WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia pm ilheus Neste site
julho 2018
D S T Q Q S S
« jun   ago »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

:: 28/jul/2018 . 21:37

CONTA DE LUZ SEGUIRÁ NO PATAMAR MAIS CARO EM AGOSTO

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou nesta sexta-feira (27) que manterá no mês de agosto a bandeira tarifária no patamar dois da cor vermelha, o mais caro.

Isso significa que, para cada 100 quilowatts-hora (kWh) de energia consumidos, haverá cobrança extra de R$ 5 na conta de luz.

Agosto será o terceiro mês seguido com a bandeira tarifária no patamar mais caro.

A cobrança extra de R$ 5 para cada 100 kWh começou em junho – em maio, a bandeira tarifária estava na cor amarela, cuja cobrança extra é de R$ 1 para cada 100 kWh.

:: LEIA MAIS »

ENTENDA O SISTEMA DE COTAS DA UNEB PARA TRANS, CIGANOS E PORTADORES DE TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA E DEFICIÊNCIA

Programa não altera o percentual de vagas ofertado para candidatos não-cotistas, que é de 60%, e nem o oferecido para negros, de 40%. Confira.

O novo sistema de cotas da Universidade Estadual da Bahia (Uneb) entra em vigor a partir de 2019 e o G1 explica como o programa vai funcionar.

De acordo com a insituição, os quilombolas, ciganos, transexuais, travestis e transgêneros, além das pessoas com deficiência, transtorno do espectro autista e altas habilidades, terão direito a 5% de vagas adicionais, ou sobrevagas, como a insituição classifica.

As sobrevagas são a oferta de vagas para além das previstas no semestre, que, geralmente, são destinadas aos não-cotistas e aos negros, que recebem 60% e 40% das oportunidades, respectivamente.

:: LEIA MAIS »

MÃE DE BEBÊ DEIXADO NA PORTA DE IGREJA EM ITAJUÍPE É IDENTIFICADA; COM MAIS 8 FILHOS, MULHER DIZ QUE NÃO TEM COMO CRIAR CRIANÇA

A mulher que deixou um bebê na porta de uma igreja católica, na semana passada, na cidade de Itajuípe, no sul da Bahia, foi encontrada pela polícia. Ela é mãe do menino e contou que abandonou o filho porque não tinha condições de criá-lo.

De acordo com o delegado Josemar Chianca, titular de Itajuípe, a mulher, que não teve a identidade divulgada, prestou depoimento nesta sexta-feira (27). Além do bebê, ela tem mais oito filhos. A família mora na zona rural da cidade de Santa Luzia, a cerca de 100 km de Itajuípe.

Segundo o delegado, a mulher foi liberada após prestar depoimento, porque não houve flagrante. Ela será indiciada por abandono de incapaz.

Conforme o delegado Josemar Chianca, a mãe do bebê contou que tentou doá-lo, mas não conseguiu e, por isso, resolveu deixar a criança na igreja, com a esperança de que alguém o pegasse para criar.

:: LEIA MAIS »



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia