romárioO tetracampeão mundial Romário, considerado um dos deputados federais mais atuantes, não poupou nem mesmo os ex-companheiros de seleção brasileira em entrevista ao renomado jornal norte-americano “The New York Times”.
Sem papas na língua, o Baixinho classificou Bebeto e Ronaldo, antigos parceiros na campanha do tetracampeonato de 1994, de “ignorantes” pelo fato de apoiarem a Copa do Mundo no Brasil.
“Ou Ronaldo e Bebeto não sabem o que está acontecendo, ou estão fingindo que não sabem o que está acontecendo. De qualquer forma, são ignorantes”, disparou o ex-atacante, que frisou problemas mais profundos que o país encara atualmente.
“Você vê hospitais sem leitos. Você vê hospitais com pessoas pelo chão. Você vê escolas sem merenda para as crianças. (…) Se gastarem 30% a menos em estádios, eles serão capazes de melhorar outras coisas que importam de verdade”, declarou Romário,
Na entrevista, concedida em seu apartamento na Barra da Tijuca, o Baixinho fez novos ataques aos seus maiores desafetos: CBF e FIFA. “[Ricardo Teixeira] é parte de tudo que é ruim no futebol brasileiro nos últimos 10 anos. [Marin] é algo ainda pior”.
Sobre a entidade máxima do futebol mundial, Romário foi direto e culpou a FIFA de “roubar o povo brasileiro”: “eles pegaram o que vieram buscar: dinheiro. (…) Eles não se importam com o que vão deixar para trás.”