WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pm ilheus Neste site
agosto 2015
D S T Q Q S S
« jul   set »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

:: 7/ago/2015 . 16:10

PROFESSORA CARMELITA DEFENDE MAIS INVESTIMENTOS PARA AGRICULTURA FAMILIAR

Foto: Ascom.

Foto: Ascom.

A presidente do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores em Ilhéus, Professora Carmelita, e o vereador Gildeon (Dero) Farias (PT) participaram na manhã da quarta-feira (05) da solenidade de posse da nova diretoria do Assentamento Nova Vitória, na zona rural do município. Na oportunidade, Professora Carmelita voltou a defender mais investimentos para a agricultura familiar. De acordo com a presidente do PT, a agricultura familiar é um setor que tem garantindo a permanência do homem no campo, gerando mais renda e vem oferecendo oportunidades de empregos, mas para que esse setor continue forte é preciso de apoio, de incentivos e de mais investimentos, principalmente por parte do governo municipal.

Professora Carmelita explicou que a agricultura familiar vem sendo contemplada com uma série de programas estaduais e federais, mas é preciso que o município faça a sua parte, garantindo serviços essenciais, como a construção de boas escolas, o funcionamento pleno dos postos de saúde, além da manutenção das estradas para permitir o escoamento da produção. Ela também parabenizou os membros do Assentamento Nova Vitória pelos investimentos no local e pelos programas de diversificação que vem sendo realizados e reafirmou que somente com a união e com a organização será possível o desenvolvimento de novos projetos.

A Associação do Assentamento Nova Vitória terá agora como presidente o trabalhador rural Antônio Bonfim que falou dos avanços somados pela comunidade nos últimos anos. O assentamento existe há 15 anos e ali estão instaladas 36 famílias que vivem da agricultura familiar, através do cultivo do cacau, hortaliças, frutas, além do projeto de piscicultura que está sendo desenvolvido no local. Tudo isso, segundo os agricultores, graças aos projetos de diversificação e as parcerias com órgãos públicos estaduais e federais.

O vereador Dero fez um relato da situação do assentamento desde o início, quando enfrentava a falta de infraestrutura, até os avanços conquistados nos últimos anos, garantindo mais renda e qualidade de vida para os moradores. Ele falou que ainda é preciso avançar muito mais, proporcionar maneiras de agregar mais valores aos produtos, oferecer melhores serviços e qualidade de vida para o povo e buscar outras alternativas de diversificação. Para isso o vereador afirmou que tem buscado apoio junto aos órgãos estaduais e federais. Ele também defendeu a necessidade da união dos pequenos agricultores para conquistar novas vitorias.

INVERNO: UM ALIADO PARA A PERDA DE PESO E MEDIDAS

Rosangela Nishijima é especialista em Shiatsu, terapias orientais e técnica em Estética.

Rosangela Nishijima é especialista em Shiatsu, terapias orientais e técnica em Estética.

Pode não parecer, mas o inverno é a estação do ano mais propícia para a perda de peso e medidas. Afinal, a aceleração metabólica do organismo provocada pelo clima mais frio facilita a queima de calorias ea definição muscular. Porém, como não existem milagres na estética, nunca é demais advertir: o facilitador climático só ajudará de fato quem adotar uma postura disciplinada e responsável.

Bom, se o leitor ou leitora for um observador (a) atento (a) certamente estará se perguntando: se o inverno favorece a perda de peso, por que as pessoas costumam engordar nessa época do ano? É simples: porque o frio nos impulsiona – e na maioria das vezes convence – a adotarmos hábitos menos saudáveis do que os períodos mais quentes.

Um desses hábitos, por exemplo, é o de ficar mais tempo debaixo das cobertas sem fazer nada.Outro é a tendência natural de comermos mais pratos quentes e calóricos.Comendo mais e se movimentando menos, o resultado só pode ser o aumento das reservas de gordurano corpo. Essas novas gordurinhas geralmente ficambem escondidas debaixo das roupas largas típicas do inverno e, quando percebemos, já é tarde…

Desta forma, não adianta esperar que o metabolismo faça “milagres”se não resistirmos às armadilhas do frio. Por outro lado, se temos consciência dessa tendência, por que não começar a pensar em estratégias para mudar esse quadro? Por exemplo, a simples conduta de manter no inverno os mesmos hábitos das estações quentes já seria suficiente para notarmos diferenças em nosso corpo.

Masse quisermos realmente usar todo potencial do inverno a nosso favor, recomenda-se aumentar a frequência de exercícios físicos bem orientados, seguir uma boa dieta e beber muita água. Seguindo com disciplina essas dicas, qualquer tratamento estético que envolva perda de medidas trará resultados surpreendentes. Para lhe ajudar na motivação, lembre-se que os ‘sacrifícios’ do inverno serão recompensados com um belo corpinho no verão!

FEIJÃO E CARNE FORAM OS VILÕES DO CUSTO DA CESTA BÁSICA EM ITABUNA

cestabasica

O Decreto lei 399, de 30 de abril de 1938, que estabelece 12 produtos alimentares (feijão, arroz, farinha de mandioca, pão, carne, leite, açúcar, banana óleo, manteiga, tomate e café) e suas respectivas quantidades, passou a custar R$277,74 em julho de 2015 na cidade de Itabuna, redução de 1,59% quando comparado ao mês anterior.

Dos 12 produtos que compõem a cesta básica, cinco apresentaram redução do preço médio: tomate (11,87%), farinha de mandioca (6,73%), banana (3,75%), café (2,37%) e arroz (0,76%). No entanto, os seguintes itens apresentaram aumento no preço médio: Feijão (7,28%), carne (2,23%), leite (1,26%) manteiga (0,87%) e açúcar (0,57%). O preço médio do óleo de soja manteve-se constante nesse período.

