teste hiv

A secretaria de Saúde (Sesau) de Ilhéus realiza nesta terça-feira, 19, mutirão de testes rápidos para verificar possíveis casos de Hepatite C. Os atendimentos serão feitos durante todo o dia, na praça Pedro Matos (próximo ao teatro municipal), centro. O teste leva 20 minutos para apontar a presença da anormalidade.

A ação conta com parceria do Ministério da Saúde e da Associação Brasileira dos Portadores de Hepatite (ABPH) e é realizado em Ilhéus por causa da presença de uma população flutuante no município, devido à época de verão. O interessado passará por triagem e prosseguirá para a testagem.

O diagnóstico precoce da doença é importante, já que a Hepatite C é “extremamente silenciosa, podendo não demonstrar sinais por anos, mesmo a pessoa estando contaminada”. A Hepatite C só começa a se manifestar entre os 20 e 40 anos, após a infecção e já em estágio avançado. Em caso de resultado positivo, o paciente será encaminhado para iniciar o tratamento, que é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (Sus).

Hepatite – É uma doença viral que leva à inflamação do fígado e raramente desperta sintomas. A maioria das pessoas não sabe que tem hepatite C, muitas vezes descobre através de uma doação de sangue ou pela realização de exames de rotina, ou quando aparecem os sintomas de doença avançada do fígado, o que geralmente acontece décadas depois.

Hepatite C é um dos três tipos mais comuns de hepatite e é considerado o pior deles. De acordo com o Fundo Mundial para a Hepatite da Organização das Nações Unidas, no Brasil, existe cerca de 1,5 milhão de pessoas infectadas pela hepatite C, doença responsável por 70% das hepatites crônicas e 40% dos casos de cirrose, segundo dados do Ministério da Saúde.