Foto Ilustrativa.
/ Manu Dias/GOVBA

O Governo do Estado divulgou na tarde desta sexta-feira (11) no site da Secretaria da Saúde (Sesab), a informação de que construirá uma nova Unidade de Pronto Atendimento (UPA) tipo II, no município de Ilhéus. Segundo o órgão, serão investidos R$4,5 milhões, sendo R$3,1 milhões financiados pelo Ministério da Saúde e R$1,4 milhão pelo tesouro estadual.

A confirmação do recurso ministerial foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira. A licitação ocorrerá em até 60 dias. De acordo com o titular estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, o governador Rui Costa tem priorizado a saúde em sua gestão, e contribuído com a ampliação e fortalecimento da rede no município.

“Esta é uma janela de oportunidade única para reverter a deficiência crônica do seu sistema de saúde do município”, ressaltou Vilas-Boas. Nos últimos dois anos, o governo baiano construiu o Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), cedeu equipamentos e mais de 200 servidores para fortalecer a rede municipal de saúde.

Vilas-Boas informou ainda que o governo deve iniciar ainda este ano a reforma e ampliação do Hospital Geral Luiz Viana Filho, que o transformará em uma unidade materno-infantil referência para alta complexidade. A UPA 24h tipo 2 tem capacidade para atender 250 pacientes por dia e a equipe é formada por mais de 100 profissionais, sendo, no mínimo, seis médicos por dia.

A estrutura conta com raio-X, eletrocardiografia, pediatria, laboratório de exames e leitos de observação. Além disso, a unidade presta o primeiro atendimento aos casos de natureza cirúrgica e de trauma, estabilizando os pacientes e realizando a investigação diagnóstica inicial, de modo a definir, em todos os casos, a necessidade ou não de encaminhamento aos serviços hospitalares de maior complexidade.

Nas localidades que contam com uma UPA, 97% dos casos são solucionados na própria unidade. Em Ilhéus, o Governo Municipal informou que a nova UPA deverá ser construída numa área da zona norte da cidade.