A Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria de Educação (Seduc), assinou acordo de parceria para o projeto “Evasão Escolar e Juventude: a realidade de Ilhéus”, com aUniversidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) e Fundação Carlos Chagas, no último dia 28, na reitora da universidade.

O objetivo da parceria é resistir àevasão escolar, por meio da elaboração de conteúdos, com uma sala de aula mais atrativa, de modo que o aluno participe frequentemente, sinta-se acolhido e importante dentro das escolas e perceba a necessidade da educação básica para um futuro melhor.

Estiveram presentes na reunião, a reitora Adélia Pinheiro, representantes da Seduc, Joelma Santos, Cristiane Venturin, Mariângela Bahia, Jamile Maron e Célia Miranda; da Uesc, Alba Lúcia, Flávia Alessandra e Rachel Oliveira e da Fundação Carlos Chagas, Sandra Unbehaum e Amélia Artes.

Execução – A fim de que as melhorias sejam concretizadas, os professores da rede municipal de ensino serão capacitados para atender as demandas do projeto, através de palestras e atividades. Os alunos também serão introduzidos nestas formações, para entender a importância da sua presença na escola.

A secretária municipal de Educação, Eliane Oliveira,enfatiza que o projeto servirá para desconstruir a ideia da sala de aula como espaço apenas de conteúdo. “Precisamos preparar os professores para receber esses alunos de maneira diferente, olhando também para o emocional de cada um. A evasão escolar é real, mas estamos lutando para combatê-la”, finalizou.