WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
ponte pontal ilheus Neste site
maio 2014
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031



POR MAIS RESPEITO AOS CIDADÃOS ILHEENSES: JABES, NÃO SOMOS SARDINHAS!

TIÃO NETO
Sebastião Neto – Estudante de Licenciatura da UESC, membro da Juventude do PSTU, do Coletivo Retomada da Universidade Estadual de Santa Cruz e da Assembleia Nacional dos Estudantes – Livre (Anel).

Sebastião Neto é estudante universitário, membro da Juventude do PSTU, do Coletivo Retomada da Uesc e da Assembleia Nacional dos Estudantes – Livre (Anel).

O transporte coletivo de nossa cidade nada mais é do que uma forma perversa de garantir vultosos lucros aos donos da São Miguel e da Viametro, cobrando caro e submetendo os passageiros a um sofrimento contínuo. É um exemplo claro das relações – nocivas à sociedade – mantidas entre representantes do poder “público” e determinados setores do empresariado. Somente através da ação conscientemente articulada e planejada dos cidadãos seremos capazes de nos contrapor à ganância desses “tubarões” na defesa de um transporte público de qualidade e com preço justo.
Assim como a saúde e a educação, o transporte coletivo precisa ser entendido como um direito social que deve ser garantido pelo Estado, e não como uma mercadoria qualquer sujeita à logica do mercado. Desse modo, o estabelecimento do valor da tarifa deve levar em consideração a realidade social e econômica da cidade. Em uma cidade como a nossa – com uma economia “capenga”, com alto índice de desemprego e onde a maior parte da população sobrevive com uma renda inferior a um salário mínimo – o valor da tarifa atualmente em vigor (R$ 2,40) configura-se como uma verdadeira barreira ao exercício do direito de ir e vir, tendo reflexos negativos também no comércio, pois, afora o vale transporte que deve ser pago pelos comerciantes, reduz significativamente o poder de compra dos indivíduos.
Indo para Uesc outro dia, conheci a dona Arlete, moradora do Banco da Vitória. E do alto dos seus 71 anos de idade, lá ia ela em pé, sacolejando espremida entre outras pessoas naquela tarde de “sol em fúria”. Dei meu lugar a ela e fomos conversando. Ela me contou parte de sua história de vida: pariu e criou 15 filhos com muita dificuldade. Como a dona Arlete, vários idosos – homens e mulheres – penam diariamente nessas “latas de sardinhas”, há também mulheres grávidas ou com crianças de colo arriscando suas vidas. O tempo que leva para que determinados ônibus passem em certos locais é tão grande que muita gente prefere ir andando, correndo até o risco de ser vítima de um assalto, já que a falta de segurança é outro problema que nos assola.

Mas como os representantes do poder “público” não utilizam o transporte coletivo, e como frequentemente têm suas caríssimas campanhas eleitorais oportunamente financiadas também pelos “barões” das empresas de ônibus, seguem indiferentes ao nosso sofrimento. É por isso que as empresas “São Migué” e “Viamerda” oferecem esse serviço de péssima qualidade e com esse preço absurdo. E para piorar essa revoltante situação, na semana passada, o prefeito Jabes Ribeiro cometeu o disparate de anunciar o aumento da tarifa do transporte para R$ 2,60. Não podemos de forma alguma aceitar mais esse ataque, esses empresários e políticos cínicos estão gozando da nossa desgraça. Devemos responder de forma enérgica nos mobilizando e exigindo redução imediata do valor da tarifa em vigor e melhorias na qualidade do serviço.

5 respostas para “POR MAIS RESPEITO AOS CIDADÃOS ILHEENSES: JABES, NÃO SOMOS SARDINHAS!”

  • MARIA says:

    NOSSA, CONCORDO COM VC EM NUMERO E GRAU,MAS TENHO APENAS QUE RESSALTAR QUE ESTES ONIBUS PERDEM LONGE PARA LATA DE SARDINHA, NA LATA DE SARDINHA SOBRA ESPAÇO PARA ADCIONAR MAIS UMAS DUAS, O QUE NAO É O CASO DESTES COLETIVOS, POIS NAO AGUENTAMOS MAIS TANTA HUMILHAÇÃO EM PEGAR ESTES COLETIVOS HIPER LOTADOS, PORQUE A GENTE PRECISA DISPUTAR UM LUGAR PARA COLOCAR OS PÉS.

  • Xô Esquerdalha says:

    Nesses movimentos sempre tem esses caras de partidos irrizórios que só não tem corruptos por que nao tem mandato querendo si aparecer. Porque é só agora que eles tem midia, falam no megafone, um pior que o outro.
    Agora a passagem tem é que aumentar pra 10 reais para o povo dar valor ao reuni ilheus

  • Robertinho De Ilheus says:

    Os ônibus que o governo federal entregou a Ilheus, poderia muito bem servir aos estudantes em horários especifico, mas deixa se acabando no estádio Mario Pessoa para fazer contrato emergencial com empresa de amigos.

  • anti comunista says:

    QUEM QUER PASSE LIVRE COMPRA UMA BICICLETA !!!!

  • cacique do mal says:

    O prefeito deveria ter vergonha na cara de pau em oferecer um transporte coletivo da pior qualidade exemplo moro no cururupe o tempo de espera e entre 40 minutos a 1 hora sendo que na parte da tarde e pior a espera e maior e quando aparece uma lata velha vem abarrotada e isso que chama de prestação. de serviço no transporte coletivo tenha dó isso e porque a familia do prefeito não espera ônibus espero que tome vergonha nessa cara e Intime essas duas porcaria que se acha empresa de trasporte aqui fica protesto as pessoas que moram em Olivença devem serem respeitados no quisito transporte decente.

Deixe seu comentário



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia