WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia pm ilheus Neste site
maio 2014
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: 25/maio/2014 . 21:05

POR MAIS RESPEITO AOS CIDADÃOS ILHEENSES: JABES, NÃO SOMOS SARDINHAS!

TIÃO NETO
Sebastião Neto – Estudante de Licenciatura da UESC, membro da Juventude do PSTU, do Coletivo Retomada da Universidade Estadual de Santa Cruz e da Assembleia Nacional dos Estudantes – Livre (Anel).

Sebastião Neto é estudante universitário, membro da Juventude do PSTU, do Coletivo Retomada da Uesc e da Assembleia Nacional dos Estudantes – Livre (Anel).

O transporte coletivo de nossa cidade nada mais é do que uma forma perversa de garantir vultosos lucros aos donos da São Miguel e da Viametro, cobrando caro e submetendo os passageiros a um sofrimento contínuo. É um exemplo claro das relações – nocivas à sociedade – mantidas entre representantes do poder “público” e determinados setores do empresariado. Somente através da ação conscientemente articulada e planejada dos cidadãos seremos capazes de nos contrapor à ganância desses “tubarões” na defesa de um transporte público de qualidade e com preço justo.
Assim como a saúde e a educação, o transporte coletivo precisa ser entendido como um direito social que deve ser garantido pelo Estado, e não como uma mercadoria qualquer sujeita à logica do mercado. Desse modo, o estabelecimento do valor da tarifa deve levar em consideração a realidade social e econômica da cidade. Em uma cidade como a nossa – com uma economia “capenga”, com alto índice de desemprego e onde a maior parte da população sobrevive com uma renda inferior a um salário mínimo – o valor da tarifa atualmente em vigor (R$ 2,40) configura-se como uma verdadeira barreira ao exercício do direito de ir e vir, tendo reflexos negativos também no comércio, pois, afora o vale transporte que deve ser pago pelos comerciantes, reduz significativamente o poder de compra dos indivíduos.
Indo para Uesc outro dia, conheci a dona Arlete, moradora do Banco da Vitória. E do alto dos seus 71 anos de idade, lá ia ela em pé, sacolejando espremida entre outras pessoas naquela tarde de “sol em fúria”. Dei meu lugar a ela e fomos conversando. Ela me contou parte de sua história de vida: pariu e criou 15 filhos com muita dificuldade. Como a dona Arlete, vários idosos – homens e mulheres – penam diariamente nessas “latas de sardinhas”, há também mulheres grávidas ou com crianças de colo arriscando suas vidas. O tempo que leva para que determinados ônibus passem em certos locais é tão grande que muita gente prefere ir andando, correndo até o risco de ser vítima de um assalto, já que a falta de segurança é outro problema que nos assola.

:: LEIA MAIS »

PESSOAS SEM DIPLOMA TÊM VIDA SEXUAL MAIS ATIVA DO QUE GRADUADOS, DIZ ESTUDO

diplomaUma pesquisa realizada com 2 mil pessoas, encomendada pelo fabricante de materiais sexuais Lovehoney, marca que domina o mercado no Reino Unido, revela que a vida sexual de pessoas não graduadas é mais intensa do que a vida de quem possui um diploma de nível superior.
Os não formados, segundo o estudo, fazem mais sexo do que as pessoas formadas. Além disso, elas têm mais parceiros do que os graduados.
O estudo aponta que 13% dos sem-diplomas fazem sexo diariamente. Entre os diplomados, o número cai para 10%. Cerca de 77% dos não formados fazem mais sexo em lugares abertos, enquanto os formados são apenas 70%.
A pesquisa diz que 22% dos sem-diplomas já fizeram sexo a três, e os formados são 19%. Mas os diplomados, segundo o estudo, são mais abertos a experiências mais radicais como utilizarem técnicas como obondage, técnica sadomasô com utilização de cordas.

POLÍCIA APREENDE DUAS TONELADAS DE MACONHA NA SEDE DA GAVIÕES DA FIEL

ESTADÃO
Foto: Edson Temoteo/ Futura Press.

Foto: Edson Temoteo/ Futura Press.

