A série vai ao ar toda sexta-feira, às 16h, na Band Bahia antes do Programa Brasil Urgente

Faz quase um ano que a diarista Patrícia Santos de 31 anos, viveu um pesadelo. Ela foi atingida em um tiroteio no dia 6 de outubro de 2020 e hoje tem limitações para se locomover.

A bala perdida que atingiu Patrícia na região da coluna, em plena luz do dia enquanto ela aguardava na fila da agência da Caixa, no centro de Ilhéus foi resultado de um tiroteio que deixou outra pessoa ferida e uma morta. Patrícia perdeu os movimentos das pernas.

O crime que chamou a atenção de toda população na época, será tema de uma série da Inteligência Policial produzida pela Band Bahia. A série tem gravações em Ilhéus e Itabuna e exibirá o trabalho da Polícia Civil, desde a comunicação da ocorrência até a identificação dos culpados.

A produção vai ao ar toda sexta-feira, às 16h, na Band Bahia antes do Programa Brasil Urgente, e também pode ser vista  às 22h na TVI Play (www.tviplay.com.br) e TVI canal 36.2 para assinantes da TVC. O primeiro episódio já estará disponível nesta sexta-feira (30).