.

Uma cliente com aparente intenção de apenas efetuar uma compra, um descuido, a angústia, e o indesejado prejuízo, justamente em um período de dificuldades financeiras para muitos brasileiros. Tal situação, segundo denúncias e de acordo com uma queixa registrada na delegacia de Ilhéus, ocorreu no Centro da cidade, na loja Kika Modas, no último sábado (20). Na ocasião, uma mulher aparentemente usando da justificativa de realizar compras, furtou o aparelho celular da atendente do estabelecimento. A situação foi flagrada por uma câmera de segurança instalada no local.

Como é possível constatar nas imagens, uma mulher de vestido cor laranja está na loja, e aparentemente compra algo. Há troca de cédulas entre ela e a mulher no caixa. No vídeo aparece uma outra funcionária, dona do celular supostamente furtado. Ela traja camisa amarela e calça preta. A vítima coloca o aparelho em cima do balcão, embaixo de peças de roupas. A suposta larápia percebe, e arma o bote.

O celular é furtado. Antes disso, a mulher de laranja já aguarda sorrateiramente próximo do local onde o celular foi colocado, enquanto a sua compra é contabilizada. Quando ela paga, recebe uma sacola com as peças adquiridas, aproveita a distração da atendente e coloca sorrateiramente o aparelho dentro da embalagem, em meio às roupas. Em seguida, disfarçadamente conta novamente as cédulas, e sai tranquilamente da loja.

Pessoas ligadas à vítima, que batalhou arduamente para comprar o celular, e que encontra-se bastante abalada, divulgaram o vídeo do suposto furto nas redes sociais. Junto às imagens, o pedido de que, caso alguém identifique a suposta meliante, ou tenha maiores informações a respeito do seu paradeiro, que informe à polícia.

Tá registrado!