FOTO: Divulgação

A nova pesquisa do instituto de pesquisa Datafolha divulgou nesta sexta-feira (28), nova pesquisa com as intenções de voto para Presidente da República.  A pesquisa ouviu 9 mil eleitores entre quarta-feira (26) e sexta-feira (28).

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos.

A pesquisa apontou um crescimento nas intenções a favor de Fernando Haddad, o candidato petista saltou de 16% para 22% desde a última pesquisa divulgada no dia 20 de setembro. O candidato Jair Bolsonaro (PSL), que segue internado após diagnóstico de infecção, assistiu a manutenção das suas intenções de voto em 28%. Já o candidato Ciro Gomes (PDT) caiu nas pesquisas e aponta agora apenas 11% das intenções. Alckmin (PSDB) subiu um pouco e tecnicamente empatou com Ciro chegando aos 10%. Marina Silva (REDE) desceu de 7% para 5% e a quantidade dos votos Brancos e Nulos foi de 10%.

O Datafolha também questionou a rejeição da população aos candidatos presidenciais e, segundo a pesquisa, o índice de rejeição ao ex-militar aumentou de 43% para 46% no intervalo das pesquisas. O candidato do PT também viu sua rejeição aumentar, de 29% para 32%. Marina Silva (28%), Geraldo Alckmin (24%) e Ciro Gomes (21%) também tiveram índices relevantes de rejeição.

Nas simulações de segundo turno, o candidato Jair Bolsonaro perde para todos os outros concorrentes, o que inclui o candidato Haddad que nas pesquisas anteriores apresentava empate técnico. As eleições 2018 ocorrerão no próximo dia 7 de outubro.