.

Um caso de violência sexual contra uma menor de idade, envolvendo um membro da mesma família, causou indignação na cidade baiana de Ruy Barbosa, na região da Chapada Diamantina, há 317 km de Salvador.

Na pacata cidade, policiais da Delegacia Territorial cumpriram mandado de prisão preventiva, na terça-feira (5), contra um suspeito de estuprar a própria sobrinha, de 11 anos.

Segundo informações, as investigações foram iniciadas há uma semana, quando familiares da vítima identificaram mudanças no comportamento da criança. A delegada titular da unidade, apurou que o homem vigiava a garota e chegou a ameaçá-la. “Ele utilizou uma arma de fogo e um facão para assustar a criança”, disse.

De acordo com a polícia, o suspeito, de 31 anos, já tinha passagens por furto, roubo e tráfico de drogas. Após o cumprimento do mandato, ele permanece preso, à disposição da Justiça.