Dom Mauro Mantagnoli. Bispo diocesano de Ilhéus. Foto Reprodução.

Após decreto municipal do Prefeito Mario Alexandre, que autoriza a retomada de cultos religiosos em meio à pandemia do Covid-19, o Bispo da Diocese de Ilhéus, Dom Mauro Montagnoli, se manifestou. Ele disse que manterá igrejas fechadas, mesmo após decreto que permite a abertura. 

De acordo com Dom Mauro, a Campanha da Fraternidade deste ano, promovida pela CNBB, está cumprindo o tema previsto e com foco na preservação da vida, principalmente neste período em que o mundo está enfrentando uma pandemia. Segundo ele, manter as igrejas fechadas neste momento significa preservar a vida.

Confira a carta.