A polícia apreendeu 1.930 quilos de maconha na noite deste sábado, 24, no barracão da escola de samba Gaviões da Fiel, na rua Cristina Tomaz, no Bom Retiro, São Paulo.
O flagrante foi feito às 23h30, quando a droga era retirada de um caminhão para outro. A maconha que estava dividida em centenas de tabletes com cerca de 900 gramas. Dois homens foram presos: Leandro Machado Barbosa, de 34 anos, comerciante, com passagem na polícia por receptação, furto e porte de arma; e Anderson dos Santos Correa, 34, comerciante. Os dois vão ser indiciados por tráfico e associação ao tráfico.
A droga chegou a São Paulo num caminhão de soja do Mato Grosso Sul, com placas de Chapão do Sul (MS), escondida sob os grãos. Os criminosos já tinham tirado a soja que estava por cima e estavam passando a maconha para um caminhão-bau do tipo VUC (Veículo Urbano de Carga).
De acordo com a investigação, uma parte da droga ficaria em São Paulo e outra parte iria para Carapicuíba, Itapevi, Barueri e Jandira, todas no entorno de Osasco. Policiais da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) e do Setor de Investigações Gerais (SIG) de Carapicuíba estavam investigando o caso há cinco meses, após a ocorrência de uma série de flagrantes de venda de droga nessas cidades.

:: LEIA MAIS »

SINDICATO DOS JORNALISTAS DIVULGA NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO DO JORNALISTA JUAREZ NUNES

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Bahia (Sinjorba) vem a público lamentar, com tristeza, o falecimento do colega JUAREZ NUNES, aos 45 anos, ocorrida neste domingo, dia 25 de maio, em Itabuna. Neste momento de profunda dor, a direção do Sinjorba presta solidariedade aos familiares e amigos do saudoso jornalista que exerceu a profissão com princípios éticos, compromisso com a informação, e defendeu com lealdade os interesses da categoria e todas as nossas lutas por melhores condições de trabalho e pela liberdade de expressão. Ficam, portanto, entre nós, o sentimento de saudade e o reconhecimento a este grande jornalista que sempre amou a nossa profissão.

COLO-COLO É O CAMPEÃO BAIANO DA SEGUNDONA

Com campanha impecável, o Colo-Colo se sagrou, de maneira invicta, campeão baiano da segunda divisão.

Com campanha impecável, o Colo-Colo se sagrou, de maneira invicta, campeão baiano da segunda divisão.

Fim de papo no estádio Mário Pessoa. Após mais um empate, a equipe do Colo-Colo se sagrou o grande campeão do campeonato baiano da segunda divisão.
Com casa ceia, perante mais de 4.000 torcedores, o Tigre ilheense manteve a invencibilidade e fez jús à melhor campanha da competição.
O Colo-Colo saiu na frente, abrindo dois gols de vantagem ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa, o Jacobina partiu para cima e conseguiu empatar. (Veja o desenrolar da partida em postagens abaixo)
Porém, como tinha a vantagem de dois resultados iguais, e pelo fato de ter empatado a primeira partida, o Colo-Colo se sagrou, pela segunda vez, o grande campeão da segunda divisão do futebol baiano.
A torcida comemora muito, e a festa promete se estender para fora do estádio e se espalhar pela cidade.

TUDO IGUAL NO MÁRIO PESSOA: JACOBINA EMPATA O JOGO

O atacante Hugo, de cabeça, acaba de empatar a partida final do campeonato baiano da segundona, aos 30 minutos do segundo tempo.
Agora, no Mário Pessoa, em Ilhéus: Colo-Colo 2 x 2 Jacobina. Com o empate a equipe ilheense se sagra campeã.

JACOBINA DIMINUI: 2 A 1 PARA O COLO-COLO

No início da segunda etapa o time do Jacobina aproveita uma bobeira da zaga do Colo-Colo e diminui o placar.
Agora, no estádio Mário Pessoa: Colo-Colo 2 x 1 Jacobina.

PRIMEIRO TEMPO ENCERRADO: COLO-COLO 2 X 0 JACOBINA

Foto: Danilo Matos/ Ilhéus 24h.

