Divulgação

Na próxima segunda-feira, dia 25, é celebrado o Dia Mundial do Doador Voluntário de Sangue. Em Ilhéus, o Hemonúcleo da Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus vai promover uma programação especial para lembrar a data, que visa reforçar, junto à população, a importância da doação de sangue para ajudar a salvar vidas. Como forma de ajudar a estimular essa campanha, a Câmara Municipal de Ilhéus, criou, por meio da resolução 861/2019, o projeto “Câmara Amiga do Banco de Sangue de Ilhéus”.

A iniciativa, assinada pelo vereador Ivo Evangelista (Republicanos), visa aproximar o Poder Legislativo dos serviços ofertados pelo Banco de Sangue de Ilhéus, devido à grande demanda por bolsas de sangue. “O projeto visa estreitar a relação entre a Câmara e o Banco de Sangue promovendo uma campanha de doação de sangue, onde vereadores mobilizarão seus assessores para realizar a doação de sangue na semana em que se comemora o Dia Nacional do Doador, no dia 25 de novembro”.

Ainda de acordo com a resolução, cada gabinete deverá informar qual dia e horário irá enviar seus assessores para o banco de Sangue, que também será previamente informado sobre a programação de doação. “O Banco de Sangue de Ilhéus conta atualmente com cerca de 600 a 700 bolsas por mês, mas esse número ainda está aquém da necessidade real do órgão, que fornece bolsas de sangue para todos os hospitais do município, que atende a vários municípios de seu entorno, além do Hospital Regional Costa do Cacau, cuja demanda tem sido cada vez maior. Além disso, a falta de informação, leva muitas pessoas a não doar sangue, quando necessários pequenos requisitos para que uma pessoa se torne doadora e possa ajudar a salvar vidas”, salientou o vereador Ivo Evangelista.

O banco de Sangue funciona de segunda a sexta-feira das 07h às 17h horas e sábado das 08h ao meio dia, no anexo da Santa Casa de Misericórdia, na ladeira da Rua Dom Manoel de Paiva (Ladeira do Café), no centro. Podem doar sangue pessoas com idade entre 16 e 69 anos e que estejam com peso acima de 50 quilos. Pessoas com febre. Gripe ou resfriado, diarreia recente, grávidas e mulheres em pós-parto não devem doar temporariamente.