Filho do prefeito de Itabuna estava foragido da justiça.

O juiz Alex Venicius Campos Miranda revogou a prisão preventiva de Markson Monteiro de Oliveira, filho do prefeito de Itabuna, Fernando Gomes (PTC), que havia sido preso no último dia 20 sob condenação de homicídio qualificado pelo assassinato de um vaqueiro, no município de Floresta Azul.

A decisão foi tomada por não haver trânsito em julgado da condenação por homicídio. Markson teve a prisão domiciliar concedida pela Justiça e foi levado ao fórum de Itabuna onde passou por instalação de tornozeleira eletrônica e informou o endereço onde cumprirá a determinação judicial.

Pelo crime, Markson Monteiro foi condenado a 13 anos de prisão pela 1ª Turma da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).