Foto: Secom.

O Fórum Permanente de Cultura de Ilhéus, iniciativa dos artistas da cidade para discutir e avaliar as políticas públicas para a área da cultura, mais uma vez manifesta insatisfação com a forma como a gestão da pasta vem sendo conduzida desde a fusão da Cultura e do Turismo, ocorrida em junho deste ano.

Nas redes sociais, soltaram a seguinte nota, com vistas a chamar atenção da população e do poder publico municipal sobre o inexplicável atraso do pagamento do edital de cultura:

“Daria para escrever uma peça de teatro sobre a saga que é receber da Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo de Ilhéus, o recurso vindo do Fundo de Cultura para a realização dos projetos aprovados no edital Demanda Espontânea.

Os projetos aprovados no primeiro semestre deste ano, que já deveriam ter sido executados, até hoje não viram a cor do dinheiro!

Mas antes da longa espera, os proponentes passaram pela desagradável situação de serem chamados para terem seus já reduzidos valores diminuídos em até 50%. Vejam bem… estamos falando de projetos de R$ 5mil e R$ 10mil, no máximo, que impactariam na população bem mais do que muitas iniciativas sem sentido que são realizadas por aí com dinheiro público. Confira aqui a Portaria n. 349, de 28 de agosto de 2019 – http://abre.ai/dovaloresreduzidos

Com a negativa da esmagadora maioria dos proponentes sobre essa redução, a Secretaria se viu obrigada a recuar e republicar no Diário Oficial os valores integrais. Confira a Portaria n. 414, de 17 de outubro de 2019 – http://abre.ai/dovaloresintegrais

Mas… isso aconteceu há quase dois meses, mais uma vez extrapolando a paciência de quem trabalha com cultura em Ilhéus, pois, ao longo desse tempo, ninguém na referida secretaria dá uma informação precisa sobre quando o pagamento será realizado.

A pergunta é: Cadê o dinheiro do edital Demanda Espontânea? Alô, prefeito Mário Alexandre! Se ligue!  Sabemos que há mais de R$ 80 mil já na conta desde o início do ano. O que explica essa demora no pagamento?

Nós, do Fórum Permanente de Cultura de Ilhéus, nos solidarizamos com os artistas proponentes do Edital.  #CulturadeIlhéusmerecerespeito”