Ação foi protocolada dia 15/02/2019. Imagem: Reprodução.

Uma representação contra o ex-prefeito e o seu vice, foi protocolada pela Direção do Partido Socialismo e Liberdade – PSOL, na Polícia Federal, na sexta feira (15), e no Ministério Público Estadual, na segunda feira (18). As contas da prefeitura de Ilhéus referente ao ano de 2016, foram analisadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios – TCM, e foram reprovadas devido às inúmeras irregularidades encontradas.

Além de ter as contas reprovadas, o TCM estabeleceu e fixou altos valores em multas, determinando assim, a Devolução de mais, de R$ 2 Milhões ao Erário Municipal. Vale salientar que, segundo consta no relatório do TCM, o Ministério Público de Contas (MPC) emitiu o Parecer nº 1374, opinando pela rejeição das Contas e pedindo representação ao Ministério Público Estadual, providencia essa que, o PSOL já solicitou.

O PSOL entende que, as penalidades devam alcançar o prefeito e também o vice Cacá, isso porque o prefeito Jabes Ribeiro, pediu afastamento do cargo para tratamento médico e o seu vice Carlos Machado Andrade Filho “Cacá” assumiu,  passando ser o gestor e ordenador de despesas da prefeitura de Ilhéus, isso aparece bem claro nos meses de maio, junho, julho, agosto, setembro e outubro/2016, razão pela qual, o PSOL pede punição tanto para o prefeito, quanto para o vice, que atuou em seis meses do exercício administrativo da prefeitura municipal de Ilhéus, naquele ano.

Jorge Luiz, presidente do partido no município, e ex-candidato a prefeito de Ilhéus pelo PSOL, entende que, a população não pode ficar no prejuízo, é preciso medidas enérgicas para que, as irregularidades apontadas pelo TCM não fique impune. Para Jorge, a punição solicitada é uma das formas de proteger o Erário Municipal contra as ações dos maus gestores que, infelizmente, tem assumido a prefeitura de Ilhéus nas últimas décadas e deixado rastros destrutivos na gestão pública municipal que afetam diretamente a população, em especial os mais necessitados da presença de políticas públicas.

Partido Socialismo e Liberdade – PSOL