Cadeirante teve que terminar a viagem usando um guarda-chuva dentro do ônibus.

Uma cena revoltante, mas infelizmente corriqueira em Ilhéus, foi registrada por um leitor do nosso blog e enviada para a nossa redação. Nesta sexta-feira, uma cadeirante que pegava o ônibus da linha Teotônio Vilela estava no local destinado a ela e com uma pingueira, no mínimo, incômoda em cima dela vazando a água do condicionador de ar do veículo.

A pessoa da denúncia chegou a emprestar o guarda-chuva (veja na foto) para que a cadeirante não chegasse ao destino absolutamente encharcada. Este tipo de pingueira é comum nos ônibus com ar-condicionado na cidade de Ilhéus e são provocadas simplesmente por falta de manutenção nos aparelhos condicionadores de ar dos veículos. Vários ônibus circulando na cidade, incluindo os da São Miguel, apresentam goteiras que parecem cachoeiras.