Os participantes do Festival Internacional Chocolat Bahia, a ser realizado no Centro de Convenções de Ilhéus a partir desta quarta-feira (18), podem aproveitar a estada na região Sul do Estado para conhecer fazendas produtoras de cacau localizadas na Estrada do Chocolate – primeira estrada temática da Bahia, que será lançada oficialmente como produto turístico no próximo sábado (21). 

Instalada na rodovia entre os municípios de Ilhéus e Uruçuca, no Sul do Estado, a Estrada do Chocolate é um novo atrativo para vai potencializar o turismo de experiência na região cacaueira. A infraestrutura turística da nova rota inclui portais de acesso, sinalização e posto de informação, implantados com apoio do Governo do Estado. O objetivo é promover o desenvolvimento socioeconômico e o acesso às fontes de cultura regional.

A rota permitirá ao visitante conhecer o processo produtivo do chocolate, desde visitas à lavoura de cacau até a secagem e seleção das amêndoas que serão processadas. Em algumas fazendas e fábricas instaladas no roteiro também será possível ver a transformação da matéria-prima em chocolate de qualidade.

Os passeios serão oferecidos por empresas de receptivo turístico presentes no estande da Associação de Turismo de Ilhéus (Atil), com preço médio de R$ 50. Alguns pacotes um pouco mais caros incluem café da manhã e/ou almoço. Neste período do Festival do Chocolate, três fazendas estarão abertas para visitação.

Chocolat Bahia – Com previsão de receber 69 mil pessoas até domingo (22), a 10ª edição do Festival Internacional do Chocolate e Cacau é realizado com apoio da Secretaria do Turismo da Bahia. Reúne 120 expositores, incluindo mais de 40 marcas de chocolate e derivados de cacau.

Voltado tanto para profissionais especializados – como pesquisadores, produtores, chefs e confeiteiros – quanto para o público final, o Chocolat Bahia oferece programação composta por cursos de capacitação, rodadas de negócio, palestras, cozinha-show e debates, dentre outras atividades.

A cultura da região cacaueira não fica de fora do evento. O Pavilhão da Economia Criativa e o Espaço Cultural do Cacau reúnem artesanato, arte popular, gastronomia regional, música e apresentações culturais. Tudo para encantar os participantes do Festival do Chocolate, convidando-os a ampliar a permanência ou retornar à Costa do Cacau em nova viagem.