Evento já começou nas primeiras horas desta sexta (10)

O final de semana promete ser movimentado em Ilhéus. Realizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), a festa da Puxada do Mastro de São Sebastião atrai moradores e turistas para Olivença entre os dias 10 e 12 de janeiro, com desfile e apresentações culturais, missas, rituais e shows com bandas locais. 

Integrado ao calendário turístico da cidade, o festejo começou nesta sexta-feira (10), às 5h, com o Grito da Madrugada. Dando continuidade à programação, será celebrada à missa do tríduo a São Sebastião, às 19h, na Igreja Nossa Senhora da Escada.

A partir das 20h30min, as atrações “Vai dar Samba” e “Banda Realce” se apresentam no palco montado na Praça de Olivença. No sábado (11), o evento terá início às 17h20min, com apresentações e manifestações culturais. Comunidade e visitantes poderão participar da missa do tríduo a São Sebastião, às 19h. Batuque Bom; Kauã Araújo e Allan Diniz se apresentam a partir das 22h.

Puxada do Mastro – No domingo (12), os festejos começarão cedo, com Alvorada às 4h e rituais religiosos (bênçãos) e indígenas (poranci) na porta da Igreja Nossa Senhora da Escada, às 6h. A feijoada dos machadeiros será servida no Ponto de Cultura Machadeiros de Olivença, às 7h10min. A saída da Praça Principal para a Mata de Ipanema está programada para às 8h20min e os rituais na Mata, às 9h40min, com derrubada dos mastros, confraternização dos machadeiros e replantio de árvores. 

Das 13h às 15h, os mastros saem em direção à praia. Nesse intervalo também será servida feijoada no Areal Guanabara. O cortejo da Puxada do Mastro de São Sebastião se iniciará às 15h, com retorno à Praça de Olivença programado para às 17h20min, onde serão feitos arreamento das bandeiras, apagamento do fogo simbólico e agradecimentos.

Mas não termina por aí! A população presente ainda poderá curtir os shows com as bandas Top Gan; Lê Bandê e Pagofunk, a partir das 16h, na praça principal. Os três dias de evento contarão com as presenças das 68ª e 69ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) da Bahia.