Em julho, o tempo de trabalho despendido para obter a cesta básica em Itabuna foi de 77 horas e 34 minutos, o trabalhador comprometeu 38,31% do salário mínimo líquido de R$724,96 – descontando-se 8% de contribuição previdenciária do salário bruto de R$788,00, para adquirir os 12 produtos da cesta.

OQuadro em Itabunas

GOVERNO DO ESTADO VAI DEFINIR ESTRATÉGIAS PARA CULTURA DO CACAU

cacauA Bahia é o principal estado produtor de cacau do país, responsável por aproximadamente 64% da produção.  O desempenho do cacau na economia baiana foi tema de reunião nesta quarta-feira (5/08), entre o secretário de Desenvolvimento Rural (SDR), Jerônimo Rodrigues, e representantes do setor. A expectativa é que seja estabelecido um plano de metas a serem executados nos próximos quatro anos, com o objetivo de enfrentar os desafios do setor: melhoria da competitividade, formação do mercado interno e defesa sanitária.

No estado são mais de 40 mil produtores de cacau, destes 90% são agricultores familiares, assentados de reforma agrária e pequenos produtores, distribuídos em oito Territórios de Identidade. Para o secretário Jerônimo Rodrigues, a cultura do cacau é uma agenda de governo. “A Bahia tem que ter estratégias para enfrentar os desafios desse segmento. Temos que ter competitividade e fortalecer o mercado interno, estimulando o consumo de derivados do cacau (manteiga, liquor, pó, chocolate, entre outros)”.

Para discutir as estratégias para a cultura do cacau no estado, ficou definida uma reunião  para a próxima sexta-feira (14/08), entre representantes do setor e do governo. Além da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), participam do encontro gestores de outras cinco secretarias: da Agricultura, do Desenvolvimento Econômico, do Meio Ambiente, de Relações Institucionais e de Infraestrutura Hídrica e Saneamento.

Presente a reunião, o presidente da Câmara Nacional do Cacau, Guilherme Moura, ressaltou que a retomada da produção de cacau na Bahia e no Brasil é uma realidade. “A revitalização do mercado interno é um dos itens mais importante da nossa pauta. Um plano estruturante vai acelerar esse processo”. Segundo ele, a revisão da política de drawback do cacau (importação de insumos para reexportação com isenção de impostos) é outro ponto estratégico para o fortalecimento do mercado.

BEBETO COBRA DE MINISTRO REALIZAÇÃO DE DRAGAGEM NO PORTO DO MALHADO, EM ILHÉUS

Foto: Ascom.

Foto: Ascom.

A difícil situação do Porto do Malhado, em Ilhéus, foi discutida em plenário pelo deputado Bebeto Galvão (PSB) durante sessão especial nesta quinta-feira (06), na Câmara Federal com a presença do ministro da Secretaria dos Portos da Presidência da República, Edinho Araújo. Na sessão, Bebeto relatou as dificuldades estruturais do porto de Ilhéus e cobrou do ministro a realização de dragagem do porto, que é o processo de ampliação do canal de acesso ao atracadouro. O Porto do Malhado está há cerca de dez anos sem passar por uma dragagem e a consequência disso é que a cidade perdeu a movimentação de cargas de soja e milho, além de reduzir a quantidade do minério.

Bebeto pediu que o ministro atue urgentemente para a realização da dragagem, já que o Porto do Malhado tem ficado de fora de várias disputas pelo escoamento e recebimento de cargas, já que o Calado (canal) tem profundidade menor que o exigido. “Com a dragagem será permitida a atracação de navios de maior porte e aumentará a movimentação do volume de carga”, declara o deputado Bebeto, que lembra que a estruturação do porto do Malhado é fundamental para o contexto de um estado que sedia o projeto da Ferrovia Oeste-Leste e Porto Sul.

TCM COMEÇA A DEFINIR RELATORES PARA CONTAS MUNICIPAIS DE 2014

O Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão de quarta-feira (05), deu início aos sorteios para definição dos conselheiros relatores das contas de prefeituras e câmaras municipais relativas ao exercício de 2014, que começam a ser julgadas no próximo mês.

Foram definidos no sorteio os relatores das contas dos 12 maiores municípios baianos. O conselheiro José Alfredo Rocha Dias vai relatar as contas das prefeituras e câmaras de Salvador e Itabuna; Mário Negromonte as de Camaçari e Juazeiro; Plínio Carneiro Filho, as de Feira de Santana e Jequié; Paolo Marconi, será responsável por Candeias e Simões Filho; Fernando Vita, examinará as de Ilhéus e São Francisco do Conde; e Raimundo Moreira, as de Lauro de Freitas e Vitória da Conquista.

A TRISTE REALIDADE DA PRAIA DO NORTE EM ILHÉUS

SEM SALÁRIO DESDE MAIO, TERCEIRIZADOS DA EDUCAÇÃO AINDA RECEBEM AVISO PRÉVIO

Em contato com a nossa redação, funcionários das escolas estaduais de Ilhéus, contratados pelo sistema de Prestação de Serviço Temporária (PST), através da empresa Locserv, denunciam que estão sem receber salário, vale-transporte e tíquete alimentação, desde maio.

Alegam ainda que, na semana passada a “empresa” deu aviso prévio pra boa parte dos trabalhadores.

Eles afirmam que, caso a situação não seja resolvida em caráter de urgência, irão procurar a justiça competente.

A Locserv contrata funcionários das escolas estaduais, que atuam no setor administrativo, limpeza e merenda escolar.



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia