O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, recebeu em seu gabinete, no Centro Administrativo, bairro da Conquista, membros da nova diretoria do Colo Colo de Futebol e Regatas, na última sexta-feira (16). Acompanharam o encontro, o secretário municipal de Turismo e Esporte, Alcides Kruschewsky; vereador Fabrício Nascimento, o presidente do Tigre, Luís Márcio; os diretores Zé Cacá (Futebol); Pedro Florisvaldo (Administrativo); Jamesson Araújo (Marketing); e o responsável pelo campo do Estádio Municipal Mário Pessoa, Luís Cláudio (Lú).  

Na oportunidade, o prefeito Mário Alexandre firmou apoio ao time e disse que dará providências para que sejam realizados os serviços de manutenção das dependências do estádio, que incluem pintura, gramado, iluminação e troca de refletores. Segundo o gestor, o Colo Colo é parte importante da história do futebol de Ilhéus. “No que depender da Prefeitura, daremos incentivo ao Colo Colo, time que tem história e que é dono de uma das torcidas mais importantes da Bahia. Estaremos aqui para ajudá-lo a voltar a ser o nosso reconhecido Tigrão”, salientou o prefeito.

Saúde do time – Pedro Florisvaldo lembrou que “o time já esteve em estado terminal, mas, que agora, respira sem aparelhos”. Segundo ele, o valor da dívida tem preocupado a equipe, que segue trabalhando sem desanimar. “Há um débito trabalhista de aproximadamente 800 mil reais, o que nos assusta, mas isso não vai nos derrotar, e graças a Deus temos o apoio do Município. Ajuda, porém temos muitas despesas, por isso precisamos buscar parceiros para efetuar contratos com jogadores até dezembro deste ano”.

O diretor Administrativo do Colo Colo disse ainda que, após os trâmites de apresentação dos conselhos e da nova diretoria, algumas campanhas de apoio ao clube serão apresentadas ao público. Ao seu ver, estas iniciativas fazem com que o torcedor tenha a oportunidade de ajudar seu time. “Acreditamos que no início de dezembro, realizaremos uma campanha para adesão de novos associados. Reuniremos esses torcedores nesta proposta, e certamente os resultados vão garantir a manutenção do clube”, concluiu Pedro Florisvaldo.

Esperança renovada – “A partir de agora, estamos pensando em uma série de possibilidades, dentro do que ficou definido aqui no encontro com o prefeito. Serviu para pôr um norte, através do apoio da Prefeitura. Confesso que nem esperávamos, e com isso, já estamos enxergamos uma luz, lá no finalzinho do túnel, o que reacende a esperança, e chegaremos lá. Saímos daqui bastante otimistas, naturalmente, para fazermos desse time um vencedor”, acredita Luís Márcio.

Fundada em 3 de abril de 1948, o Colo Colo de Futebol e Regatas é uma agremiação esportiva da cidade de Ilhéus. Em 2006, sagrou-se campeão baiano contra o time do Vitória no Estádio do Barradão, em Salvador. De acordo com os novos diretores, a instituição passa, atualmente, por processo de reestruturação da parte burocrática. “Outro impasse são os problemas de ordem jurídica com pedidos de trégua dos reclamantes. Com isso, vamos trabalhando, para, enfim, encontrar apoio para a saída da crise atual do clube”, relataram.