São Miguel e São Domingos recebem pedras utilizadas na construção da ponte.

As pedras utilizadas na base da construção da nova ponte começaram a chegar aos bairros São Domingos e São Miguel, no litoral norte de Ilhéus. Desde do dia 19 último, a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Defesa Civil (Seinfra) coordena a relocação das rochas. Até o momento, já foram transportadas 22 caçambas, sendo 16 para o São Domingos e seis para o São Miguel. A ação tranquiliza os moradores.

De acordo com Joandre Neres, coordenador da Defesa Civil, as pedras estão sendo posicionadas nas entradas de ruas atingidas com a ação da maré alta. Neres informou ainda que o órgão preparou relatório indicando os pontos de maior incidência, mas ressaltou que a operação de posicionamento do material, depende do cronograma de retirada feito pela OAS, empresa responsável pela obra.

Ação resposta – O decreto de emergência emitido pelo Município e homologado pelo Governo do Estado contemplou o bairro São Miguel, uma das localidades mais atingidas pela erosão marinha. O documento prevê a execução imediata da operação. Ainda assim, o órgão intensifica as atividades de vistoria nas áreas de modo a garantir a segurança da população.

Para além da precipitação e agitação marítima, o local ainda sofre com as consequências causadas pelas chuvas. Em agosto último, algumas barreiras foram colocadas para evitar a derrubada das casas. “Estamos vivendo um momento histórico no município de Ilhéus com a chegada dessas pedras. Aos poucos, os efeitos serão notados”, pontua o coordenador.