O Bolsa Gestante tem, como principal objetivo, melhorar a qualidade de vida das gestantes e nutrizes pobres de todo o Brasil. Com o auxílio adicional, a mulher tem condições de ter uma vida mais saudável e isso favorece o desenvolvimento da criança, tanto dentro da barriga como também nos primeiros meses de vida.

A mulher, já inserida no programa Bolsa Família, deve procurar o Sistema Único de Saúde. Caso a sua gravides seja comprovada pelo médico do SUS, ela pode dar entrada na bolsa gestante do Governo Federal.

O benefício adicional é pago durante os 9 meses de gestação. Depois, ele pode ser prorrogado para a fase de amamentação, que dura em média 6 meses. Portanto, o reforço na renda da família terá duração máxima de 15 meses. Confira mais informações sobre o benefício clicando AQUI.