Foto: Danilo Matos/ Ilhéus 24h.

Fim da etapa inicial no estádio Mário Pessoa, em Ilhéus. Em partida válida pela final do campeonato baiano da segunda divisão, o Colo-Colo ganha por 2 a 0 da equipe do Jacobina.
O Tigre ilheense precisa de um empate para se sagrar campeão.
Marcaram para a equipe de Ilhéus Peixoto, de pênalti, aos 19 minutos e Renilson, aos 46.

 

OUÇA AO VIVO A FINAL DA SEGUNDA DIVISÃO DO CAMPEONATO BAIANO

A Gabriela FM e a Rádio Baiana de Ilhéus disponibilizam em seus sites, o áudio da transmissão da partida final do campeonato baiano de futebol da segunda divisão.
Escolha o link e acompanhe todas as emoções de Colo-Colo x Jacobina:
http://www.radiogabrielafm.com.br/index2.php
http://radiobaiana.com.br/site/

O POVO NO SUFOCO E LUCRO PARA POUCOS: “REAJA ILHÉUS”

MARCOLINO VIEIRA REIS
Marcolino é é graduando em História pela Universidade Estadual de Santa Cruz, Coordenador na Bahia da União dos Estudantes do Brasil, Membro da Frente Ampla de Estudantes.

Marcolino é graduando em História pela Universidade Estadual de Santa Cruz, coordenador na Bahia da União dos Estudantes do Brasil e membro da Frente Ampla de Estudantes.

Há menos de 20 dias do início da contraditória e polêmica Copa do Mundo, na cidade de Ilhéus é anunciado mais um aumento da tarifa (passagem) do transporte “público” coletivo pela prefeitura municipal, passando a custar mais 20 centavos, pulando do valor de R$ 2,40 para R$ 2,60 e como todo aumento, vem acompanhado de promessas de melhorias.
Mas que melhorias são essas? Seria o passe livre para estudantes, idosos e desempregados? A tarifa zero para todos? Infelizmente não.
A prefeitura anunciou medidas de inovações, requalificando e renovar a frota em 25%, criação de nova linha circular, implantação de bagageiros em veículos que atendem as linhas do interior, criação de duas novas linhas para a (UESC) e Salobrinho, além de espaço para descanso de motoristas e cobradores no terminal urbano. Soma-se a estas medidas a instalação de GPS em 100% da frota de ônibus e implantação de painel, tipo telão, no Terminal Urbano, com informações gerenciais online do sistema de transporte e com finalidade de justificar e legitimar todas essas novas medidas, inclusive o aumento da tarifa para R$ 2,60 o prefeito se utiliza do resultado da auditoria realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), contratada para realização de estudos sobre o sistema de transporte coletivo de Ilhéus. De acordo com essa tal FIPE (que inclusive desconhece a realidade do transporte público nosso de cada dia), as empresas poderão efetuar um reajuste de 20 centavos no valor da tarifa, que passaria de R$ 2,40 para R$ 2,60, a partir do próximo dia 1º de junho e o prefeito completa seu feito dizendo: “Fizemos a consultoria para que houvesse um reajuste justo para todos, já que a empresa solicitou um aumento para R$ 3,19″.
O prefeito também faz questão de informar que sua secretaria do Desenvolvimento Urbano (Sedur) opina também pela tarifa de R$ 2,60 e um despacho da Procuradoria Geral do Município afirmando que a revisão e aumento da tarifa é legal porque está prevista no contrato. Se existe um contrato que garante o aumento da tarifa, por que, por amor à Ilhéus, carinho e respeito aos ilheenses não se revê esse contrato?
Mas me diga você, que diariamente utiliza esse sistema de transporte, que de público só tem nome, se esse aumento de R$ 2,40 para R$ 2,60, mesmo com todas as benfeitorias prometidas, é algo legal pro seu bolso? É importante lembrarmos que não deveria existir um aumento de tarifa, mas sim sua redução, por motivos claros e simples.

:: LEIA MAIS »



dom eduardo

lm mudancas













WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia