Eleição para comandante da Guarda Municipal de Ilhéus é adiada para 7 de março

Em atendimento ao decreto estadual, a eleição que aconteceria no dia 28 de fevereiro para comandante da Guarda Municipal de Ilhéus foi adiada para o dia 7 de março de 2021. As normas publicadas pelo Governo da Bahia restringem as atividades e serviços não essenciais até às 5h de segunda-feira (1º) como medida de enfrentamento da Covid-19.

De acordo com a Secretaria de Mobilidade e Ordem Pública, o horário e local do pleito continuam mantidos, das 9h às 17h, no Instituto Municipal de Ensino (IME) Eusínio Lavigne. Todos os guardas que estão na ativa poderão votar.

Os candidatos formam uma lista tríplice, remetida ao chefe do Executivo, responsável por escolher o novo comandante. O mandato para o cargo terá validade de dois anos, sendo permitida uma recondução. “Esse é o segundo processo eleitoral realizado por meio de votação para indicação do novo comandante, um avanço importante alcançado na gestão do prefeito Mário Alexandre, uma gestão comprometida com a valorização do servidor público do nosso município”, destacou Gabriel Bittencourt, titular da Secretaria de Mobilidade e Ordem Pública.

A relação dos candidatos habilitados foi publicada no Diário Oficial, no último dia 22 de fevereiro. Candidatos aptos a concorrer à vaga para comandante da Guarda Civil Municipal (GCM), a saber: Rosivaldo Oliveira dos Santos, José Geraldo Pereira de Jesus e Josinei Oliveira dos Santos.