O prefeito Mário Alexandre visitou as obras do trecho viário sul, realizadas pela OAS, empresa responsável pela construção da nova ponte. A chegada do gestor ao canteiro de obras ocorreu na manhã desta segunda-feira (26), quando acompanhado de técnicos e engenheiros percorreu toda extensão e conferiu o andamento dos trabalhos, desde a cabeceira até o início da via ao lado do Opaba Praia Hotel.     

Em seguida, conversou com o gerente responsável pela obra, Suzano Menezes. Aproveitou a oportunidade para dialogar com moradores e pescadores. Ainda no local, o prefeito discutiu medidas de benfeitorias daquela localidade, como a realização de serviços de requalificação e ordenamento no entorno da ponte, que também compreende a Fundação Livre do Mar e da Mata – Maramata.

O sistema viário nos sentidos norte e sul terão duas pistas de cada lado com ciclofaixas. As pistas que integram o sistema zona sul, por exemplo, terão início logo após o Hotel Opaba, sentido norte, que contará com uma rotatória para os motoristas que farão opção por trafegar entre os bairros do Pontal, Sapetinga e Jardim Pontal.

Segundo o prefeito Mário Alexandre é preciso acompanhar de perto o avanço das obras. “A participação do município é legal e importante. “Os novos acessos servirão para requalificar o padrão de mobilidade urbana de Ilhéus, valorizar parte da orla da cidade, garantir mais acessibilidade e fortalecer o turismo na região”, reforçou.

A ponte, a primeira estaiada da Bahia irá ligar o centro urbano à zona sul da cidade e vai atender 511 mil moradores de Itabuna, Una, Canavieiras, Buerarema, Itacaré e Uruçuca, junto com Ilhéus, além de contribuir para o escoamento da produção agrícola, principalmente do cacau, e no desenvolvimento turístico do litoral sul do estado.

O prefeito Mário Alexandre visitou as obras do trecho viário sul, realizadas pela OAS, empresa responsável pela construção da nova ponte. A chegada do gestor ao canteiro de obras ocorreu na manhã desta segunda-feira (26), quando acompanhado de técnicos e engenheiros percorreu toda extensão e conferiu o andamento dos trabalhos, desde a cabeceira até o início da via ao lado do Opaba Praia Hotel.     

Em seguida, conversou com o gerente responsável pela obra, Suzano Menezes. Aproveitou a oportunidade para dialogar com moradores e pescadores. Ainda no local, o prefeito discutiu medidas de benfeitorias daquela localidade, como a realização de serviços de requalificação e ordenamento no entorno da ponte, que também compreende a Fundação Livre do Mar e da Mata – Maramata.

O sistema viário nos sentidos norte e sul terão duas pistas de cada lado com ciclofaixas. As pistas que integram o sistema zona sul, por exemplo, terão início logo após o Hotel Opaba, sentido norte, que contará com uma rotatória para os motoristas que farão opção por trafegar entre os bairros do Pontal, Sapetinga e Jardim Pontal.

Segundo o prefeito Mário Alexandre é preciso acompanhar de perto o avanço das obras. “A participação do município é legal e importante. “Os novos acessos servirão para requalificar o padrão de mobilidade urbana de Ilhéus, valorizar parte da orla da cidade, garantir mais acessibilidade e fortalecer o turismo na região”, reforçou.

A ponte, a primeira estaiada da Bahia irá ligar o centro urbano à zona sul da cidade e vai atender 511 mil moradores de Itabuna, Una, Canavieiras, Buerarema, Itacaré e Uruçuca, junto com Ilhéus, além de contribuir para o escoamento da produção agrícola, principalmente do cacau, e no desenvolvimento turístico do litoral sul do estado.