Lauro afirma que o próprio ministro já descobriu a farsa e solicitou ajuda da Polícia Federal para investigar o caso. O único filho de Barbosa, por sinal, mora no Rio de Janeiro e não é advogado.

dom eduardo

lm mudancas

arquiteto













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia