Serviços executados pela Prefeitura de Ilhéus em vários trechos da cidade visam evitar os alagamentos crônicos que causam transtornos para a população há décadas. Por determinação do prefeito Mário Alexandre, o recapeamento de 17 quilômetros de ruas e avenidas do Programa Asfalto Legal começa pela restauração da rede de drenagem, seguida da substituição total das camadas de asfalto e nova sinalização.

A ação incluiu antigos pontos críticos de alagamento localizados nas imediações do Hotel Barravento, na Avenida Litorânea Norte, Malhado; do Fórum Epaminondas Berbert de Castro, na Avenida Osvaldo Cruz, Cidade Nova; na Praça Cairu, centro, e no trecho próximo ao Instituto Municipal de Educação (IME). “Como chove muito em Ilhéus, não adianta aplicar o asfalto sem a drenagem, como sempre fizeram, o chamado asfalto sonrisal”, enfatiza o prefeito Mário Alexandre.

A previsão de conclusão da execução do programa Asfalto Legal é de seis meses. A intervenção prepara Ilhéus para uma transformação histórica na infraestrutura urbana, incluindo a sede e os distritos do município. Os serviços estão sendo executados pela Secretaria de Infraestrutura, Transporte e Trânsito (Seintra), com material produzido pela usina asfáltica municipal.

“Estamos colocando em andamento um pacote inédito de obras e serviços. Até o final da gestão, entregaremos à população uma cidade melhor para viver, escolas e postos de saúde reformados e equipados para garantir um atendimento digno e eficiente”, enfatiza o prefeito.