Foi publicado nesta segunda-feira (14) pelo Supremo Tribunal Federal, no Diário Oficial da União, o edital do concurso para 36 vagas com funções nos níveis médio, médio/técnico e superior, com atuação em Brasília. São oferecidas 15 vagas para os cargos de técnico (nível médio ou médio/técnico) e 21 para analista judiciário (superior), sendo oito das vagas, com uma para deficiente, destinadas à área administrativa, exigindo apenas nível médio.
A remuneração inicial do técnico é de R$ 4.575,16, e do analista, de R$ 7.506,55. Contudo, com o auxílio-alimentação, as remunerações passam para R$5.285,16 e R$ 8.216,55, respectivamente. O concurso tem validade de um ano, podendo ser prorrogado por igual período. As inscrições podem ser feitas a partir das 10h desta sexta-feira (18) até às 23h59 do dia 4 de novembro, pelo site da Cespe/UnB. As taxas são de R$ 60 (para técnico) e R$ 80 (analista), devendo ser pagas até o dia 14 de novembro.
As pessoas inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e membros de família de baixa renda podem solicitar isenção do pagamento na página do Cespe/UnB, a partir das 10h da próxima sexta (18), até o dia 4 de novembro. O resultado provisório sairá até o dia 8 de novembro. Para os candidatos que não possuem acesso à internet, o organizador disponibilizará posto de atendimento, somente em Brasília, nos dias úteis, das 8h às 12h e das 13h às 17h.
A seleção ocorrerá por meio de provas objetivas e discursivas, marcadas para 15 de dezembro, pela manhã, para os candidatos a analista, e pela tarde, para técnico. Os exames não serão aplicados em todas as capitais, ocorrendo apenas em Brasília. Os candidatos que se declararem deficientes passarão por perícia médica.