Degradados pela falta de manutenção, alguns espaços esportivos de Ilhéus impedem realização de práticas esportivas. Em breve, esses locais poderão ser pontos de encontro da juventude local e dos desportistas de modo geral. O prefeito Mário Alexandre autorizará a recuperação total de quadras poliesportivas do município, com investimentos na ordem de R$ 855 mil reais. Ao todo, cinco bairros serão beneficiados, entre eles, a zona central, Banco da Vitória, Salobrinho, Malhado e Barra. O prazo para conclusão das obras é de três meses.

“Um sonho que em breve será visto como realidade”. Resumiu o diretor de Esportes da Secretaria Municipal de Turismo e Esportes (Setur), Danilo Rabat. Para ele, as melhorias representam uma conquista da comunidade de modo geral que, por sua vez, utiliza esses espaços para atividades pedagógicas, desenvolvimento de práticas esportivas e integração da comunidade por meio de ações e eventos de cultura e lazer. “Agora, depois de reformadas, as quadras vão fazer a diferença na vida de jovens, crianças e de toda a comunidade”, salienta Rabat.

Assinaturas – No dia 30 de julho, o prefeito assina ordem de serviço para reforma do Ginásio Municipal de Esportes Herval Soledade, localizado na Avenida Canavieira, no Centro. No dia 31, haverá assinatura da reforma dos campos de futebol dos bairros Banco da Vitória e Salobrinho. Em seguida, no dia 1º de agosto, a ordem de serviço da quadra poliesportiva da Avenida Litorânea Norte. Já no dia 2, assinatura para a reforma da quadra esportiva da Barra, sendo que o ato ocorrerá no Centro Social Urbano (CSU). No dia 3 de agosto, assinatura da reforma da quadra e do espaço de esportes radicais da Avenida Soares Lopes, no centro. As solenidades ocorrem a partir das 16 horas.

Segundo informações do governo municipal, serão recuperadas, ainda este ano, as quadras de Olivença, Pontal e Moradas do Porto. Em novembro do ano passado, a Prefeitura, em parceria com a Coelba, recuperou a quadra do bairro Jardim Savoia, zona norte de Ilhéus. De acordo o setor de Esportes da Prefeitura, a recuperação destes espaços faz parte do projeto-piloto que vai estender a iniciativa a outros bairros. Um relatório fotográfico foi realizado para definir quais outras áreas serão contempladas.